Abrir menu principal
Palas, o maior asteroide tipo B.

Asteroides tipo B são um tipo relativamente raro de asteroide de carbono. Na população de asteroides, os objetos de classe B são abundantes no cinturão de asteroides externo, e também dominam a família Palas que inclui o segundo maior asteroide 2 Palas. Eles são considerados primitivos e podem conter componentes voláteis do início do sistema solar.

CaracterísticasEditar

De um modo geral eles são semelhante aos asteroides tipo C, mas que diferem pelo fato da absorção dos raios ultravioleta por esses objetos ser inferior a 0,5 µm sendo pequeno ou ausente, e o espectro é mias azul do que vermelho.[1] O albedo também tende a ser elevado do que no tipo C que é geralmente muito escuro, entre 0,04 e 0,08.[2] A espectroscopia desse objetos de classe B sugere que os principais componentes da superfície são silicatos anidros, minerais de argila hidratados, polímeros orgânicos, magnetita e sulfetos. Os espectros mais próximo dos asteroides tipo B foram obtidos em meteoritos condritos de carbono que foram aquecidos suavemente em laboratório.

Futura missão OSIRIS-RExEditar

O asteroide Bennu que é do tipo B é o alvo da missão OSIRIS-REx; que visa mapear a superfície, estudar o Efeito de Yarkovsky e coletar uma amostra do asteroide para voltar à Terra em 2023. A sonda espacial será lançada em 2016.

Veja tambémEditar

Referências

  1. Yang, Bin, Jewitt, D., American Astronomical Society, Near Infrared Spectroscopy of B-type Asteroids, DPS meeting #41, #32.09, 2009. URL consultato il 17 settembre 2011
  2. «Informações sobre asteroides» (em inglês). Consultado em 16 de dezembro de 2014