Biman Bangladesh Airlines

Biman Bangladesh Airlines
IATA BG
ICAO BBC
Indicativo de chamada BANGLADESH
Fundada em 4 de janeiro de 1972
Principais centros
de operações
Aeroporto Internacional Shahjalal
Programa de milhagem Biman Loyalty Club
Frota 18
Destinos 24
Sede Daca,  Bangladesh
Pessoas importantes Sajjadul Hassan (Chairman) Mokabbir Hossain (CEO)
Sítio oficial www.biman-airlines.com

A Biman Bangladesh Airlines comumente conhecida apenas como Biman é uma companhia aérea nacional de Bangladesh. Seu hub principal no Aeroporto Internacional Hazrat Shahjalal em Daca, com seus vôos também operando em seus hubs secundários no Aeroporto Internacional Shah Amanat em Chittagong e também no Aeroporto Internacional Osmani em Sylhet. A companhia aérea fornece serviços internacionais de transporte de passageiros e carga para vários destinos e possui acordos de codeshare com 42 países. A sede da companhia aérea, Balaka Bhaban, está localizada em Kurmitola, na parte norte de Daca. Vôos anuais do Hajj; transporte de turistas, migrantes e trabalhadores não residentes de Bangladesh; e as atividades de suas subsidiárias fazem parte integrante dos negócios corporativos da companhia aérea. O setor aéreo de Bangladesh, que está apresentando uma taxa de crescimento anual de 8%, graças a um grande número de turistas de saída, turistas domésticos e viajantes não residentes de Bangladesh, é muito competitivo com a forte concorrência entre várias companhias aéreas privadas de Bangladesh, bem como a Biman.

FrotaEditar

 
Biman Boeing 737-800 na curta final do Aeroporto Changi de Singapura in 2010.
 
Biman Bangladesh Airlines Boeing 787-8 na aproximação final do Aeroporto Internacional Hazrat Shahjalal em Daca em 2018.

Em agosto de 2019 a frota da Biman eram das seguintes aeronaves:[1]

Frota da Biman Bangladesh Airlines
Aircraft In service Orders Passengers Notes
C S Y Total
Boeing 737-800 6 12 150 162 Quatro aeronaves entre as seis são alugadas. Dois em um contrato de arrendamento de 5 anos da GECAS.[2]
Dois em um contrato de arrendamento de 6 anos da ALAFCO.[3]
Boeing 777-300ER 4 35 384 419
Boeing 787-8 4 24 247 271 [4]
Boeing 787-9 2 30 21 247 298 [5][6][7]
Bombardier Dash 8 Q400 2 5[8] 74 74 Um em um contrato de 5 anos da Smart Aviation[9][10][11]
Cinco aeronaves a serem entregues até 2021 a partir de maio de 2020.[8]
Total 18 5

Ligações externasEditar

Referências

  1. http://archive.is/q2XQh
  2. «Biman to induct two aircraft to replace ageing ones». The Daily Star 
  3. «Biman adds another Boeing 737-800 to its fleet». bdnews24.com 
  4. «Biman gets Dreamliner Rajhangsha». The Daily Star (em inglês). 14 September 2019  Verifique data em: |data= (ajuda)
  5. «Bangladesh- Biman receives two new Boeing 787-9 Dreamliners» (em inglês). 21 December 2019  Verifique data em: |data= (ajuda)
  6. «Biman to add two more Boeing aircraft, says Hasina». bdnews24.com. 18 September 2019  Verifique data em: |data= (ajuda)
  7. «Biman's 787 'Achin Pakhi' arrives». The Daily Star (em inglês). 25 December 2019. Consultado em 25 December 2019  Verifique data em: |acessodata=, |data= (ajuda)
  8. a b Erro de citação: Etiqueta <ref> inválida; não foi fornecido texto para as refs de nome 5 more Dash 8 Q400 aircraft for Biman by 2021
  9. Erro de citação: Etiqueta <ref> inválida; não foi fornecido texto para as refs de nome Biman gets 2 aircraft for domestic operation
  10. «Biman Bangladesh Airlines Signs Deal to Lease Two Dash8-Q400 Aircraft for Huge Growth in its Domestic Operations». Aviationpros.com. 18 February 2015. Cópia arquivada em 21 May 2017  Verifique data em: |arquivodata=, |data= (ajuda)
  11. Ranter, Harro. «ASN Aircraft accident de Havilland Canada DHC-8-402Q Dash 8 S2-AGQ Yangon-Mingaladon Airport (RGN)». aviation-safety.net. Consultado em 15 de junho de 2019