Abrir menu principal

Batalha de Ethandun

Batalha de Ethandun
Expansões vikings
King Alfred's Tower, Stourhead, Somerset.jpg
A Torre do Rei Alfred (1772) erguida no suposto local da Pedra de Egbert, local onde foi travado a batalha.
Data Maio de 878
Local Edington, Wiltshire
Desfecho Vitória saxã decisiva
Beligerantes
Wessex Danelaw Vikings
Comandantes
Alfredo o Grande Guthrum
Forças
Desconhecidas Desconhecidas
Baixas
Desconhecidas Desconhecidas

A Batalha de Ethandun foi um grande confronto entre as tropas anglo-saxãs do Reino de Wessex, sob comando de Alfredo o Grande, e o Grande Exército Pagão, liderados por Guthrum, travado em algum período entre 6 e 12 de maio de 878. O resultado foi uma vitória para os ingleses, repelindo as invasões vikings de forma decisiva. Ambos os lados acabaram firmando o Tratado de Wedmore, onde os vikings acabaram concordando em partir em direção do leste da Inglaterra. Esta vitória é considerada um dos grandes feitos militares do rei Alfredo.[1][2]

Referências

  1. Greswell, William H. P. (1910). The story of the Battle of Edington. Taunton: The Wessex Press 
  2. Abels, Richard P (1998). Alfred the Great: War, Kingship and Culture in Anglo-Saxon England. Abingdon, Oxon: Routledge. ISBN 0-582-04048-5 
  Este artigo sobre tópicos militares é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.