Azenha (Porto Alegre)

bairro do Porto Alegre
Azenha
  Bairro do Brasil  
Azenha bairro Porto Alegre.JPG
Localização
Município Porto Alegre
Características geográficas
Área total 126 hectares
População total 13,449 hab (2 000)
5,889 homens
7,560 mulheres hab.
Densidade 107 hab/ha hab./km²
Outras informações
Taxa de crescimento (-) 1,5% (de 1991 a 2000)
Domicílios 5.295
Rendimento médio mensal 10,73 salários mínimos
Fonte: Não disponível

Azenha é um bairro da cidade brasileira de Porto Alegre, capital do Estado do Rio Grande do Sul. Foi criado pela lei 2022 de 7 de dezembro de 1959 com os limites alterados pela lei 4685 de 21 de dezembro de 1979.

HistóricoEditar

A Azenha teve início quando Francisco Antônio da Silveira, um açoriano que chegou a Porto Alegre na metade do século XVIII, instalou-se na margem sul do arroio Dilúvio, nas proximidades do atual Hospital Ernesto Dornelles. A construção neste local, por volta de 1760, de um moinho movido a roda dágua — uma azenha — para moer trigo, transformou Silveira no "Chico da Azenha" e batizou a região. Silveira converteu-se no primeiro plantador de trigo e fabricante de farinha de Porto Alegre.[1]

Tendo em vista o desenvolvimento de suas atividades comerciais, o açoriano ergueu uma ponte sobre o arroio Dilúvio para viabilizar o tráfego entre as duas margens, a Ponte da Azenha. A estrada que se dirigia desta ponte até o atual Centro da cidade ficou conhecida como o Caminho da Azenha. Atualmente ela corresponde à Avenida João Pessoa e à Avenida da Azenha. A ponte de pedra da Azenha foi também local da primeira batalha entre revolucionários e legalistas na Guerra dos Farrapos, no noite de 19 de setembro de 1835, com vitória dos farroupilhas que, no dia seguinte, viriam a tomar a cidade.[1]

Com o tempo, o bairro acabou por se desenvolver em direção à região sul da cidade. O processo de urbanização teve avanço a partir de 1870, quando um abaixo-assinado de moradores solicitou ao poder público a instalação de lampiões nas ruas. Em 1905 teve início o trabalho de calçamento do antigo Caminho, já chamado de Rua da Azenha.[1]

Na Azenha, até meados do século XX, existiam vários comércios populares, a maioria de imigrantes ou descendentes, como a padaria Esteves; a confeitaria do "seu" Cardoso; a alfaiataria Castel, cujo proprietário, Henrique Falk, era um judeu que fugiu dos pogroms na Ucrânia. Todos esses estabelecimentos ficavam próximos ao cinema Castelo.[1]

Lá também ficava a antiga Rua Cabo Rocha, onde se concentravam os prostíbulos, muito visitados por turistas, principalmente pelos marinheiros que chegavam de navio à cidade. Nessa mesma rua também ficava o Cabaré do Galo, frequentado por Lupicínio Rodrigues, que lá compôs e cantava muitas de suas famosas canções de dor-de-cotevelo.[2] A rua teve seu nome mudado e, atualmente, é a Rua Professor Freitas e Castro.

Características atuaisEditar

Tradicional bairro de comércio variado de Porto Alegre, podem-se encontrar na Azenha o comércio de móveis, bares, farmácias, bancos, lancherias, casas de vestuário e de calçados, além de lojas de autopeças.

Pontos de referênciaEditar

Áreas verdes
Educação
Serviços públicos
Hospitais
Outros

Limites atuaisEditar

Ponto inicial e final: encontro da Avenida Venâncio Aires com a Avenida João Pessoa; desse ponto segue pela Avenida João Pessoa até a Avenida Bento Gonçalves, por essa até a Rua Onofre Pires, por essa até a Rua Plácido de Castro, por essa até a Travessa Feliz, por essa até a Rua Mansão, por essa até a Avenida Professor Oscar Pereira, por essa até a Avenida Porto Alegre, por essa até a Rua Doutor Carlos Barbosa, por essa até a Rua José de Alencar, por essa até a Avenida Érico Veríssimo, por essa até a Praça Garibaldi, por essa até a Avenida Venâncio Aires, por essa até a Avenida João Pessoa, ponto inicial.[1]

Seus bairros vizinhos são: Cidade Baixa, Menino Deus, Santana, Santo Antônio e Medianeira.

Galeria de imagensEditar

Referências

Referências bibliográficasEditar

  • FRANCO, Sérgio da Costa. Porto Alegre: guia histórico. Porto Alegre: Ed. da Universidade/UFRGS, 1992.
  • Dados do censo/IBGE 2000

Ligações externasEditar

 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Azenha (Porto Alegre)