Abrir menu principal

Batalha de Grand Port

Batalha de Dürenstein
Guerras Napoleónicas
Grand Port mg6971.jpg
Combate de Grand Port por Pierre-Julien Gilbert.
Data 20 a 27 de Agosto de 1810
Local Grand Port, Ilha de França
Desfecho Vitória francesa
Beligerantes
França Primeiro Império Francês Reino Unido Reino Unido
Comandantes
Guy-Victor Duperré
Jacques Hamelin
Samuel Pym
Forças
Defesas de costa
Fragatas:
Bellone
Minerve
Brigue:
Victor
Captured:
Windham
Ceylon
Mais tarde reforçada com um esqaudrão comandado por Hamelin.
Fragatas:
HMS Sirius
HMS Iphigenia
HMS Magicienne
HMS Nereide
Baixas
37 mortos
112 feridos
Alguns navios danificados
Windham capturado
105 mortos
163 feridos
Todos os sobreviventes foram capturados
HMS Sirius
HMS Magicienne afundado
HMS Nereide
HMS Iphigenia
Troopship Ranger capturado.

A Batalha de Grand Port foi uma batalha naval entre esquadras de fragatas da marinha francesa e a marinha britânica. A batalha teve lugar durante o período de 20 a 27 de Agosto de 1810, e o seu objectivo era a posse do porto de Grand Port, na Ilha de França (actual Maurícia), durante as Guerras Napoleónicas. A esquadra britânica de quatro fragatas foi enviada para bloquear o porto para assim prevenir a sua utilização pelos franceses, através da captura da ilha fortificada de la Passe. A entrada da ilha foi tomada por um grupo de desembarque britânico, a 13 de Agosto, e quando uma esquadra francesa, liderada pelo capitão Guy-Victor Duperré se aproximou da baía nove dias depois, o comandante britânico, capitão Samuel Pym decidiu atraí-los para longe da costas onde a sua superioridade numérica podia fazer frente ao navios franceses.

Quatro dos cinco navios franceses conseguiram furar o bloqueio britânico, abrigando-se numa zona de difícil acesso, através de recifes e bancos de areia. Quando Pym deu ordem para as suas fragatas atacarem os navios franceses ancorados a 22 e 23 de Agosto, os seus navios ficaram encalhados nos apertados canais da baía: dois deles ficaram presos; um terceiro, em situação de inferioridade face à esquadra francesa, foi derrotado; e um quarto não conseguiu aproximar-se o suficiente para que os seus disparos alcançassem os navios franceses. Embora os navios franceses também tivessem ficado danificados, a batalha foi um desastre para os britânicos: um navio foi capturado depois de ter sofrido danos irreparáveis; os navios encalhados foram incendiados para evitar cair em mãos francesas; e o último navio foi capturado quando saía do porto pela esquadra principal do Port Napoleon, sob o comando do comodoro Jacques Hamelin.

A derrota nesta batalha foi a pior derrota da Marinha Real Britânica em toda a guerra, e deixou o Oceano Índico, e os seus importantes comboios expostos aos ataques das fragatas de Hamelin. Em resposta, as autoridades britânicas pediram o reforço da esquadra na Île Bourbon, liderada por Josias Rowley, dando ordem a todos os navios para se dirigirem para a região, mas este reforço resultou em várias acções fracassadas pois cada navio britânico foi atacado por esquadras francesas mais poderosas. Só em Dezembro de 1810 é que chegou um reforço adequado, liderado pelo almirante Albemarle Bertie, que, de forma rápida, invadiu e controlou a Isle de France.

BibliografiaEditar

 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Batalha de Grand Port
  • Clowes, William Laird (1997 [1900]). The Royal Navy, A History from the Earliest Times to 1900, Volume V. [S.l.]: Chatham Publishing. ISBN 1-86176-014-0  Verifique data em: |ano= (ajuda)
  • Gardiner, Robert (editor) (2001 [1998]). The Victory of Seapower. [S.l.]: Caxton Editions. ISBN 1-84067-359-1  Verifique data em: |ano= (ajuda)
  • James, William (2002 [1827]). The Naval History of Great Britain, Volume 5, 1808–1811. [S.l.]: Conway Maritime Press. ISBN 0-85177-909-3  Verifique data em: |ano= (ajuda)
  • Macmillan, Allister (1914). Mauritius Illustrated. [S.l.]: W.H.& L. Collingridge 
  • Taylor, Stephen (2007). Storm and Conquest, The Battle for the Indian Ocean, 1808–10. [S.l.]: Faber and Faber. ISBN 0-571-22465-2 
  • Woodman, Richard (2001). The Sea Warriors. [S.l.]: Constable Publishers. ISBN 1-84119-183-3 


  Este artigo sobre Guerras Napoleónicas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.


 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Batalha de Grand Port