Abrir menu principal
Ban Zhao
Nascimento 45
Dinastia Han Oriental
Morte 116 (71 anos)
Dinastia Han
Cidadania Dinastia Han Oriental
Progenitores Pai:Ban Biao
Ocupação historiadora, filósofa, escritora, política, poetisa

Ban Zhao (em chinês: 班昭; Wade-Giles: Pan Chao; 45 - 116 d.C.), também conhecida pelo nome de cortesia Huiban (惠班), foi a primeira historiadora chinesa. Ela foi casada com Cao Sishu aos quatorze anos de idade e era conhecida na corte pelo nome "Venerável Madame Cao" (曹大家). Era filha de um famoso hitoriador Ban Biao e irmã mais nova do general Ban Chao e do historiador Ban Gu, autor da história do 'Western Han", um livro conhecido nos tempos modernos como "Livro de Han". Ban Zhao completou o livro enquanto ele foi preso e executado no ano de 92 a. C. devido à associação da família com a imperatriz Dou. O trabalho dela poderia ter gerado oito volumes.

Ban Zhao escreveu Lições para Mulheres. A despeito da educação da autora, o livro aconselha as mulheres a serem submissas e aceitar que os maridos podem ter concubinas, e que quando casadas devem ser fiéis; embora o livro também aconselhe que as mulheres devam ser educadas e cultas como ela. Uma avaliação moderna do livro indica que o livro é na verdade um guia para que as mulheres evitem escândalos na juventude para que vivam tempo suficiente para se tornarem viúvas com poder e status social elevado. Ela também escreveu poesia e ensaios, tornando-se a mais famosa educadora da China.[1]

Ban Zhao era a tia da acadêmica e poeta Ban Jieyu.

A cratera de Ban Zhao, no planeta Vênus, foi nomeada em sua homenagem.

Família de Ban ZhaoEditar

Referências

  1. Perkins (2000), p. 25.

BibliografiaEditar

  • Perkins, Dorothy (2000). Encyclopedia of China: The Essential Reference to China, Its History and Culture. Primeira edição (1999) Dorothy Perkins and Roundtable Press. Primeira edição em papel (2000) Roundtable Press, New York, N.Y. ISBN 0-8160-2693-9 (hc); ISBN 0-8160-4374-4.

Ligações externasEditar