Abrir menu principal

Bill Sharman

basquetebolista estadunidense

William Walton "Bill" Sharman (25 de Maio de 192625 de Outubro de 2013)[1] foi um jogador e treinador de basquete profissional. Sharman é mais conhecido por sua passagem no Boston Celtics na década de 1950, onde formou com Bob Cousy uma das maiores duplas da história. Recebeu em 1955 o prêmio de MVP da NBA. Entre 1950 e 1955, ele jogou beisebol pelo Brooklyn Dodgers.

Bill Sharman
Bill Sharman, Boston Celtics, signed.jpg
Sharman em 1960
Informações pessoais
Nome completo William Walton Sharman
Data de nasc. 25 de março de 1926
Local de nasc. Abilene, Texas, Estados Unidos
Informações profissionais
Período como jogador 1950–1961 (11 anos)
Número da camisa 10, 21
Altura 6 ft 1 in (1,85 m)
Peso 175 lb (79 kg)
Período como treinador 1961–1976 (15 anos)
Clubes de juventude
1946–1950 Estados Unidos USC
Clubes profissionais1
Anos Clubes Jogos (pontos)
1950–1951
1951–1961
1950–1961
Estados Unidos Washington Capitols
Estados Unidos Boston Celtics
Total
0031 0(378)
000680 000(12.287)
00711 0(12.665)
Times que treinou
Anos Clubes Jogos (V - D)
1961–1962
1966–1968
1968–1971
1971–1976
Estados Unidos Cleveland Pipers
Estados Unidos San Francisco Warriors
Estados Unidos Utah Stars
Estados Unidos Los Angeles Lakers

Em 1970, ele dirigiu o Utah Jazz e conquistou o título da ABA. Bill Substituiu Joe Mullaney como o técnico do Los Angeles Lakers, onde obteve um recorde de 69-13. Ele ganhou o prêmio de Treinador do Ano da NBA e foi um dos dois homens a conquistar os títulos da NBA e ABA, o outro, foi Alex Hannum.

Sharman foi introduzido no Basketball Hall of Fame em 1976 como jogador e em 2004 como treinador.[2] Ele é uma das únicas pessoas a conseguir esse feito, as outras foram John Wooden e Lenny Wilkens. Em 1996, foi nomeado como um dos 50 grandes jogadores da história da NBA.

Índice

Primeiros anosEditar

Sharman completou o ensino médio em Porterville, Califórnia. Ele serviu na Marinha dos Estados Unidosdurante a Segunda Guerra Mundial de 1944 a 1946 e se formou na Universidade do Sul da Califórnia.

Após seu último ano, Sharman foi selecionado pra Equipe All-Americans da NCAA de 1950.

Carreira no beisebolEditar

De 1950 a 1955, Sharman jogou beisebol profissional no sistema de ligas menores do Brooklyn Dodgers. Ele foi contratado pelos Dodgers no final da temporada de 1951, mas não jogou pela equipe.

Ele fez parte de um jogo de 27 de setembro no qual todo o banco do Brooklyn foi expulso por discutir com o árbitro. Isso levou à lenda de que Sharman tem a distinção de ser o único jogador na história do beisebol a ser ejetado de um jogo da liga principal sem nunca jogar em um.[3]

Carreira como jogadorEditar

Sharman foi selecionado pelo Washington Capitols na segunda rodada do Draft da NBA de 1950. Após a dissolução dos Capitols, ele foi selecionado pelo Fort Wayne Pistons no draft de dispersão e foi subsequentemente negociado para o Boston Celtics antes da temporada de 1951-52. Sharman jogou um total de dez temporadas pelo Celtics, liderando a equipe na pontuação entre as temporadas de 1955-56 e 1958-59, com média de mais de 20 pontos por jogo durante o período.[4]

Sharman liderou a NBA em percentual de lances livres sete vezes (incluindo um recorde de cinco temporadas consecutivas), e sua marca de 93,2% na temporada de 1958-59 permaneceu como recorde da NBA até que Ernie DiGregorio superou na temporada de 1976-77.

Sharman foi nomeado para a Primeira-Equipe da NBA de 1956 a 1959 e para a Segunda-Equipe da NBA em 1953, 1955 e 1960.

Sharman jogou em oito All-Star Game, marcando dois dígitos em sete deles. Ele foi nomeado como o MVP do All-Star Game em 1955, depois de marcar dez dos seus quinze pontos no quarto período.[5]

Sharman terminou sua carreira na NBA depois de 11 temporadas em 1961.

Carreira como treinadorEditar

Sharman treinou o Cleveland Pipers da American Basketball League e eles foram campeões da liga em 1962.

Na temporada de 1970-71, ele levou o Utah Stars para o título da ABA e foi um co-vencedor do prêmio de Treinador do Ano da ABA.[6] Depois de se demitir do cargo de treinador do Utah Stars, Sharman assinou um contrato para treinar o Los Angeles Lakers. A controvérsia se seguiu quando o proprietário do Utah Stars moveu uma ação contra Sharman por quebra de contrato e uma ação judicial contra o dono do Los Angeles Lakers por induzir tal quebra. Sharman foi originalmente condenado a pagar US $ 250.000 em danos, mas depois recorreu da decisão do tribunal e reverteu a sentença.

Na temporada seguinte, ele guiou o Los Angeles Lakers de Wilt Chamberlain e Jerry West, para um recorde da NBA de 33 vitórias consecutivas, além do primeiro título da NBA dos Lakers em Los Angeles e o primeiro em mais de uma década.[7] Naquela temporada, Sharman foi eleito o Treinador do Ano da NBA. Ele é um dos dois homens a vencer os títulos da NBA e da ABA como treinador; coincidentemente, o outro, Alex Hannum, também treinou uma equipe liderada por Chamberlain (o Philadelphia 76ers de 1967) para o título da NBA.

Pós-CarreiraEditar

Sharman foi eleito para o Basketball Hall of Fame em 1976 como jogador e novamente em 2004 como treinador. Ele é um dos quatro únicos a serem consagrados em ambas as categorias, sendo os outros: John Wooden, Lenny Wilkens e Tom Heinsohn.

Em 1971, Sharman foi nomeado para a Equipe do 25° Aniversário da NBA. Em 29 de outubro de 1996, Sharman foi eleito como um dos 50 grandes jogadores da história da NBA.

Como gerente geral dos Lakers, Sharman construiu as equipes campeãs da NBA de 1980 e 1982 e, como presidente dos Lakers, supervisionou as equipes que foram campeãs da NBA em 1985, 1987 e 1988. Sharman se aposentou da diretoria do Lakers em 1991, aos 65 anos.

Sharman foi o autor de dois livros, Sharman on Basketball Shooting e The Wooden-Sharman Method: A Guide to Winning Basketball com John Wooden e Bob Selzer.

Em 2013, Sharman decidiu vender seu anel do título da NBA de 2010 que ele recebeu dos Lakers para beneficiar a caridade.[8]

MorteEditar

Sharman morreu em sua casa em Redondo Beach, Califórnia, em 25 de outubro de 2013, aos 87 anos, depois de ter sofrido um derrame na semana anterior.[9]

EstatísticasEditar

Como jogadorEditar

LEGENDA
 PJ  Partidas jogadas  PI  Partidas iniciadas  MPJ  Minutos por jogo  AP  Arremessos de quadra (%)
 3P  Arremessos de 3 pontos (%)  LL  Lances-livre (%)  RT  Rebotes por jogo  AS  Assistências por jogo
 BR  Roubos de bola por jogo  TO  Tocos por jogo  PPJ  Pontos por jogo  Negrito  Melhor da carreira
Campeão da NBA

Temporada regularEditar

Ano Equipe PJ MPJ AP 3P LL AS PPJ
1950–51 Washington 31 .370 .889 3.5 1.3 12.2
1951–52 Boston 63 22.0 .389 .859 3.5 2.4 10.7
1952–53 Boston 71 32.9 .436 .850* 4.1 2.7 16.2
1953–54 Boston 72 34.3 .450 .844* 3.5 3.2 16.0
1954–55 Boston 68 36.1 .427 .897* 4.4 4.1 18.4
1955–56 Boston 72 37.5 .438 .867* 3.6 4.7 19.9
1956–57† Boston 67 35.9 .416 .905* 4.3 3.5 21.1
1957–58 Boston 63 35.1 .424 .893 4.7 2.7 22.3
1958–59† Boston 72 33.1 .408 .932* 4.1 2.5 20.4
1959–60† Boston 71 27.0 .456 .866 3.7 2.0 19.3
1960–61† Boston 61 25.2 .422 .921* 3.7 2.4 16.0
Carreira 711 32.0 .426 .883 3.9 3.0 17.8
All-Star 8 24.3 .385 .815 3.9 2.0 12.8

PlayoffsEditar

Ano Equipe PJ MPJ AP 3P LL AS PPJ
1952 Boston 1 27.0 .583 1.000 3.0 7.0 15.0
1953 Boston 6 33.5 .333 .938 2.5 2.5 11.7
1954 Boston 6 34.3 .432 .860 4.2 1.7 18.8
1955 Boston 7 41.4 .500 .921 5.4 5.4 20.7
1956 Boston 3 39.7 .391 .941* 2.3 4.0 17.3
1957† Boston 10 37.7 .381 .953* 3.5 2.9 21.1
1958 Boston 11 36.9 .407 .929 4.9 2.3 21.1
1959† Boston 11 29.3 .425 .966* 3.3 2.5 20.1
1960† Boston 13 28.0 .421 .811 3.5 1.5 16.8
1961† Boston 10 26.1 .511* .889 2.7 1.7 16.8
Carreira 78 33.0 .426 .911 3.7 2.6 18.5

Como treinadorEditar

Playoffs
Time Ano Jogos Vitórias Derrotas % Classificação Jogos Vitórias Derrotas % Resultado
San Francisco 1966–67 81 44 37 .543 1st na Western 15 9 6 .600 Perdeu na Final da NBA
San Francisco 1967–68 82 43 39 .524 3rd na Western 10 4 6 .400 Perdeu nas Finais de Div.
Utah (ABA) 1968–69 78 33 45 .423 5th na Western - - - Não foi para os Playoffs
Utah (ABA) 1969–70 84 43 41 .512 4th na Western 17 10 7 .588 Perdeu na Final da ABA
Utah (ABA) 1970–71 84 57 27 .679 2nd na Western 18 12 6 .667 Campeão da ABA
Los Angeles 1971–72 82 69 13 .841 1st no Pacifico 15 12 3 .800 Campeão da NBA
Los Angeles 1972–73 82 60 22 .732 1st no Pacifico 17 9 8 .529 Perdeu na Final da NBA
Los Angeles 1973–74 82 47 35 .573 1st no Pacifico 5 1 4 .200 Perdeu nas Semi-finais de Div.
Los Angeles 1974–75 82 30 52 .366 5th no Pacifico - - - Não foi para os Playoffs
Los Angeles 1975–76 82 40 42 .488 4th no Pacifico - - - Não foi para os Playoffs
Carreira 819 466 353 .569 97 57 40 .588

Fonte:[4]

Títulos e HomenagensEditar

Como jogadorEditar

  • 4× Campeão da NBA (1957, 1959–1961)
  • 8× All-Star da NBA (1953–1960)
  • MVP do All-Star Game (1955)
  • 4× Primeira-Equipe da NBA (1956–1959)
  • 3× Segunda-Equipe da NBA (1953, 1955, 1960)
  • Equipe do 25° Aniversário da NBA
  • Equipe do 50° Aniversário da NBA
  • No. 21 aposentado pelo Boston Celtics
  • No. 11 aposentado pela USC

Como treinadorEditar

  • Campeão da NBA (1972)
  • Campeão da ABA (1971)
  • Campeão da ABL (1962)
  • Treinador do Ano da NBA (1972)
  • Treinador do Ano da ABA (1970)
  • 3× Treinador do All-Star Game (1968, 1972, 1973)

Como executivoEditar

  • 5× Campeão da NBA (1980, 1982, 1985, 1987, 1988)

ReferênciasEditar

  1. Lavietes, Stuart (25 de outubro de 2013). «Bill Sharman, Two-Time Basketball Hall of Famer, Dies at 87». The New York Times (em inglês). ISSN 0362-4331 
  2. «Sharman brought Celtics, Lakers to new heights». ESPN.com (em inglês). 25 de outubro de 2013. Consultado em 28 de abril de 2019 
  3. prestonjg (28 de outubro de 2013). «No, Bill Sharman was never ejected from a major league baseball game as a member of the Dodgers». The J.G. Preston Experience (em inglês). Consultado em 28 de abril de 2019 
  4. a b «Bill Sharman Stats». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 28 de abril de 2019 
  5. «1955 NBA All-Star Game Box Score». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 28 de abril de 2019 
  6. «1970-71 Utah Stars Roster and Stats». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 28 de abril de 2019 
  7. «1971-72 Los Angeles Lakers Roster and Stats». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 28 de abril de 2019 
  8. «theleaguenews.com». ww5.theleaguenews.com. Consultado em 28 de abril de 2019 
  9. Lavietes, Stuart (25 de outubro de 2013). «Bill Sharman, Two-Time Basketball Hall of Famer, Dies at 87». The New York Times (em inglês). ISSN 0362-4331 

Ligações externasEditar