Berlin Recycling Volleys

O Berlin Recycling Volleys é um time alemão de voleibol masculino da cidade de Berlim, situada na região metropolitana de Berlim/Brandemburgo. Atualmente o clube disputa a 1. Bundesliga, a primeira divisão do campeonato alemão.

Berlin Recycling Volleys
Voleibol Volleyball (indoor) pictogram.svg
Berlin Recycling Volleys(logo).png
Cores          
Informações
Cidade Berlim
País Alemanha
Competição 1. Bundesliga
Fundação 1991
Ginásio Max Schmeling Halle
(Capacidade: 7 491)
Presidente Kaweh Niroomand
Técnico Cédric Énard
Patrocinadores Berlin Recycling GmbH
Resultados
Títulos
Conquistados
Taça CEV (1 vez)
Campeonato Alemão (12 vezes)
Copa da Alemanha (5 vezes)
Supercopa Alemã (4 vezes)
Uniformes
Kit left arm blackborder.png Kit body whitecollar.png Kit right arm blackborder.png
Kit shorts.png
Cores do Time
Principal
Kit left arm blackborder.png Kit body whitecollar.png Kit right arm orange border.png
Kit shorts.png
Cores do Time
Alternativo
Kit left arm.png Kit body blackcollar.png Kit right arm.png
Kit shorts.png
Cores do Time
Líbero
Página Oficial

HistóriaEditar

O Berlin Recycling Volleys foi criado em 1991 após a fusão dos departamentos de voleibol do SC Charlottenburg (criado em 1901) e do SC Berlin (criado em 1990), logo após a reunificação do país.[1][2] Muitos dos principais jogadores de voleibol nacionais vestiram as cores do clube: René Hecht, Franko Hölzig, Ronald Triller, Robert Dellnitz, André Barnowski e outros.

A equipe conquistou seu primeiro título nacional em 1993 ao vencer as duas partidas da final contra o SV Bayer Wuppertal. No primeiro encontro realizado em Wuppertal, a equipe fechou a partida em 3–1. No jogo de volta, a equipe da capital alemã venceu novamente a partida, desta vez pelo placar de 3–0, com parciais de 15–8, 15–13 e 15–11 e levantou a taça do campeonato alemão pela primeira vez.[2][3]

No final da década de 90 atuaram no time: Marco Liefke, Stefan Hübner, Norbert Walter, Ilja Wiederschein, Frank Dehne, Björn Andraee, entre outros, que contribuíram para a medalha de bronze da equipe na Taça Challenge de 1998–99, contra o italiano Lube Banca Marche Macerata.[4]

Nos anos 2000, os berlinenses só conquistaram o campeonato duas vezes, mas estavam sempre entre os três primeiros na liga nacional e jogavam internacionalmente a cada temporada.

Em 18 de novembro de 2008, no jogo da Bundesliga contra o Evivo Düren, foi dado o primeiro passo desde o Sömmeringhalle até o Max-Schmeling-Halle. Para a temporada 2011–12, adquiriram o patrocínio do Berlin Recycling GmbH, alterando seu nome para Berlin Recycling Volleys e finalmente transferindo seus jogos para o Max-Schmeling-Halle. Na terceira partida das finais da temporada 2012–13 contra o VfB Friedrichshafen, em 2 de maio de 2013, um recorde da Bundesliga foi estabelecido lá com 8.553 espectadores.[5]

 
Final Four da Liga dos Campeões de 2014–15.

Sendo sede da fase final da Liga dos Campeões de 2014–15, a equipe preto e laranja avançou ao Final Four, onde foi superado na semifinal pelo russo Zenit Kazan. Na disputa do terceiro lugar, derrotou o polonês PGE Skra Bełchatów no tie-break por 23–21 e conquistou a inédita medalha de bronze na maior competição de clubes da Europa.[6] Em 2016, o clube triunfou o seu primeiro título continental, a Taça CEV de 2015–16, após vencer as duas partidas das final contra o russo Klub Gazprom-Iugra (6–2 no agregado).[2][7]

Na temporada 2018–19 os jogos em casa dos BR Volleys foram os jogos de voleibol mais vistos na Europa, com uma média de 5.208 espectadores em todas as competições da Bundesliga, Copa e Liga dos Campeões.[8]

 
Torcida do BR Volleys na final da Copa da Alemanha de 2019–20 contra o SWD Powervolleys Düren.

Na temporada seguinte, após ser eliminado pelo SVG Lüneburg nas semifinais da Copa da Alemanha de 2018–19, a equipe voltou ao lugar mais alto do pódio após conquistar a taça da Copa da Alemanha de 2019–20, sendo a quinta de sua história, após vencer o SWD Powervolleys Düren na final por 3–0.[9][10]

 
Elenco da temporada 2021–22.

Na temporada 2021–22 o BR Volleys conquistou seu 12.º título da Bundesliga, disputando as finais contra o arquirrival VfB Friedrichshafen (maior campeão alemão com 13 títulos até então). Após perder as duas primeiras partidas da série "melhor de cinco", os berlinenses derrotaram a equipe da cidade de Friedrichshafen nas três partidas restantes e conquistaram seu sexto título consecutivo.[11][12][13] No final do ano, o BR Volleys conquistou o título da Bounce House Cup – torneio sucessor à Supercopa Alemã – vencendo na final o VfB Friedrichshafen por 3 sets a 0.[14][15]

TítulosEditar

Campeonatos continentaisEditar

 
Berlin Recycling Volleys comemorando o título da Copa da Alemanha de 2019–20.

  Liga dos Campeões

  Taça CEV

  Taça Challenge

Campeonatos nacionaisEditar

  Campeonato Alemão

  Copa da Alemanha

  Supercopa Alemã

  Copa da Alemanha Oriental

  • Campeão: 1990–91

Elenco atualEditar

Atletas selecionados para disputar a temporada 2022–23.

Camisa Nome Altura (m) Posição
1   Adam Kowalski 1,80 Líbero
2   Satoshi Tsuiki 1,74 Líbero
3   Antti Ronkainen 1,91 Ponteiro
4   Arshdeep Dosanjh 2,04 Levantador
5   Nehemiah Mote 2,04 Central
6   Johannes Tille 1,86 Levantador
8   Anton Brehme 2,06 Central
9   Timothée Carle 1,99 Ponteiro
10   Ángel Trinidad de Haro 1,93 Levantador
11   Cody Kessel 1,97 Ponteiro
12   Sašo Štalekar 2,14 Central
13   Ruben Schott 1,92 Ponteiro
17   Marek Sotola 2,00 Oposto
18   Matheus Krauchuk 2,01 Oposto
Técnico:   Cédric Énard

Referências

  1. «Volleyball - Berlin Recycling» (em inglês). Consultado em 27 de novembro de 2022 
  2. a b c «BR Volleys take centre stage in second episode of 'Pass the Pod' series» (em inglês). CEV. Consultado em 27 de novembro de 2022 
  3. «Die nötige Arroganz» (em alemão). Consultado em 27 de novembro de 2022 
  4. «1998/99 CEV CUP» (em inglês). Consultado em 27 de novembro de 2022 
  5. «BERLIN RECYCLING VOLLEYS VS. VFB FRIEDRICHSHAFEN (1. BLM-POF)» (em alemão). Consultado em 27 de novembro de 2022 
  6. «Mission accomplished for BR Volleys, home party follows historic bronze medal!» (em inglês). Consultado em 27 de novembro de 2022 
  7. «BR Volleys celebrate historic European title after commanding win over SURGUT!» (em inglês). Consultado em 27 de novembro de 2022 
  8. «BR VOLLEYS BLEIBEN EUROPAS ZUSCHAUERMAGNET». Berlim Recycling Volleys (em alemão). 2019. Consultado em 4 de fevereiro de 2020 
  9. «Dresden und Berlin DVV-Pokalsieger/-innen 2020» (em alemão). Consultado em 1 de janeiro de 2022 
  10. «#MissionMannheim: Berlin zurück auf dem Pokalthron» (em alemão). Consultado em 1 de janeiro de 2022 
  11. «Historisches Comeback! Berlin ist Meister» (em alemão). Consultado em 30 de abril de 2022 
  12. «BR Volleys zum sechsten Mal in Folge deutscher Meister» (em alemão). Consultado em 30 de abril de 2022 
  13. «GER M: Berlin catch up 2-match deficit vs Friedrichshafen, defend title, and launch celebration of 8,000 fans at Max-Schmeling-Halle» (em inglês). Consultado em 30 de abril de 2022 
  14. «BR Volleys holen den ersten Titel der Saison» (em alemão). Consultado em 27 de novembro de 2022 
  15. «GERMAN SUPER CUP M: New competition format concludes with Berlin wrecking archrivals F'hafen in final» (em inglês). Consultado em 28 de novembro de 2022 

Ligações externasEditar