Abrir menu principal
Ascendi
Razão social Ascendi - Auto-estradas de Portugal, S.A.
Atividade Transporte
Fundação 1999
Sede Perafita, Portugal Portugal
Locais Portugal
Pessoas-chave Gonçalo Nuno Gomes de Andrade Moura Martins (presidente da concessionária)
Produtos Administração e manutenção de rodovias e portagens
Website oficial [[1]]

A Ascendi é uma operadora de infra-estruturas de transporte em Portugal.

História[1]Editar

A Ascendi foi fundada em 1999, na altura com o nome AENOR. Foi adjudicada a sua primeira concessão rodoviária (Concessão Norte), no qual se incluíam as autoestradas A7 (antes concessionada pela Brisa) e a A11[2], as quais foram feitas em regime de portagens físicas.

Um ano depois foram atribuídas à AENOR 3 novas concessões: a Costa da Prata, a Beiras Litoral e Alta e a Grande Porto, em regime SCUT (Sem Custos para o Utilizador).

Em 2005 estiveram 350 km de autoestrada em construção em Portugal. Entretanto foram implementadas portagens virtuais nessas autoestradas.

Em 2007 foi atribuída outra concessão à AENOR: a Grande Lisboa, na qual gere autoestradas urbanas na Área Metropolitana de Lisboa.

Em setembro de 2009 a marca AENOR foi mudada para Ascendi. Em 2010 foi celebrado, com efeitos a partir de 1 de julho, o acordo de aditamento ao contrato de concessão, o qual teve como principal alteração a transferência do direito sobre as receitas de portagem da concessionária, que por sua vez tornou-se responsável pelo pagamento anual fixo de receitas de Disponibilidade à concessionária.[3]

Nos anos 2010 e 2011, passou a ser obrigatória a cobrança de portagens eletrónicas em todas as antigas SCUT da Ascendi. Foram feitos 5 contratos de concessão de portagens: Costa de Prata, Beiras Litoral e Alta, Grande Porto, Interior Norte e Pinhal Interior, sendo as duas últimas concessões atribuídas à Ascendi em 2011.

Em 2016, o Túnel do Marão, recentemente inaugurado, passa a ser portajado pela Ascendi em regime de portagens eletrónicas.

Autoestradas em Portugal[4]Editar

Referências

  1. «História | Ascendi». ascendi.pt. Consultado em 25 de março de 2018 
  2. «Decreto-lei 248-A/99 de 6 de julho» 
  3. «Concessionárias de Portugal» (PDF) 
  4. «Mapa | Ascendi». ascendi.pt. Consultado em 25 de março de 2018