Abrir menu principal
Como ler uma infocaixa de taxonomiaAustroposeidon magnificus
Ocorrência: Cretáceo Superior
83.6–66 Ma
Décima segunda vértebra do pescoço
Décima segunda vértebra do pescoço
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Clado: Dinosauria
Ordem: Saurischia
Subordem: Sauropodomorpha
Clado: Sauropoda
Clado: Titanosauria
Gênero: Austroposeidon
Espécie-tipo
Austroposeidon magnificus
Bandeira et al., 2016[1]

O Austroposeidon é um gênero extinto de titanossauro que viveu durante o final do período Cretáceo, há cerca de 70 milhões de anos, na América do Sul. Quando adulto media aproximadamente 25 metros de comprimento. Os primeiros fósseis deste animal foram encontrados por Llewellyn Price, em 1953, nos arredores da cidade de Presidente Prudente, no sudoeste do estado de São Paulo, em rochas da Formação Presidente Prudente, do Grupo Bauru, Bacia do Paraná.[1] Análise filogenética realizada nos restos fósseis do Austroposeidon, do táxon irmão Lognkosauria.[1]

 Lithostrotia 



Rukwatitan



Malawisaurus





Puertasaurus




Austroposeidon


 Lognkosauria 

Mendozasaurus



Futalognkosaurus








Quetecsaurus




Isisaurus




Epachthosaurus




Pellegrinisaurus





Trigonosaurus



Tapuiasaurus



Maxakalisaurus





Lirainosaurus



Ampelosaurus



Bonitasaura



Dreadnoughtus



 Opisthocoelicaudiinae 

Alamosaurus



Opisthocoelicaudia



 Saltasaurinae 

Neuquensaurus




Rocasaurus



Saltasaurus




Brasilotitan



Uberabatitan








Rapetosaurus





"Aeolosaurus" maximus


 Rincosauria 

Rinconsaurus



Muyelensaurus




 Aeolosaurini 

Overosaurus




Aeolosaurus rionegrinus



Aeolosaurus colhuehuapensis



Gondwanatitan














Primeira vértebra dorsal

Referências

  1. a b c Bandeira, K.L.; et al. (2016). «A New Giant Titanosauria (Dinosauria: Sauropoda) from the Late Cretaceous Bauru Group, Brazil.». PLoS ONE. 11: e0163373. doi:10.1371/journal.pone.0163373 
  Este artigo sobre dinossauros é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.