Atletismo nos Jogos Olímpicos de Verão de 2020 - 3000 m com obstáculos masculino

O evento dos 3000 metros com obstáculos masculino nos Jogos Olímpicos de Verão de 2020 ocorreu entre nos dias 30 de julho e 2 de agosto de 2021 no Estádio Olímpico. Esperava-se que aproximadamente quarenta e cinco atletas participassem.[1]

3000 m com obstáculos masculino nos
Jogos Olímpicos de Verão de 2020
Japão Tóquio, Japão
Dados
Participantes 44 de 22 CONs
Sede Estádio Olímpico
Data 30 de julho de 2021 (eliminatórias)
2 de agosto de 2021 (final)
Dias de competição 2
Medalhistas
Medalha de ouro Ouro Soufiane El Bakkali
MarrocosMAR Marrocos
Medalha de prata Prata Lamecha Girma
EtiópiaETH Etiópia
Medalha de bronze Bronze Benjamin Kigen
QuêniaKEN Quênia
◄◄ Brasil 2016 2024 França ►►
Atletismo nos
Jogos Olímpicos de Verão de 2020
Provas de pista
100 m masc fem
200 m masc fem
400 m masc fem
800 m masc fem
1500 m masc fem
5000 m masc fem
10000 m masc fem
100 m com barreiras fem
110 m com barreiras masc
400 m com barreiras masc fem
3000 m
com obstáculos
masc fem
Revezamento 4×100 m masc fem
Revezamento 4×400 m masc fem mis
Provas de estrada
Maratona masc fem
20 km marcha atlética masc fem
50 km marcha atlética masc
Provas de campo
Salto em altura masc fem
Salto com vara masc fem
Salto em distância masc fem
Salto triplo masc fem
Arremesso de peso masc fem
Lançamento de disco masc fem
Lançamento de martelo masc fem
Lançamento de dardo masc fem
Eventos combinados
Heptatlo fem
Decatlo masc

Qualificação

editar

Um Comitê Olímpico Nacional (CON) pode inscrever até três atletas no evento masculino de 3000 metros com obstáculos desde que todos atendam ao padrão de inscrição ou se classificarem pelo ranking durante o período de qualificação (o limite de três está em vigor desde o Congresso Olímpico de 1930). O tempo padrão a qualificação é 8:22.00. Este padrão foi "estabelecido com o único propósito de qualificar atletas com desempenhos excepcionais incapazes de se qualificar através do caminho do Ranking Mundial da IAAF". O ranking mundial, baseado na média dos cinco melhores resultados do atleta durante o período de qualificação e ponderado pela importância do evento, foi usado para qualificar os atletas até que o limite de 45 fosse alcançado.[2][3]

O período de qualificação foi originalmente de 1 de maio de 2019 a 29 de junho de 2020. Devido à pandemia de COVID-19, este período foi suspenso de 6 de abril de 2020 a 30 de novembro de 2020, com a data de término estendida para 29 de junho de 2021. O início do período do ranking mundial a data também foi alterada de 1 de maio de 2019 para 30 de junho de 2020; os atletas que atingiram o padrão de qualificação naquela época ainda estavam qualificados, mas aqueles que usavam as classificações mundiais não seriam capazes de contar os desempenhos durante esse tempo. Os padrões de tempo de qualificação podem ser obtidos em várias competições durante o período determinado que tenham a aprovação da IAAF. Tanto competições ao ar livre quanto em recinto fechado eram elegíveis para a qualificação. Os campeonatos continentais mais recentes podem ser contados no ranking, mesmo que não durante o período de qualificação.[4]

Os CONs também podem usar sua vaga de universalidade — cada CON pode inscrever um atleta masculino independentemente do tempo, se não houver nenhum atleta masculino que atenda ao padrão de entrada a um evento de atletismo — nos 3000 metros com obstáculos.

Formato

editar

O evento continua a usar o formato de duas fases (eliminatórias e final) introduzido em 2012. São 3 baterias iniciais, com os 3 primeiros colocados em cada uma e os 6 melhores tempos no geral avançando para a final.

Calendário

editar

Horário local (UTC +9)

30 de julho 2 de agosto
9:30 21:15
Eliminatórias Final

Medalhistas

editar
  Ouro  MAR Soufiane El Bakkali
  Prata  ETH Lamecha Girma
  Bronze  KEN Benjamin Kigen

Recordes

editar

Antes desta competição, os recordes mundiais, olímpicos e regionais existentes eram os seguintes:

Tipo Atleta Tempo Local Data
    Saif Saaeed Shaheen 7:53.63   Oslo 3 de setembro de 2004
    Conseslus Kipruto 8:03.28   Rio de Janeiro 17 de agosto de 2016

Por região

editar
Área Tempo Atleta Nação
África 7:53.64 Brimin Kipruto   Quénia
Ásia 7:53.63   Saif Saaeed Shaheen   Catar
Europa 8:00.09 Mahiedine Mekhissi-Benabbad   França
América do Norte, Central e Caribe 8:00.45 Evan Jager   Estados Unidos
Oceania 8:14.05 Peter Renner   Nova Zelândia
América do Sul 8:14.41 Wander Moura   Brasil

Os seguintes recordes nacionais foram estabelecidos durante a competição:

CON Atleta Rodada Tempo Notas
Japão Ryuji Miura Eliminatórias 8:09.92
Índia Avinash Sable Eliminatórias 8:18.12

Resultados

editar

Eliminatórias

editar

Regra de qualificação: os 3 primeiros de cada bateria (Q) e os seguintes 6 tempos mais rápidos (q) avançam a final.[5]

Bateria 1

editar
Pos. Raia Atleta CON Tempo Notas
1 4 Lamecha Girma  ETH Etiópia 8:09.83 Q
2 9 Ryuji Miura  JPN Japão 8:09.92 Q,  
3 5 Benjamin Kigen  KEN Quênia 8:10.80 Q,  
4 2 Ala Zoghlami  ITA Itália 8:14.06 q,  
5 11 Mohamed Tindouft  MAR Marrocos 8:15.91 q
6 7 John Gay  CAN Canadá 8:16.99 q,  
7 15 Djilali Bedrani  FRA França 8:20.23 (.223)
8 1 Mason Ferlic  USA Estados Unidos 8:20.23 (.226)
9 14 Albert Chemutai  UGA Uganda 8:29.81
10 8 Vidar Johansson  SWE Suécia 8:32.86
11 10 Karl Bebendorf  GER Alemanha 8:33.27
12 13 Carlos San Martín  COL Colômbia 8:33.47
13 3 Phil Norman  GBR Grã-Bretanha 8:46.57
6 Fernando Carro  ESP Espanha DNF
12 John Kibet Koech  BRN Bahrein DNF

Bateria 2

editar
Pos. Raia Atleta CON Tempo Notas
1 12 Abraham Kibiwott  KEN Quênia 8:12.25 Q
2 13 Getnet Wale  ETH Etiópia 8:12.55 Q
3 7 Ahmed Abdelwahed  ITA Itália 8:12.71 Q
4 8 Matthew Hughes  CAN Canadá 8:13.56 q,  
5 11 Yemane Haileselassie  ERI Eritreia 8:14.63 q,  
6 5 Benard Keter  USA Estados Unidos 8:17.31 q,  
7 2 Avinash Sable  IND Índia 8:18.12  
8 14 Sebastián Martos  ESP Espanha 8:23.07
9 6 Ryoma Aoki  JPN Japão 8:24.82
10 4 Abdelkarim Ben Zahra  MAR Marrocos 8:28.63  
11 3 Edward Trippas  AUS Austrália 8:29.90
12 10 Louis Gilavert  FRA França 8:36.35
13 15 Emil Blomberg  SWE Suécia 8:39.57
14 1 Zak Seddon  GBR Grã-Bretanha 8:43.29
15 9 Hichem Bouchicha  ALG Argélia 8:44.75

Bateria 3

editar
Pos. Raia Atleta CON Tempo Notas
1 1 Soufiane El Bakkali  MAR Marrocos 8:19.00 Q
2 5 Topi Raitanen  FIN Finlândia 8:19.17 Q,  
3 11 Alexis Phelut  FRA França 8:19.36 Q
4 3 Osama Zoghlami  ITA Itália 8:19.51
5 8 Leonard Bett  KEN Quênia 8:19.62
6 10 Hillary Bor  USA Estados Unidos 8:19.80
7 6 Ben Buckingham  AUS Austrália 8:20.95  
8 13 Ole Hesselbjerg  DEN Dinamarca 8:24.08
9 4 Tadese Takele  ETH Etiópia 8:24.69
10 2 Altobeli da Silva  BRA Brasil 8:29.17
11 7 Simon Sundström  SWE Suécia 8:29.84
12 14 Kosei Yamaguchi  JPN Japão 8:31.27
13 12 Daniel Arce  ESP Espanha 8:38.09
14 9 Matthew Clarke  AUS Austrália 8:42.37

A final foi disputada em 2 de agosto, às 21:15 locais.[6]

Pos. Atleta CON Tempo Notas
  Soufiane El Bakkali  MAR Marrocos 8:08.90
  Lamecha Girma  ETH Etiópia 8:10.38
  Benjamin Kigen  KEN Quênia 8:11.45
4 Getnet Wale  ETH Etiópia 8:14.97
5 Yemane Haileselassie  ERI Eritreia 8:15.34
6 Matthew Hughes  CAN Canadá 8:16.03
7 Ryuji Miura  JPN Japão 8:16.90
8 Topi Raitanen  FIN Finlândia 8:17.44  
9 Ala Zoghlami  ITA Itália 8:18.50
10 Abraham Kibiwott  KEN Quênia 8:19.41
11 Benard Keter  USA Estados Unidos 8:22.12
12 Alexis Phelut  FRA França 8:23.14
13 Mohamed Tindouft  MAR Marrocos 8:23.56
14 Ahmed Abdelwahed  ITA Itália 8:24.34
15 John Gay  CAN Canadá 8:35.41
Legenda
  Recorde mundial (World record)   Recorde africano (African) Q Classificado por posição (Qualified)
  Recorde olímpico (Olympic record)   Recorde da América (Americas) q Classificado por melhor tempo (Qualified)
  Melhor marca do ano (World leading)   Recorde asiático (Asian) DNS Não largou (Did not start)
  Recorde nacional (National record)   Recorde europeu (European) DNF Não terminou (Did not finish)
  Recorde pessoal do atleta (Personal best)   Recorde da Oceania (Oceania) DSQ / DQ Desclassificado (Disqualified)
  Recorde da temporada do atleta (Season best)   Recorde sul-americano (South America) NM Sem marca (No mark)

Referências

  1. «Olympic Schedule & Results» (em inglês). Tokyo 2020 Olympics. Consultado em 21 de julho de 2021 
  2. «IAAF to follow other sports with world ranking system for athletes» (em inglês). BBC Sport. 7 de março de 2018. Consultado em 2 de agosto de 2018 
  3. «New ranking system to change athletics» (em inglês). BBC Sport. Consultado em 21 de julho de 2021 
  4. «Olympic qualification period suspended until 1 December 2020» (em inglês). World Athletics. 6 de abril de 2020. Consultado em 9 de abril de 2020 
  5. «Athletics – Men's 3000m Steeplechase – Round 1» (PDF). Olympics.com. Consultado em 21 de outubro de 2021. Arquivado do original (PDF) em 30 de julho de 2021 
  6. «Athletics – Men's 3000m Steeplechase – Final» (PDF). Olympics.com. Consultado em 21 de outubro de 2021. Arquivado do original (PDF) em 9 de outubro de 2021 

Ligações externas

editar