Abrir menu principal
As You Were
Álbum de estúdio de Liam Gallagher
Lançamento 6 de outubro de 2017 (2017-10-06)
Gravação 2016–2017
Gênero(s) Rock
Duração 44:43
Gravadora(s) Warner Bros. Records
Produção
Cronologia de Liam Gallagher
Why Me? Why Not. (2019)
Singles de As You Were
  1. "Wall of Glass"
    Lançamento: 1 de junho de 2017
  2. "Chinatown"
    Lançamento: 30 de junho de 2017
  3. "For What It's Worth"
    Lançamento: 10 de agosto de 2017
  4. "Gredy Soul"
    Lançamento: 27 de setembro de 2017
  5. "Come Back to Me"
    Lançamento: 23 de novembro de 2017

As You Were é o álbum de estúdio de estreia do cantor e compositor inglês Liam Gallagher. Seu lançamento ocorreu em 6 de outubro de 2017, através da Warner Bros. Records.[1] O álbum alcançou a primeira posição nas paradas do Reino Unido, com vendas acima dos demais colocados nas dez posições do UK Albums Chart, alcançando a certificação de ouro em sua primeira semana. Em seguida, recebeu a classificação de platina no Reino Unido. O álbum angariou o feito do vinil vendido em uma única semana dentro de 20 anos, com 16.000 cópias totais.[2]

AntecedentesEditar

O álbum foi anunciado em junho de 2017, com o lançamento do single "Wall of Glass". Gallagher revelou que faria sua primeira turnê solo pelos Estados Unidos e pelo Canadá, em suporte de seu primeiro álbum de estúdio.[3] O título do álbum é uma referência a como Gallagher finaliza suas mensagens no Twitter.[4] No álbum, Gallagher trabalhou na produção com Greg Kurstin, Andrew Wyatt e Dan Grech-Marguerat.[5]

RecepçãoEditar

Críticas profissionais
Pontuações agregadas
Fonte Avaliação
Metacritic 71/100[6]
Avaliações da crítica
Fonte Avaliação
AllMusic      [7]
The A.V. Club B+[8]
The Daily Telegraph      [9]
Mojo      [10]
NME      [11]
Pitchfork 4.9/10[12]
Q      [13]
Rolling Stone      [14]
Uncut 7/10[15]
The Guardian      [16]

Crítica profissionalEditar

O álbum recebeu críticas positivas no Metacritic, cuja classificação foi 71 de 100 pontos, baseada em 24 avaliações. Stephen Tomas Erlewine, do AllMusic, disse que "As You Were não soa retrô mesmo que seja, em essência, um retorno ao retorno − uma rearticulação da obsessão de Liam com os anos 60. A produção faz um favor a Gallagher, assim como Kurstin na co-composição ajudou o cantor a soar mais intenso em suas melodias. Do ataque violento de "Wall of Glass" ao redemoinho de "China Town", este é o seu melhor disco em quase uma década e eles somam a um álbum que ilustra exatamente o talento artístico de Liam. Agora, na meia-idade, é um cantor mais matizado do quera no Oasis, mas mantém seu carisma e, ao contrário do seu irmão, favorece cor e fogo às suas músicas."[7] Halina Watts, do jornal Daily Mirror, foi positiva em relação ao álbum de Liam, dizendo que "o álbum As You Where demonstra o roqueiro legendário no seu melhor álbum e valeu a pena esperar." A jornalista classificou "Chinatown" como um "poema animador e atraente" e "For What It's Worth" e "Paper Crown" como "baladas fantásticas". Watt completou a avaliação pedindo um segundo álbum de Liam.[17]

ComercialEditar

As You Were vendeu 103.000 cópias em sua primeira semana de lançamento no Reino Unido.[2] Tornou-se o nono álbum de estreia com debut lucrativo no país.[18] Em 2018, o álbum recebeu a certificação de platina, devido às 300.000 cópias vendidas no Reino Unido. Nos Estados Unidos, entrou para a 30ª posição da Billboard 200, vendendo 15.000 cópias equivalentes, incluindo 14.000 cópias tradicionais.[19]

Lista de faixasEditar

N.º TítuloCompositor(es)Produtor(es) Duração
1. "Wall of Glass"  
Kurstin 3:43
2. "Bold"  Gallagher
  • Dan Grech-Marguerat
  • Iain Archer
[a]
3:59
3. "Greedy Soul"  GallagherGrech-Marguerat 3:34
4. "Paper Crown"  
  • Wyatt
  • Tighe
Kurstin 3:28
5. "For What It's Worth"  
  • Gallagher
  • Simon Jons
Grech-Marguerat 4:11
6. "When I"m in Need"  
  • Gallagher
  • Archer
  • Grech-Marguerat
  • Archer
[a]
4:18
7. "You Better Run"  GallagherGrech-Marguerat 3:24
8. "I Get By"  GallagherGrech-Marguerat 3:09
9. "Chinatown"  
  • Wyatt
  • Tighe
Wyatt 3:20
10. "Come Back to Me"  
  • Gallagher
  • Kurstin
  • Wayatt
Kurstin 3:21
11. "Universal Gleam"  GallagherGrech-Marguerat 4:07
12. "I've All I Need"  GallagherGrech-Marguerat 4:09
Duração total:
44:43

Notas

  • ↑a denota a produção original da canção.
  • ↑b denota a produção demo.

PosiçõesEditar

SemanaisEditar

CertificaçõesEditar

País (Empresa) Certificação Vendas
  Reino Unido (BPI)   Platina 300.000

Referências

  1. Daniel Kreps (23 de junho de 2017). «Liam Gallagher Announces New LP 'As You Were,' First Solo U.S. Tour». Rolling Stone. Consultado em 1 de julho de 2017 
  2. a b White, Jack (13 de outubro de 2017). «Liam Gallagher's As You Were charges in at Number 1 on the Official Albums Chart and sets new vinyl record». Official Charts Company. Consultado em 14 de outubro de 2017 
  3. Noah Yoo and Jazz Monroe (23 de junho de 2017). «Liam Gallagher Announces Tour, Details New Album As You Were». Pitchfork. Consultado em 1 de julho de 2017 
  4. Anna Gaca (26 de maio de 2017). «Liam Gallagher Announces Solo Album As You Were, Manchester Benefit Concert». Spin. Consultado em 1 de julho de 2017 
  5. Ryan Reed (5 de julho de 2017). «Watch Liam Gallagher Wander Through London in 'Chinatown' Video». Rolling Stone. Consultado em 5 de julho de 2017 
  6. «Reviews and Tracks for As You Were by Liam Gallagher». Metacritic. Consultado em 10 de outubro de 2017 
  7. a b Erlewine, Stephen Thomas. «As You Were – Liam Gallagher». AllMusic. Consultado em 3 de outubro de 2017 
  8. Ihnat, Gwen (7 de outubro de 2017). «Liam Gallagher, As You Were». The A.V. Club. Consultado em 7 de outubro de 2017 
  9. McCormick, Neil (5 de outubro de 2017). «Liam Gallagher, As You Were, review: as fresh and surprising as he endlessly boasted it would be». The Daily Telegraph. Consultado em 5 de outubro de 2017 
  10. Perry, Andrew (novembro de 2017). «I should solo!». Mojo (288): 95 
  11. Cooper, Leonie (5 de outubro de 2017). «Liam Gallagher – 'As You Were' Review». NME. Consultado em 5 de outubro de 2017 
  12. Snapes, Laura (5 de outubro de 2017). «Liam Gallagher: As You Were». Pitchfork. Consultado em 5 de outubro de 2017 
  13. Moody, Paul (novembro de 2017). «Comeback King». Q (378): 102 
  14. Fricke, David (6 de outubro de 2017). «Liam Gallagher: As You Were». Rolling Stone. Consultado em 6 de outubro de 2017 
  15. Staunton, Terry (novembro de 2017). «Liam Gallagher: As You Were». Uncut (246): 28 
  16. Petridis, Alexis (5 de outubro de 2017). «Liam Gallagher: As You Were review – motormouth meets the Beatles, again». The Guardian. Consultado em 6 de outubro de 2017 
  17. Watts, Halina (7 de outubro de 2017). «Liam Gallagher wants to 'meet up and hug it out' with brother Noel: "Enough is enough now"». Daily Mirror. Consultado em 13 de outubro de 2017 
  18. «The fastest-selling debut albums of the decade so far». Official Charts Company. Consultado em 14 de outubro de 2017 
  19. Caulfield, Keith (20 de outubro de 2017). «Billboard 200 Chart Moves: Stone Temple Pilots' 'Core' Reissue Hits Top 40». Billboard. Consultado em 22 de outubro de 2017 
  20. «On The Charts: October 15, 2017». FYIMusicNews. Consultado em 17 de outubro de 2017 
  21. «Le Top de la semaine : Top Albums – SNEP (Week 41, 2017)». Syndicat National de l'Édition Phonographique. Consultado em 17 de outubro de 2017 
  22. «Top 40 album-, DVD- és válogatáslemez-lista». MAHASZ. Consultado em 20 de outubro de 2017 
  23. «Irish Albums Chart: 13 October 2017». Irish Recorded Music Association. Consultado em 14 de outubro de 2017 
  24. «Album – Classifica settimanale WK 41 (dal 2017-10-06 al 2017-10-12)» (em Italian). Federazione Industria Musicale Italiana. Consultado em 14 de outubro de 2017 
  25. «リアム・ギャラガー» (em Japanese). Oricon. 13 de outubro de 2017. Consultado em 13 de outubro de 2017 
  26. «2017년 41주차 Album Chart» (em Korean). Gaon Music Chart. Consultado em 19 de outubro de 2017 
  27. «Top 100 Albumes — Semana 41: del 06.10.2017 al 12.10.2017» (em Spanish). Productores de Música de España. Consultado em 18 de outubro de 2017 
  28. «Liam Gallagher Chart History». Billboard. Consultado em 17 de outubro de 2017 
  29. «Liam Gallagher Chart History». Billboard. Consultado em 17 de outubro de 2017 
  30. White, Jack (3 de janeiro de 2018). «The Top 40 biggest albums of 2017 on the Official Chart». Official Charts Company. Consultado em 3 de janeiro de 2018