Batalha de Campo Osório

A Batalha de Campo Osório, também conhecida como Combate de Campo Osório, foi travada em 24 de junho de 1895 entre rebeldes federalistas e tropas legalistas da Primeira República do Brasil, sendo a última batalha da Revolução Federalista.[1]

Batalha de Campo Osório
Revolução Federalista
Monumento Saldanha da Gama.jpg
Monumento em homenagem a Saldanha da Gama em Campo Osório, local da batalha, no interior de Sant'Ana do Livramento
Data 24 de junho de 1895
Local Próximo ao Rio Quaraí, ao norte do Rincão de Artigas (município de Sant'Ana do Livramento)
Desfecho Vitória governamental
  • Derrota da Revolução Federalista
Beligerantes
Federalistas
Revoltosos da Marinha
Brasil Brasil
Comandantes
Luís Filipe de Saldanha da Gama  Hyppolito Ribeiro

Os rebeldes, comandados pelo almirante Luís Filipe de Saldanha da Gama, antigo líder da Segunda Revolta da Armada, foram derrotados pelas tropas do general Hyppolito Ribeiro em Campo Osório, uma região próxima à fronteira com o Uruguai[2] e ao norte do Rincão de Artigas, dentro do território municipal de Sant'Ana do Livramento no Rio Grande do Sul.[3] Junto aos federalistas, também lutaram marinheiros seguidores do almirante desde a Revolta da Armada.[4]

A batalha resultou na morte de Saldanha da Gama, um dos principais líderes dos federalistas, e consequentemente no enfraquecimento da revolução. O conflito foi oficialmente encerrado com um tratado de paz assinado em Pelotas, entre o governo e Joca Tavares em nome dos rebeldes, em 23 de agosto do mesmo ano.[5][1]

Morte do almirante Saldanha da Gama na Batalha de Campo Osório

ReferênciasEditar

  1. a b DE ABREU, Alzira Alves. «Revolução Federalista». Fundação Getúlio Vargas - Atlas Histórico do Brasil. Consultado em 26 março de 2021 
  2. VIANNA, Helio; LACOMBE, Américo Jacobina (1977). História do Brasil: período colonial, monarquia e república. [S.l.]: Editora Melhoramentos. p. 566 
  3. DE FARIA, Durland Puppin (2015). Introdução à história militar brasileira (PDF). Resende: [s.n.] p. 210 
  4. LIMA, Afonso Guerreiro (1936). Cronología da história rio-grandense. Porto Alegre: Livraria do Globo. p. 139 
  5. «A pacificação». A Federação : Orgam do Partido Republicano. Porto Alegre. 23 de agosto de 1895 


  Este artigo sobre História do Brasil é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
  Este artigo sobre batalhas (genérico) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.