Abrir menu principal
Assassinato dos Sture
O Castelo de Upsália, onde o crime foi cometido
Local Castelo de Upsália
Data 24 de maio de 1567
Mortes Nils Sture
Svante Sture
Erik
Abraham Gustafsson Stenbock
Ivar Ivarsson (Liljeörn)
Dionysius Beurraeus
Responsável(is) Érico XIV da Suécia
Motivo Conflito entre o rei e alta nobreza

O Assassinato dos Sture (Sturemorden) foi um homicídio cometido pelo rei Érico XIV da Suécia, em 24 de maio de 1567, no castelo de Upsália.
Num acesso de fúria incontrolada, o monarca e os seus guardas tiraram a vida, pelas próprias mãos, a cinco nobres suecos, entre os quais Svante Sture e os seus filhos Nils e Erik, acusados de conspirarem contra o próprio rei.[1][2][3][4]

Referências

  1. Lars-Olof Larsson. «Sturemorden» (em sueco). Nationalencyklopedin – Enciclopédia Nacional Sueca 
  2. Magnusson, Thomas; et al. «Erik XIV». Vad varje svensk bör veta (em sueco). Estocolmo: Albert Bonniers Förlag e Publisher Produktion AB. p. 62. 654 páginas. ISBN 91-0-010680-1 
  3. «Sturemorden». Norstedts uppslagsbok (em sueco). Estocolmo: Norstedts. 2007–2008. p. 1245. 1488 páginas. ISBN 9789113017136 
  4. Nina Ringbom. «Sturemorden 1567» (em sueco). Historiesajten.se