Astates Ieztaiar

Astates Ieztaiar ou Ashtat Yeztayar foi um oficial militar sassânida do começo do século VII, ativo sob o Cosroes II (r. 590–628). Astates é citado pela primeira vez no 18º ano do reinado de Cosroes, datado variadamente em 606/607 ou 607/608,[1] quando foi nomeado como comandante da invasão sassânida na Armênia bizantina, em sucessão de Senitam Cosroes. Durante a invasão, diz-se que foi acompanhado por Teodósio, filho do imperador bizantino assassinado Maurício I (r. 582–602).[2][3]

Astates Ieztaiar
Nacionalidade
Derafsh Kaviani.png
Império Sassânida
Ocupação General
Religião Zoroastrismo
Dinar de ouro de Cosroes II (r. 591–628)

O primeiro combate de Astates na Armênia ocorreu em Bassiana, onde derrotou um exército bizantino e então o perseguiu até Satala. Dali, marchou em direção a Teodosiópolis e conseguiu fazer a cidade render-se ao mostrar Teodósio. Então capturou várias cidades armênias, como Citarizo, Satala, Nicópolis e Apástias. Depois disso, desaparece das fontes. Sabe-se, contudo, que por 607/608 foi sucedido por Saino.[2][3]

Referências

  1. Greatrex 2002, p. 300.
  2. a b Martindale 1992, p. 136.
  3. a b Greatrex 2002, p. 186.

BibliografiaEditar

  • Greatrex, Geoffrey; Lieu, Samuel N. C. (2002). The Roman Eastern Frontier and the Persian Wars (Part II, 363–630 AD). Londres: Routledge. ISBN 0-415-14687-9 
  • Martindale, John R.; Jones, Arnold Hugh Martin; Morris, John (1992). The Prosopography of the Later Roman Empire - Volume III, AD 527–641. Cambridge e Nova Iorque: Cambridge University Press. ISBN 0-521-20160-8