Atalarico

Atalarico (em latim: Athal(l)aricus ou Atalaricus; em grego medieval: Αταλ(λ)άριχος; transl.: Atalárichos; em gótico: *Aþala-reiks), ainda chamado Atalrico (em latim: Athalricus), Atlarico (Athlaricus), Atlalrico (Athlalricus) ou Adalarico (em latim: Adhalaricus),[1] foi um rei ostrogótico da Itália de 526 a 534. Era filho de Eutarico e Amalasunta e neto de Teodorico, o Grande (r. 474–526). Tinha uma irmã cujo nome era Matasunta. Ele nasceu em 516 ou 518. Por ser menor de idade ao ascender, sua mãe tomou controle do governo. Esperava que Atalarico tivesse educação romana, mas o plano foi frustrado pelos ostrogodos. O rei teve estilo de vida devasso, como qualificado por Procópio de Cesareia, e adoeceu em decorrência disso. Faleceria de sua enfermidade em 2 de outubro de 534.[2] Com sua morte, Amalasunta convocou seu parente Teodato para assumir nominalmente o trono enquanto o governo de fato ficaria com ela, mas assim que assumiu, Teodato a prendeu e ordenou seu assassinato.[3]

Atalarico
Soldo de Atalarico emitido em Ticino
Rei ostrogótico da Itália
Reinado 526 — 534
Antecessor(a) Teodorico, o Grande
Sucessor(a) Teodato
 
Dinastia dos Amalos
Nascimento 516 ou 518
Morte 2 de outubro de 534
Pai Eutarico
Mãe Amalasunta

Referências

  1. Schönfeld 1911, p. 33-34.
  2. Martindale 1980, p. 175-176.
  3. Martindale 1980, p. 1067-1068.

BibliografiaEditar

  • Martindale, J. R.; Jones, Arnold Hugh Martin; Morris, John (1980). «Athalaricus; Theodahadus». The Prosopography of the later Roman Empire - Volume 2. A. D. 395 - 527. Cambrígia e Nova Iorque: Imprensa da Universidade de Cambrígia 
  • Schönfeld, M. (1911). Wörterbuch der altgermanischen personen-und völkernamen. Heilderberga: Livraria da Universidade Carl Winter 
 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Atalarico