Assis Mentor Couto de Mello

advogado brasileiro

Assis Mentor Couto Mello (11 de agosto de 1917, Parnaíba/PI - 18 de agosto de 2003, São Paulo/SP), Bacharel em Ciências Jurídicas e Sociais, foi Delegado de Polícia Civil e do DOPS do Estado de São Paulo.[1][2]

Concluiu o ensino médio no Ginásio Parnaibano, na cidade onde nasceu (Parnaíba/PI), seguindo para Belo Horizonte, onde cursou e obteve o seu bacharelado em Ciências Jurídicas e Sociais na Faculdade de Direito da Universidade de Minas Gerais, registrando-se na Ordem dos Advogados do Brasil, Seção do Estado do Ceará (OAB-CE), sob o n. 426.[3]

Posteriormente, transferiu-se para o Estado de São Paulo, onde casou-se com Encarnação (Ozita) Mentor Couto Mello. O casal teve quatro filhos: Angélica de Maria Mello de Almeida, a primeira mulher juíza do Tribunal de Alçada Criminal de São Paulo,[4][5] José Mentor Guilherme de Mello Neto, que foi deputado federal pelo PT-SP,[6][7] Antonio Mentor de Mello Sobrinho, que foi deputado estadual,[8][9] também pelo PT-SP, e Assis Mentor de Mello Filho, engenheiro eletricista.

Como delegado de polícia civil do Estado de São Paulo, durante o regime militar iniciado em 1964, Assis Mentor não se curvou às pressões que viveu como delegado do DOPS, mesmo tendo seu filho José Mentor preso, em 1968, após este ter participado do histórico Congresso de Ibiúna (SP), engajado na construção do "Centro Acadêmico 22 de Agosto" da PUC de São Paulo, da União Estadual dos Estudantes e da União Nacional dos Estudantes.

Referências

  1. Discurso do Deputado Federal José Mentor (PT-SP). Homenagem aos advogados criminalistas atuantes em auditorias da Justiça Militar Federal nas décadas de 60 e 70 (com citação a Assis Mentor Couto de Mello,...delegado do DOPS). Câmara dos Deputados. Sessão: 288.1.52.O, de 04/12/2003. Publicado no portal da Câmara dos Deputados. (página visitada em 06/07/2010)
  2. 81ª SESSÃO ORDINÁRIA da Assembléia Legislativa de São Paulo, em 19 de agosto de 2003. Pequeno Expediente. Levantamento da sessão às 14h 42m devido ao falecimento do pai do líder do PT na AL-SP (citando Assis Mentor Couto de Mello), Deputado Estadual Antônio Mentor, e do Deputado Federal pelo PT-SP, José Mentor. Portal da Assembléia Legislativa de São Paulo. (página visitada em 06/07/2010)
  3. Listagem de "Consulta Processual de Advogados" (na qual consta o advogado Assis Mentor Couto de Mello). Portal do Tribunal de Justiça do Ceará. (página visitada em 06/07/2010)
  4. Composição da Seção de Direito Criminal: Lista de Magistrados em Ordem de Antiguidade (na qual consta Angélica de Maria Mello de Almeida, a primeira mulher listada na seqüência da lista). Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo. Poder Judiciário. (página visitada em 28/07/2010)
  5. Magistrados do Tribunal Pleno (constando Angélica de Maria Mello de Almeida). Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo. Poder Judiciário. (página visitada em 28/07/2010)
  6. José Mentor. Conheça os Deputados. Câmara dos Deputados. (página visitada em 28/07/2010)
  7. José Mentor. Deputado Federal (PT). Portal Oficial do Deputado Federal José Mentor. (página visitada em 28/07/2010)]
  8. Antonio Mentor. Deputados Estaduais. Assembléia Legislativa de São Paulo. (página visitada em 28/07/2010)
  9. Antonio Mentor. Deputado Estadual (PT). Portal Oficial do Deputado Estadual Antonio Mentor. (página visitada em 28/07/2010)
  Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.