Abrir menu principal

Bacará

(Redirecionado de Baccarat)
Disambig grey.svg Nota: "Baccarat" redireciona para este artigo. Para o tipo de cristal, veja Baccarat (empresa).
Bacará
Baccara Palette.jpg
Palhete de bacará e cartas
Sobre
Local de origem  Itália
Nome(s) alternativo(s) Baccarat
Tipo Cassino
Nº de jogadores 2
N° de cartas 312
Baralho Francês
Ranking das cartas 9 8 7 6 5 4 3 2 A
(K J Q e 10 valem 0)
Chance de vencer Alta
Jogo(s) relacionado(s)
Vingt-et-un

O bacará é um jogo de casino com a utilização de cartas de um baralho, de desenlace muito rápido.

Bacará é a versão francesa da palavra italiana "baccara" ou "zero". Ela se refere aos números das cartas do baralho. O jogo surgiu em 1490, quando o baccara italiano foi levado para a França, onde se tornou o jogo favorito dos nobres durante o reinado de Carlos VIII. O bacará foi demonstrado pela primeira vez em Las Vegas, em 1959, quase um ano e meio depois do "Chemin de Fer" ter estreado nos cassinos. Os dois jogos já eram famosos nos cassinos ilegais do leste americano.

HistóriaEditar

Como muitos outros jogos de cassino, a origem do bacará é controversa. Há várias versões de como exatamente este jogo começou. Alguns historiadores acreditam que o jogo teve suas origens na Idade Média. Há aqueles que asseguram que o bacará era jogado originalmente com cartas de tarô.

Semelhanças com o vinte-e-umEditar

Muitas pessoas acreditam que o bacará é uma variante do vingt-et-un, o jogo francês de vinte-e-um, o que torna o bacará um "primo" do vinte-e-um. No vinte-e-um, os jogadores tentam bater o dealer, ao chegar o mais perto possível de 21 (sem passar desse valor). No bacará, os jogadores apostam na mão que acham que está mais próxima de 9 (a mão da banca ou a mão do jogador). Embora haja muitas diferenças entre os dois jogos, as semelhanças apontam uma origem comum.

Origem italianaEditar

Há indícios fortes de que o jogo começou na Itália. Baccarà em italiano significa "nada". No jogo de bacará moderno, os 10s e as cartas do mesmo naipe valem zero. O jogo provavelmente saiu da Itália para a França no final do século XV. Acredita-se que o Rei Carlos VIII foi o responsável em apresentar o jogo a seus compatriotas.

O bacará é um jogo europeu. Tornou-se enormemente popular nos cassinos da Riviera francesa e sua popularidade gerou diferentes variações de bacará. Hoje, os jogadores europeus mais tradicionais preferem a versão do jogo "Chemin de Fer" (lit. estrada de ferro). A versão de bacará mais conhecida vem das Ilhas Britânicas. À medida que o Império Britânico se propagava pelo mundo, o jogo também acabou sendo difundido. A versão britânica é a versão exportada ao continente americano.

Nos anos 50, o bacará foi jogado pela primeira vez em Las Vegas. O cassino Dunes foi o primeiro a introduzir o jogo. O bacará é normalmente associado a apostas altas e grande rotatividade.

MinibacaráEditar

Na década de 1980, surge uma nova modalidade de jogo nos casinos: o minibacará. O minibacará segue as mesmas regras do bacará, porém com algumas diferenças. O minibacará foi desenvolvido para tornar o jogo mais acessível às massas. As salas de bacará normais têm limites muito mais altos que a maioria dos outros jogos de cassino. Essas áreas estão normalmente reservadas para grandes apostadores.

No minibacará, o dealer distribui as cartas (os jogadores não devem se preocupar com os dispensadores). A mesa de minibacará é disposta como uma mesa de vinte-e-um. A ação é muito mais rápida, porque a mesa tem menos lugares que a mesa de bacará normal.

RegrasEditar

Uma partida de bacará disputa-se unicamente entre o banqueiro e o jogador. O objectivo do jogo é descobrir qual dos dois conseguirá obter com as cartas na sua mão o total de pontos mais próximos de 9.

O bacará joga-se com seis baralhos de cartas que se baralham depois de cada mão. Como no blackjack, o croupier guarda as cartas num sabot.

Desenvolvimento do jogoEditar

Deverá colocar a aposta da sua escolha na mão do banqueiro ("Banker"), na mão do jogador ("Player") ou em jogo nulo ("Tie"). A seguir o croupier distribui ao jogador e ao banqueiro duas cartas que se adicionam para obter o total de pontos. Em função deste total, o croupier dará uma terceira carta ao jogador, ao banqueiro ou aos dois. Totalizam-se novamente os pontos de cada mão. A mão com um total mais próximo de 9 é a vencedora.

Se apostou no jogador e a mão deste é vencedora, ganha o montante que apostou. Se apostou no banqueiro e a mão deste é vencedora, ganha o montante que apostou menos uma comissão de 5%. Se apostou em jogo nulo e com razão, ganha 8 vezes o montante que apostou!

Regra da terceira cartaEditar

Em função dos pontos calculados após a primeira tiragem, o croupier dá por vezes uma terceira carta ao jogador e/ou ao banqueiro. O croupier dá a carta com face visível, antes de mais ao jogador e caso seja necessário ao banqueiro.

Valor das cartasEditar

Cartas Nome / Valor
        


De 2 a 9
O valor indicado na carta

(por exemplo: o 2 vale 2 pontos)
    

Ás
1
ponto
    

K, J, Q e 10
0
pontos

Ligações externasEditar