Abrir menu principal

Bacabeira é um município brasileiro do estado do Maranhão. Foi incluído recentemente na Região Metropolitana de São Luís. Sua população é de 16.812 habitantes (2016).

Município de Bacabeira
Bandeira de Bacabeira
Brasão de Bacabeira
Bandeira Brasão
Hino
Fundação 10 de novembro de 1994
Gentílico bacabeirense
Prefeito(a) Fernanda Gonçalo (PMN)
(2017 – 2020)
Localização
Localização de Bacabeira
Localização de Bacabeira no Maranhão
Bacabeira está localizado em: Brasil
Bacabeira
Localização de Bacabeira no Brasil
02° 58' 15" S 44° 18' 57" O02° 58' 15" S 44° 18' 57" O
Unidade federativa Maranhão
Mesorregião Norte Maranhense IBGE/2008 [1]
Microrregião Rosário IBGE/2008 [1]
Região metropolitana Região Metropolitana de São Luís
Distância até a capital 58 km
Características geográficas
Área 615,589 km² [2]
População 16 812 hab. (MA: 118°) –  IBGE/2016[3]
Densidade 27,31 hab./km²
Clima Não disponível
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,629 (MA: 23°) – médio PNUD/2010[4]
PIB R$ 390 761 mil (MA: 26°) – IBGE/2014[5]
PIB per capita R$ 24 008,43 IBGE/2014[5]

HistóricoEditar

Desmembrado do município de Rosário, subordinado à Comarca de Rosário. O desmembramento aconteceu em meados do ano 1994.

Alguns de seus povoados são: Cidade Nova, Periz de Baixo, Periz de Cima, Zé Pedro, Vidéu, Cajueiro, São Cristóvão, Rancho papouco, Ramal do Abude, Gameleira, São Pedro, Santa Quitéria, vila Cearense, Placa de Recurso e Piquí,

LocalizaçãoEditar

Localizado no Golfão Maranhense e banhado na margem esquerda pela baía de São Marcos, seus pontos extremos estão determinados pelas respectivas coordenadas geográficas: Norte -02º45’21” de latitude e -44º17’14’’ de longitude; Oeste -44º30’01’’ de longitude e -03º00’00’’ de latitude; Sul -03º06’16’’ de latitude e -44º19’17’’ de longitude; Leste -44º15’23’’ de longitude e -02º58’01’’ de latitude.[6]

O município de Bacabeira limita-se ao Norte com o município de São Luís, separado pelo Estreito dos Mosquitos, limitando-se também com a ilhas de Tauá-mirim e Tauá-redondo, que pertencem a São Luís; a leste com o município de Rosário (Maranhão); a Oeste, com o município de Cajapió e ao Sul com o município de Santa Rita (Maranhão).[6]

Possui posição estratégica por ser drenado pelas duas maiores bacias hidrográficas maranhenses representadas pelos rios Itapecuru (25%) e Mearim (75%), além de ser atravessado pela BR 135 e as ferrovias Carajás e São Luís-Teresina, que permitem o acesso ao Complexo Portuário de São Luís. Por Bacabeira, também passam as grandes redes transmissoras de energia que abastecem a cidade de São Luís e seu parque industrial, assim como a adutora do Sistema Italuís (CAEMA), que abastece 60% da população na capital.[7]

GeografiaEditar

O relevo apresenta tabuleiros, planície flúvio-marinha e colinas tabulares de baixa altitude. [6]

O clima é tropical úmido distribuído em dois períodos: sendo chuvoso de janeiro a junho e com estiagem de julho a dezembro. As precipitações anuais variam entre 1.400 a 1.600 mm. A temperatura média anual é de de 26°C a 27°C, com o período mais quente entre outubro a novembro. A umidade relativa do ar varia entre 79% a superior a 82%.[6]

A vegetação é a mata tropical, transição entre o Cerrado e a Amazônia, que vem sofrendo um processo de degradação pela ação antrópica. No município, também há campos inundáveis (Campo de Perizes), caracterizados por serem formações abertas, rasteiras, tendo como principal espécie o junco; na zona de influência das marés, existem manguezais. [6]

O município faz parte de duas bacias: do Itapecuru (leste) e do Mearim (oeste), no baixo curso desses rios. Entre os riachos que deságuam no rio Itapecuru estão: São Braz, das Pedras, Seco e outros. No rio Mearim, deságuam os riachos: Esperança, Cangaçu e Jimbuca. Além desses riachos, próximo ao Estreito dos Mosquitos há o Rio Perizes. [6]

O município está parcialmente inserido na Área de Proteção Ambiental Upaon-açu-Miritiba-Alto Preguiças. [6]

Projetos futurosEditar

Projeto de integrar uma das linhas do Metrô de Superfície da Grande São Luís.

Refinaria da PetrobrasEditar

Está em processo de terraplanagem, com previsão de terminar no início de 2013. A refinaria da Petrobras em Bacabeira iria ser a maior refinaria da América Latina e a quinta maior do mundo. Depois de muitos impasses em qual município receberia essa Refinaria: São Luís ou Bacabeira, finalmente Bacabeira foi a escolhida. Esse grande empreendimento geraria muitos empregos para o município e municípios adjacentes (Rosário, Santa Rita e São Luis). A refinaria de Bacabeira iria operar em duas etapas, a primeira prevista para o ano de 2017, com capacidade de processar 300 mil barris de petróleo dia, e a segunda etapa está prevista para entrar em operação em 2019, com igual capacidade de processamento, totalizando 600 mil barris de petróleo dia. Em Janeiro de 2015, a Refinaria Premium I de Bacabeira e Premium II do Ceará tiveram seus projetos de construção cancelados após uma crise financeira na Petrobras decorrentes de investigação de corrupção por membros do governo e da empresa durante a operação Lava Jato da Polícia Federal. O cancelamento da refinaria trouxe imensos prejuízos ao município e ao estado do Maranhão.

PortoEditar

O Porto do Mearim, a ser construído próximo a Bacabeira, a BR 135, a estrada de ferro Carajás e a estrada de ferro São Luís-Teresina, terá quatro píeres para atender as demandas de carga geral, líquidos, fertilizantes e principalmente grãos vindos do Matopiba e Centro Oeste. Sua localização privilegiada na Baia de São Marcos, tem o campo de Perízes ao longo da sua área. Tem uma profundidade de cerca de 15 metros e conta com o beneficio de aproveitar a variação de maré , próxima a 6 metros na região .Seu canal de navegação tem 47 km até o Complexo Portuário do Itaqui. O Terminal Portuário do Mearim será um Terminal de uso Privado (TUP) e permitira a navegação de navios de grande porte como Panamax e Capesized.

Distrito IndustrialEditar

Visa a atrair empresas interessadas em operar pelo Porto Mearim .Deverá se tornar um hub visando a exportação e e importanção e dessa forma agregando valor aos produtos e serviços .

Usina SiderúrgicaEditar

Previsão de investimentos chineses em fase de entendimentos com Governo Estadual .

Estaleiro NavalEditar

O estaleiro naval de Bacabeira fabricará navios e plataformas para exploração de petróleo na Bacia de Barreirinhas. O Estaleiro Mearim poderá montar navios com DWT de até 185 mil toneladas.

Referências

  1. a b «Divisão Territorial do Brasil». Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2008. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  2. IBGE (10 de outubro de 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  3. «ESTIMATIVAS DA POPULAÇÃO RESIDENTE NO BRASIL E UNIDADES DA FEDERAÇÃO COM DATA DE REFERÊNCIA EM 1º DE JULHO DE 2016» (PDF). Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1º de julho de 2016. Consultado em 19 de janeiro de 2016 
  4. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil» (PDF). Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2010. Consultado em 30 de julho de 2013 
  5. a b «Pib dos municípios maranhenses». IBGE. 2014. Consultado em 19 de janeiro de 2014 
  6. a b c d e f g «Enciclopédia dos Municipios Maranhenses- MICRORREGIÃO GEOGRÁFICA DE ROSÁRIO» (PDF). Instituto Maranhense de Estudos Socioeconômicos e Cartográficos. 2014 
  7. «Evolução espaço-temporal do uso e cobertura da terra em áreas propostas para a implantação de unidades de conservação no município de Bacabeira-MA». Revista ESPACIOS | Vol. 37 (Nº 12) Año 2016 (em espanhol). 12 de maio de 2016 

Ligações externasEditar