Atlético Amazonense

time de futebol

A Associação Sport Club Atlético Amazonense ou simplesmente Atlético Amazonense é um clube brasileiro dedicado ao futebol da cidade de Manaus, no Estado do Amazonas. Seu uniforme consiste em camisa e calção branco, adornados com faixas azuis e vermelhas.

Atlético Amazonense
Escudo Atlético Amazonense.png
Nome Associação Sport Club Atlético Amazonense
Alcunhas Pitbull do Amazonas
Torcedor(a)/Adepto(a) Atleticano
Mascote Pitbull
Fundação 8 de janeiro de 2018 (4 anos)
Localização Manaus, AM
Mando de jogo em Colina
Capacidade (mando) 10.000 Pessoas
Presidente Henrique da Costa Barbosa
Treinador(a) Rodrigo Fonseca
Competição Amazonense - Série B
Website Instagram
Facebook
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
titular
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
alternativo
Temporada atual

HistóriaEditar

O clube é um projeto esportivo do controverso empresário Henrique Barbosa, que chegou a Manaus em meados de 2016 apresentando um audacioso projeto em parceria com o Rio Negro[1] através da sua empresa "Excellence Football", que acabou não dando certo. Nessa parceria o empresário chegou a trazer o ex-jogador Dodô, que acabou saindo apontando inúmeras insatisfações com Henrique.[2]. Ainda no Amazonas, em 2017, usando outra razão social(Sport News) fez nova parceria, desta vez com o Tarumã para a disputa da Segunda Divisão, onde novamente passou longe de obter sucesso.[3] Alegando em entrevistas ser um dos donos do Grêmio Barueri, Henrique Barbosa é um colecionador de gestões controversas por onde passa, com passagens ruins pelo Ceilândia, Lemense, Vilhena, Conilon, São Mateus(que por erros administrativos foi da vice-liderança à lanterna do Campeonato Capixaba de 2015)[4], depois dos dissabores, o empresário resolveu fundar uma agremiação em Manaus com sua principal meta sendo a de revelar novos valores, investindo inicialmente na base. Nas mídias sociais do clube é constantemente divulgado um trabalho voltado para a revelação de atletas e também conferências com nomes conhecidos do futebol nacional.

Escândalo de manipulação de resultadosEditar

Com o histórico por trás de seu dono, não demorou para o Atlético Amazonense se ver envolvido em um escândalo: em jogo válido pela 8ª rodada do Campeonato Amazonense de Futebol de 2022 - Segunda Divisão, o jogador Júlio Campos fez um gol contra propositadamente, o que chamou atenção da imprensa nacional.[5] A diretoria do clube chegou a alegar a demissão do jogador e também que acionou o Ministério Público para averiguar a situação ocorrida na partida onde o clube foi derrotado pelo placar de 4 a 1 pelo Sul América.[6] Em 8 de Setembro de 2022, três dias após a partida, foi denunciado com provas no Jornal ACritica que o alto comando do clube já vinha atuando no aspecto de manipular resultados para obter lucro em apostas esportivas, com envolvimento direto de Henrique Barbosa, inclusive em outras partidas, o que levou ao desligamento do então técnico Rodrigo Fonseca, que chegou a registrar boletim de ocorrência por conta de ameaças feitas pelo dirigente. Henrique Barbosa já havia sido responsável pelo inesperado rebaixamento do Penarol na primeira divisaão de 2022.[7]

Futebol ProfissionalEditar

O clube se profissionalizou em 2020 para a disputa do Campeonato Amazonense da Segunda Divisão, [8]onde brigará com mais seis equipes pelo acesso à Primeira Divisão.[9]

Futebol FemininoEditar

O clube disputou o Campeonato Amazonense de Futebol Feminino já em seu primeiro ano de existência, em 2018, porém não obteve êxito em sua participação, levando duas goleadas e deixando de disputar uma partida. Depois do fiasco, o clube não mais disputou competições oficiais no futebol feminino.

Categorias de BaseEditar

Fundado com a premissa de ser um clube revelador de talentos, o clube iniciou suas atividades logo filiando-se à Federação Amazonense de Futebol para disputar seus torneios de base, assim, disputou todas as categorias inferiores no ano de 2018. Ausentou-se em 2019 e retornou em 2020.[10]

Torneios de base que participouEditar

  •  Campeonato Amazonense de Futebol Sub21: 2020
  •  Campeonato Amazonense de Futebol Sub21: 2021
  •  Campeonato Amazonense de Futebol Sub19: 2018, 2022
  •  Campeonato Amazonense de Futebol Sub17: 2018, 2020
  •  Campeonato Amazonense de Futebol Sub15: 2018, 2020
  •  Amazonense Cup Sub 17: 2020
  •  Copa Brasil Sub15 - Votorantim 2019
  •  Iranduba Cup: 2018
  •  Copa Ouro Sub19: 2018
  •  Copa Amazonas Sub23: 2018

EscudoEditar

Evolução do escudo do Atlético Amazonense
2018-2021 2021-Atualmente
   

EstruturaEditar

O clube conta com apoio da Associação dos Empregados da Eletronorte - ASEEL, que disponibiliza um campo de medidas oficiais para que os times do clube possam treinar.[11]

RetrospectoEditar

O clube disputou até aqui duas edições da Segunda Divisão do Campeonato Amazonense de Futebol.

  Campeonato Amazonense 2ª Div
Ano 2020 2021 2022
Pos.


  • E.A. - Disputa em andamento.
  • N.D. - Estava apto a participar mas não disputou.

Referências

  1. Camila Leonel (6 de fevereiro de 2017). «Rio Negro anuncia nova parceira para o Campeonato Amazonense 2017». Jornal ACritica. Manaus/AM. Consultado em 10 de julho de 2022 
  2. Gabriel Mansur (21 de julho de 2016). «Novo sócio do Rio Negro coleciona gestões conturbadas em outros clubes». ge.globo.com/am. Consultado em 10 de julho de 2022 
  3. «Presidente do Tarumã revela passado do novo parceiro». futeboldonorte.com. 14 de julho de 2017. Consultado em 10 de julho de 2022 
  4. Bruno Henrique de Moura (1 de fevereiro de 2020). «Atual gestor do Ceilândia acumula polêmicas pelo Brasil a fora». Distrito do Esporte. Consultado em 10 de julho de 2022 
  5. Redação (5 de setembro de 2022). «Gol contra bizarro na segundona amazonense gera suspeitas de manipulação; clube diz que afastou envolvidos». O Globo. Consultado em 8 de setembro de 2022 
  6. Extra (6 de setembro de 2022). «Atlético Amazonense demite autor de gol contra proposital, aciona Ministério Público e pede impugnação da partida». Extra. Consultado em 8 de setembro de 2022 
  7. Deyvid Jhonatan (8 de setembro de 2022). «Escândalo de manipulação de resultados no Amazonas». Portal ACritica. Consultado em 8 de setembro de 2022 
  8. Leonardo Sena (15 de maio de 2020). «Atlético-AM promete participação em campeonatos de base e Série B do Barezão em 2020». Jornal ACritica. Manaus/AM. Consultado em 10 de julho de 2022 
  9. Leonardo Sena (27 de agosto de 2020). «Sete times garantem vaga na Série B do Campeonato Amazonense». Jornal do Commercio. Manaus/AM. Consultado em 10 de julho de 2022 
  10. «A. S. C. Atlético Amazonense». futeboldebaseamazonense.com.br/. 2022. Consultado em 10 de julho de 2022 
  11. Leonardo Sena (15 de maio de 2020). «Atlético-AM promete participação em campeonatos de base e Série B do Barezão em 2020». Jornal ACritica. Manaus/AM. Consultado em 10 de julho de 2022