Atletismo nos Jogos Olímpicos de Verão de 2020 - 10000 m feminino

O evento dos 10000 metros feminino nos Jogos Olímpicos de Verão de 2020 aconteceu no dia 7 de agosto de 2021 no Estádio Olímpico. Vinte e nove atletas participaram da competição, que teve a neerlandesa nascida na Etiópia, Sifan Hassan, conquistando a medalha de ouro.[1]

10000 metros feminino nos
Jogos Olímpicos de Verão de 2020
Japão Tóquio, Japão
Dados
Participantes 29 de 18 CONs
Sede Estádio Olímpico
Data 7 de agosto de 2021 (final)
Dias de competição 1
Medalhistas
Medalha de ouro Ouro Sifan Hassan
Países BaixosNED Países Baixos
Medalha de prata Prata Kalkidan Gezahegne
BahreinBRN Bahrein
Medalha de bronze Bronze Letesenbet Gidey
EtiópiaETH Etiópia
◄◄ Brasil 2016 2024 França ►►
Atletismo nos
Jogos Olímpicos de Verão de 2020
Provas de pista
100 m masc fem
200 m masc fem
400 m masc fem
800 m masc fem
1500 m masc fem
5000 m masc fem
10000 m masc fem
100 m com barreiras fem
110 m com barreiras masc
400 m com barreiras masc fem
3000 m
com obstáculos
masc fem
Revezamento 4×100 m masc fem
Revezamento 4×400 m masc fem mis
Provas de estrada
Maratona masc fem
20 km marcha atlética masc fem
50 km marcha atlética masc
Provas de campo
Salto em altura masc fem
Salto com vara masc fem
Salto em distância masc fem
Salto triplo masc fem
Arremesso de peso masc fem
Lançamento de disco masc fem
Lançamento de martelo masc fem
Lançamento de dardo masc fem
Eventos combinados
Heptatlo fem
Decatlo masc

Qualificação

editar

Um Comitê Olímpico Nacional (CON) poderia inscrever até 3 atletas no evento feminino de 10000 metros desde que todos as atletas atendessem ao padrão de inscrição ou se classificassem pelo ranking durante o período de qualificação (o limite de 3 está em vigor desde o Congresso Olímpico de 1930). O tempo padrão a qualificação é 31:25.00. Este padrão foi "estabelecido com o único propósito de qualificar atletas com desempenhos excepcionais incapazes de se qualificar através do caminho do Ranking Mundial da IAAF". O ranking mundial, baseado na média dos cinco melhores resultados do atleta durante o período de qualificação e ponderado pela importância do evento, foi usado para qualificar as atletas até que o limite de 27 fosse alcançado.[2][3]

O período de qualificação foi originalmente de 1 de maio de 2019 a 29 de junho de 2020. Devido à pandemia de COVID-19, este período foi suspenso de 6 de abril de 2020 a 30 de novembro de 2020, com a data de término estendida para 29 de junho de 2021. O início do período do ranking mundial a data também foi alterada de 1 de maio de 2019 para 30 de junho de 2020; as atletas que atingiram o padrão de qualificação naquela época ainda estavam qualificados, mas aqueles que usavam as classificações mundiais não seriam capazes de contar os desempenhos durante esse tempo. Os padrões de tempo de qualificação podem ser obtidos em várias competições durante o período determinado que tenham a aprovação da IAAF. Tanto competições ao ar livre quanto em recinto fechado eram elegíveis para a qualificação. Os campeonatos continentais mais recentes podem ser contados no ranking, mesmo que não durante o período de qualificação.[4]

Os CONs também poderiam usar sua vaga de universalidade — cada CON pode inscrever uma atleta independentemente do tempo, se não houver nenhuma atleta que atenda ao padrão de entrada a um evento de atletismo — nos 10000 metros.

Formato

editar

Não houve preliminares. A competição ocorreu em uma única prova.[1]

Calendário

editar

Horário local (UTC +9)[5]

7 de agosto
19:45
Final

Medalhistas

editar
  Ouro  NED Sifan Hassan
  Prata  BRN Kalkidan Gezahegne
  Bronze  ETH Letesenbet Gidey

Recordes

editar

Antes desta competição, os recordes mundiais e olímpicos existentes eram os seguintes:

Tipo Atleta Tempo Local Data
    Letesenbet Gidey 29:01.03   Hengelo 8 de junho de 2021
    Almaz Ayana 29:17.45   Rio de Janeiro 12 de agosto de 2016

Por região

editar
Área Tempo Atleta Nação
África 29:01.03   Letesenbet Gidey   Etiópia
Ásia 29:31.78 Wang Junxia   China
Europa 29:06.82 Sifan Hassan   Países Baixos
América do Norte, Central e

Caribe

30:13.17 Molly Huddle   Estados Unidos
Oceania 30:35.54 Kim Smith   Nova Zelândia
América do Sul 31:47.76 Carmem de Oliveira   Brasil

Os seguintes recordes nacionais foram estabelecidos durante a competição:

CON Atleta Rodada Tempo Notas
Burundi Francine Niyonsaba Final 30:41.93

Resultados

editar

A final foi disputada em 7 de agosto, às 19:45 locais.[6]

Pos. Atleta CON Tempo Notas
  Sifan Hassan  NED Países Baixos 29:55.32
  Kalkidan Gezahegne  BRN Bahrein 29:56.18
  Letesenbet Gidey  ETH Etiópia 30:01.72
4 Hellen Obiri  KEN Quênia 30:24.27  
5 Francine Niyonsaba  BDI Burundi 30:41.93  
6 Irene Chepet Cheptai  KEN Quênia 30:44.00  
7 Ririka Hironaka  JPN Japão 31:00.71  
8 Konstanze Klosterhalfen  GER Alemanha 31:01.97
9 Eilish McColgan  GBR Grã-Bretanha 31:04.46
10 Emily Sisson  USA Estados Unidos 31:04.46
11 Yasemin Can  TUR Turquia 31:10.05  
12 Karissa Schweizer  USA Estados Unidos 31:19.96
13 Alicia Monson  USA Estados Unidos 31:21.36
14 Andrea Seccafien  CAN Canadá 31:36.36
15 Dolshi Tesfu  ERI Eritreia 31:37.98
16 Sheila Chelangat  KEN Quênia 31:48.23
17 Jessica Judd  GBR Grã-Bretanha 31:56.80
18 Meraf Bahta  SWE Suécia 32:10.49 (.483)
19 Camille Buscomb  NZL Nova Zelândia 32:10.49 (.489)  
20 Dominique Scott  RSA África do Sul 32:14.05
21 Hitomi Niiya  JPN Japão 32:23.87  
22 Yuka Ando  JPN Japão 32:40.77
23 Selamawit Teferi  ISR Israel 32:46.46
24 Mercyline Chelangat  UGA Uganda 33:10.90
Tsigie Gebreselama  ETH Etiópia DNF
Karoline Bjerkeli Grøvdal  NOR Noruega DNF
Susan Krumins  NED Países Baixos DNF
Sarah Lahti  SWE Suécia DNF
Tsehay Gemechu  ETH Etiópia DSQ TR 17.3.2
Legenda
  Recorde mundial (World record)   Recorde africano (African) Q Classificado por posição (Qualified)
  Recorde olímpico (Olympic record)   Recorde da América (Americas) q Classificado por melhor tempo (Qualified)
  Melhor marca do ano (World leading)   Recorde asiático (Asian) DNS Não largou (Did not start)
  Recorde nacional (National record)   Recorde europeu (European) DNF Não terminou (Did not finish)
  Recorde pessoal do atleta (Personal best)   Recorde da Oceania (Oceania) DSQ / DQ Desclassificado (Disqualified)
  Recorde da temporada do atleta (Season best)   Recorde sul-americano (South America) NM Sem marca (No mark)

Referências

  1. a b «Olympic Stadium - Track - 7 Aug - 19:45 - Official» (em inglês). olympics.com. Consultado em 22 de agosto de 2021 
  2. «IAAF to follow other sports with world ranking system for athletes». BBC Sport. 7 de março de 2018. Consultado em 2 de agosto de 2018 
  3. «New ranking system to change athletics». BBC Sport (em inglês). Consultado em 21 de julho de 2021 
  4. «Olympic qualification period suspended until 1 December 2020». World Athletics. 6 de abril de 2020. Consultado em 9 de abril de 2020 
  5. «Athletics - Olympic Schedule & Results» (em inglês). olympics.com. Consultado em 22 de agosto de 2021 
  6. «Athletics – Women's 10000m – Final» (PDF). Olympics.com. Consultado em 14 de outubro de 2021. Cópia arquivada (PDF) em 9 de outubro de 2021 

Ligações externas

editar