Abrir menu principal
Question book.svg
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde Janeiro de 2011). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Disambig grey.svg Nota: Se procura outras pessoas com o mesmo nome, veja Berenice.
Berenice Sira
Nascimento Século III a.C.
Alexandria
Morte 246 a.C.
Antakya
Cidadania Antigo Egito, Império Selêucida
Progenitores Mãe:Arsínoe I
Pai:Ptolemeu II Filadelfo
Cônjuge Antíoco II Teos
Irmão(s) Ptolemeu III Evérgeta
Ocupação política
Título princesa, rainha

Berenice Syra era filha de Ptolemeu II Filadelfo e Arsínoe, esposa do monarca Selêucida Antíoco II Theos, na moderna Síria.

Antíoco II Theos, em um acordo com Ptolomeu II para selar a paz após a 2ª Guerra Síria (249 a.C.), acertou seu casamento com a princesa Berenice, se divorciando de sua então esposa, a rainha Laódice, transferindo assim, a sucessão para os filhos de Berenice.

Laódice foi exilada em Éfesos, mas continuou fomentando inumeras intrigas na tentativa de recuperar a coroa, até que em 246 a.C, após a morte de Ptolomeu, Antíoco repudiou Berenice, a deixando sozinha com seu filho Antíoco em Antioquia, tomando de volta Laódice como esposa e rainha. Laódice aproveitou a volta do marido para instantaneamente o envenenar, e em seguida matou Berenice e o seu filho, dando inicio à 3ª Guerra Síria, contra Ptolomeu III, irmão de Berenice.

Ícone de esboço Este artigo sobre História ou um(a) historiador(a) é um esboço relacionado ao Projeto História. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.