Baixio das Bestas

filme de 2006 dirigido por Cláudio Assis
Baixio das Bestas
 Brasil
2006 •  cor •  80 min 
Direção Cláudio Assis
Produção executiva João Vieira Jr.
Roteiro Cláudio Assis
Hilton Lacerda
Elenco Caio Blat
Mariah Teixeira
Matheus Nachtergaele
Dira Paes
Marcélia Cartaxo
Gênero drama
Música Pupillo
Direção de fotografia Walter Carvalho
Direção de arte Renata Pinheiro
Figurino Joana Gatis
Companhia(s) produtora(s) Parabólica Brasil[1]
Belavista Cinema e Produção Ltda[1]
Rec Produtores[1]
Quanta[1]
Distribuição Imovision[1]
Lançamento Brasil 11 de maio de 2007[2][3]
Idioma português
Site oficial

Baixio das Bestas é um filme brasileiro de 2006, do gênero drama, dirigido por Cláudio Assis e direção de fotografia de Walter Carvalho.[4][5] O filme, com cenas fortes e bastante explicitas, reflete sobre a condição da mulher desprotegida, abordando temas dramáticos como a prostituição ilegal e a exploração sexual de menores.[6] Locações em Nazaré da Mata e canções do maracatu rural.[7][8][1]

SinopseEditar

Na Zona da Mata pernambucana, região de canaviais que movimentam trabalhadores rurais e caminhoneiros, vive Auxiliadora, jovem de 16 anos explorada por seu avô, Heitor. O homem tem um discurso moralista mas não pensa duas vezes antes de exibir a neta nua por dinheiro em um posto de parada de caminhões. Na cidade mora o estudante Cícero, de família de classe média, que passa os fins-de-semana envolvido com álcool, drogas e orgias sadomasoquistas com as prostitutas de Dona Margarida, comandadas pelo doentio Everardo. Cícero vê Auxiliadora no posto e imediatamente a deseja, passando a segui-la pelas ruas. No campo, a moça chama a atenção do humilde Maninho, mas, apesar dela também se interessar por ele, o rapaz é afastado pelo avô e se ressente disso.

ElencoEditar

PrêmiosEditar

  • Indicado para Melhor Filme no Grande Prêmio do Cinema Brasileiro (2008)[9]
  • Indicado para Melhor Ator para Matheus Nachtergaele no Grande Prêmio do Cinema Brasileiro (2008)[9]
  • Indicado para Melhor Atriz para Dira Paes no Grande Prêmio do Cinema Brasileiro (2008)[9]
  • Indicado para Melhor Atriz Coadjuvante para Marcélia Cartaxo e Hermila Guedes no Grande Prêmio do Cinema Brasileiro (2008)[9]
  • Melhor Fotografia para Walter Carvalho no Troféu APCA 2007.[10]
  • Indicado ao prêmio Coup de Cœur no Festival de Cinema Latino-Americano de Toulouse (2007)[11][12]
  • Primeiro longa-metragem brasileiro a receber o prêmio Tiger Award, maior prêmio do Festival Internacional de Cinema de Rotterdam (2007)[13][14]
  • Melhor direção entre os 12 concorrentes no 9º Festival de Cinema Brasileiro de Paris, que aconteceu na capital francesa (2007)[15]
  • Melhor Filme (Júri Oficial) no Festival de Cinema de Brasília (2006)[16][17]
  • Melhor Filme eleito pela crítica no Festival de Cinema de Brasília (2006)[16][17]
  • Melhor Atriz com Mariah Teixeira no Festival de Cinema de Brasília (2006)[16][17]
  • Melhor Ator Coadjuvante com Irandhir Santos Festival de Cinema de Brasília (2006)[16][17]
  • Melhor Atriz Coadjuvante com Dira Paes no Festival de Cinema de Brasília (2006)[16][17]
  • Melhor Trilha Sonora com Pupillo no Festival de Cinema de Brasília (2006)[16][17]

Referências

  1. a b c d e f «Baixio das Bestas». Cinemateca Brasileira. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  2. Daniel Levi (10 de maio de 2007). «'Baixio das bestas' é uma jornada pela miséria humana». O Globo. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  3. Silvana Arantes (11 de maio de 2007). «"Baixio" é sobre impunidade, diz diretor». Folha de S.Paulo. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  4. Fernanda Castro e Rafael Carvalho (22 de novembro de 2007). «Entrevista com Cláudio Assis». Moviola Digital. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  5. Inácio Araujo (10 de abril de 2015). «Filme na TV: 'Baixio das Bestas' faz retrato atual de um Nordeste arcaico». Folha de S.Paulo. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  6. «"Baixio das Bestas" choca mas agrada público de Brasília». G1. 27 de novembro de 2006. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  7. a b Erika Azevedo (10 de maio de 2007). «Mariah Teixeira é a revelação de 'Baixio das bestas'». O Globo. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  8. «Realidade suja e crua». Diário do Nordeste. 15 de junho de 2007. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  9. a b c d «Confira os indicados ao Grande Prêmio do Cinema Brasileiro». G1. 12 de março de 2008. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  10. «Em cerimônia arrastada, APCA entrega prêmio aos melhores de 2007». Brasil Online. 6 de maio de 2008. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  11. Maria Carmona (28 de fevereiro de 2007). «Festival de Toulouse traz panorama do cinema latino-americano». Folha de S.Paulo. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  12. «Confira os filmes selecionados na mostra do Festival de Toulouse». G1. 28 de fevereiro de 2007. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  13. «"Baixio das bestas", de Cláudio Assis, ganha prêmio no Festival de Roterdã». G1. 4 de fevereiro de 2007. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  14. «Filme Baixio das Bestas ganha o Tiger Award». Ancine. 12 de fevereiro de 2007. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  15. «Cinema: "Baixio das Bestas" é premiado em Paris». Folha de S.Paulo. 4 de maio de 2007. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  16. a b c d e f Alysson Oliveira (10 de maio de 2007). «ESTRÉIA - "Baixio das Bestas" incomoda com retrato da decadência». Brasil Online. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  17. a b c d e f Luiz Zanin Oricchio (29 de novembro de 2006). «O polêmico Baixio das Bestas vence em Brasília». Estadão. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  A Wikipédia tem o

Ligações externasEditar