Abrir menu principal
Disambig grey.svg Nota: Não confundir com a Associação Internacional dos Trabalhadores, também conhecida como Primeira Internacional

(IWA-AIT)
Ficheiro:Asociación Internacional de los Trabajadores (logo).jpg
Asociación Internacional de los Trabajadores (logo)
Fundação dezembro de 1922 (1922-12)
Propósito Luta de classes e revolução social
Sede Varsóvia
Filiação Anarco-sindicalismo

A Associação Internacional dos Trabalhadores (Inglês: International Workers Association, espanhol: Asociación Internacional de los Trabajadores), por vezes referida como IWA-AIT ou Associação Internacional dos Trabalhadores de Berlim, é uma federação internacional de sindicatos anarcossindicalistas que reivindica o legado das seções antiautoritárias da Primeira Internacional, fundada em Berlim.

Baseada nos princípios do sindicalismo revolucionário, a IWA-AIT pretende "dar às organizações econômicas sindicais uma base nacional e industrial" para que possam lutar pelos interesses políticos e econômicos da classe trabalhadora, e onde isto já se verifique, "fortalecer as que estejam decididas a lutar pela destruição do capitalismo e do Estado".[1]

Em seu auge, a organização chegou a representar milhões de pessoas mundialmente. Seus sindicatos membros tiveram um papel central em importantes conflitos sociais das décadas de 1920 e 1930. Entretanto, a organização formou-se quando diversos países entravam em períodos de extrema repressão, e vários dos maiores sindicatos que integravam a IWA-AIT foram desarticulados durante esse período.[2]

Como resultado, ao fim da Segunda Guerra Mundial, a IWA-AIT entra em crise e apenas uma de suas seções funcionava como organização sindical. Tal crise se seguiu durante as décadas de 1940 e 1950. As fileiras da IWA-AIT tomaram força novamente apenas na década de 1970, após a morte do ditador espanhol Francisco Franco, com a saída da Confederación Nacional del Trabajo (CNT) da clandestinidade e com a retomada de suas atividades.

Após a década de 1970, a IWA-AIT expandiu-se, e atualmente conta com 10 secções membras e seis federações amigas. A Solfed é neste momento o maior sindicato da IWA-AIT.

Índice

Na atualidadeEditar

SecçõesEditar

Nome País
Associação Internacional dos Trabalhadores - Secção Portuguesa Portugal
Federação Anarco-Sindicalista Austrália
Iniciativa Anarco-Sindicalista Sérvia
Confederação Nacional do Trabalho Espanha
Confederação Operária Brasileira Brasil
Federação Sindicalista Norueguesa Noruega
Ação Direta Eslováquia
KRAS Rússia
ZSP Polónia
Federação Solidariedade Reino Unido

Amigos da AITEditar

Nome País
Orestad LS Suécia
Germinal Chile
Workers Solidarity Alliance Estados Unidos da América
União Libertária Estudantil Colômbia
Wiener Arbeiter*Iennen Syndikat Áustria
Arsindikat Bulgária

Referências

  1. Estatutos da IWA-AIT. Visitado em 21 de fevereiro de 2015.
  2. Vadim Damier (2009), Anarcho-syndicalism in the 20th Century


  Este artigo sobre Anarquismo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.