Abrir menu principal

Arquidiocese de Mariana

arquidiocese católica no Brasil
(Redirecionado de Bispo de Mariana)
Arquidiocese de Mariana
Archidiœcesis Marianensis
Catedral Basílica de Nossa Senhora da Assunção
Localização
País  Brasil
Dioceses sufragâneas Diocese de Caratinga,
Diocese de Governador Valadares
Diocese de Itabira-Fabriciano
Estatísticas
Área 22,680 km²
Informação
Rito Romano
Criação da diocese 6 de dezembro de 1745 (274 anos)
Elevação a arquidiocese 1 de maio de 1906 (113 anos)
Catedral Catedral Basílica Nossa Senhora da Assunção
Padroeiro Nossa Senhora da Assunção
Governo da arquidiocese
Arcebispo Airton José dos Santos
Arcebispo emérito Geraldo Lyrio Rocha
Jurisdição Arquidiocese Metropolitana
(Região Leste II)
Contatos
Página oficial www.arqmariana.com.br
dados em catholic-hierarchy.org

A Arquidiocese de Mariana (em latim Archidiœcesis Marianensis) é uma circunscrição eclesiástica da Igreja Católica no Brasil. É a sé metropolitana da província eclesiástica de Mariana. Pertence ao Conselho Episcopal Regional Leste II da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil. A arquiepiscopal está na Catedral Basílica de Nossa Senhora da Assunção, na cidade de Mariana, no Estado de Minas Gerais.

HistóricoEditar

A Diocese de Mariana foi ereta pelo Papa Bento XIV, no dia 6 de dezembro de 1745, por meio da bula Candor lucis æternæ, a partir de território desmembrado da então Diocese de São Sebastião do Rio de Janeiro, sendo nomeado primeiro bispo Dom Frei Manuel da Cruz.[1] No dia 16 de julho de 1897, um decreto pontifício transferiu para a Diocese de Mariana os municípios de Minas Gerais então subordinados à Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro[2].

Em 11 de julho de 1903, presidido por Dom Silvério Gomes Pimenta, foi realizado o Primeiro Sínodo da Diocese de Mariana,[3] e no dia 1º de maio de 1906, o Papa Pio X, por meio da bula Sempiternam humani generis, elevou a diocese à categoria de arquidiocese e sé metropolitana.

A Diocese de Mariana abrangia um território inicialmente bastante extenso, o qual foi desmembrado sucessivamente para constituir outras dioceses em Minas Gerais: Diamantina (1854), Pouso Alegre (1900), Caratinga (1915), Luz (1918), Belo Horizonte (1921), Juiz de Fora (1924), Leopoldina (1942), São João del-Rei (1960) e Itabira-Fabriciano (1965)[4].

Demografia e paróquiasEditar

Bispos e arcebisposEditar

Ao longo de sua história, a Arquidiocese de Mariana já teve, com o atual, seis arcebispos e nove bispos, além de dois bispos auxiliares e um bispo eleito, mas não ordenado.


# Nome Período Notas
Arcebispos
Dom Airton José dos Santos 2018 - Atual
Dom Geraldo Lyrio Rocha 2007 - 2018 Renunciou por limite de idade.
Dom Luciano Pedro Mendes de Almeida, S.J. 1988 - 2006
Dom Oscar de Oliveira 1960 - 1988 Renunciou por limite de idade.
Dom Daniel Tavares Baeta Neves 1947 - 1958 Bispo Auxiliar.
Dom Helvécio Gomes de Oliveira, SDB 1922 - 1960
Dom Silvério Gomes Pimenta 1906 - 1922
Bispos
Dom Antônio Augusto de Assis 1918 - 1931 Bispo auxiliar.
Dom Modesto Augusto Vieira 1914 - 1916 Bispo auxiliar.
Dom Silvério Gomes Pimenta 1896 - 1922
Dom Silvério Gomes Pimenta 1890 - 1896 - Bispo auxiliar.
Dom Antônio Maria Correia de Sá e Benevides 1877 - 1896
Dom Antônio Ferreira Viçoso, C.M. 1844 - 1875 Sua causa de beatificação está em Roma.
Padre Carlos Pereira Freire de Moura Bispo eleito em 1840, mas faleceu antes da ordenação.
Dom Frei José da Santíssima Trindade, OFM 1819 - 1835
Dom Frei Cipriano de São José, OFM 1797 - 1817
Dom Frei Domingos da Encarnação Pontevel, O.P. 1778 - 1793
Dom Bartolomeu Manuel Mendes dos Reis 1772 - 1777 Renunciou.
Dom Joaquim Borges de Figueiroa 1771 - 1772 Foi designado Arcebispo de Salvador
Dom Frei Manuel da Cruz, O. Cist. 1745 - 1764


Referências

  1. «Guia Geral da Arquidiocese de Mariana» (PDF). Arquidiocese de Mariana. 2008–2009. p. 19-20. Consultado em 27 de junho de 2012. Arquivado do original (PDF) em 18 de abril de 2013 
  2. Nilza Cantoni. «Disputas de limites entre Rio de Janeiro e Minas Gerais». Consultado em 20 de setembro de 2011 
  3. PRIMEYRO Synodo da Diocese de Marianna celebrado pelo Exm.º e Rvmº Snr. Bispo D. Silverio Gomes Pimenta; julho de 1903. Marianna: Typographia Episcopal, 1903. 107p.
  4. Catholic-Hierarchy. «Archdiocese of Mariana». Consultado em 20 de setembro de 2011 
  5. «Dia da Arquidiocese de Mariana». CNBB. Consultado em 20 de agosto de 2010. Arquivado do original em 23 de agosto de 2010 

Ligações externasEditar

O Commons possui imagens e outros ficheiros sobre Arquidiocese de Mariana