Bonde de Jesus

Bonde de Jesus[1][2][3][4] (ou Gangue de Jesus[5]) é uma organização criminosa de traficantes autodenominados evangélicos em Duque de Caxias, Rio de Janeiro, conhecida por perseguições a minorias religiosas locais e invasões a terreiros de Umbanda e Candomblé.[6][7][8] O Bonde ganhou notoriedade após reportagem do jornalista Terrece McCoy, do The Washington Post, que atraiu a atenção da imprensa brasileira.[9]

Bonde de Jesus
Motivos Promoção do radicalismo neopentecostal nas favelas.
Área de atividade Baixada Fluminense,Rio de Janeiro,Brasil
Ideologia Fundamentalismo Cristão
Ataques célebres destruição e fechamento de terreiros e assasinatos de lideranças religiosas
Status ativo
Financiamento tráfico de drogas e armas
Aliados TCP

Referências

  1. DA SILVA GOMES, Edgar. RACISMO RELIGIOSO: QUANTO A LETRA DA LEI É UM NATIMORTO. Cordis: Revista Eletrônica de História Social da Cidade, v. 1, n. 26, p. 3-32, 2021.
  2. BOAZ, Danielle N. “Spiritual Warfare” or “Crimes against Humanity”? Evangelized Drug Traffickers and Violence against Afro-Brazilian Religions in Rio de Janeiro. Religions, v. 11, n. 12, p. 640, 2020.
  3. Maia, Matheus de Souza (15 de dezembro de 2020). «Racismo religioso e o discurso jornalístico : uma análise de sentidos». Consultado em 23 de novembro de 2021 
  4. Boaz, Danielle N. (2021). «Exoticizing Terrorism: Religious Bias and the Unchecked Threat of Evangelical Christian Extremism in Brazil» (em inglês). ISSN 1522-5658. Consultado em 23 de novembro de 2021 
  5. RODRIGUES, Ozaias Silva. O candomblé sob a mira do racismo e do terrorismo religioso: ataques, categorias e identidades reinventadas. Revista Docência e Cibercultura, v. 5, n. 2, p. 51-72, 2021.
  6. Balloussier, Anna Virginia (14 de agosto de 2019). «Polícia prende 8 traficantes do 'Bonde de Jesus', que atacava terreiros no Rio». Folha de S.Paulo. Consultado em 13 de dezembro de 2019 
  7. Coelho, Henrique (2019). «Polícia investiga ação do 'Bonde de Jesus' contra terreiros de religiões de matriz africana no RJ». G1 Rio. Consultado em 13 de dezembro de 2019 
  8. Estadão, Conteúdo (18 de agosto de 2019). «Polícia prende 'Bonde de Jesus' que atacava terreiros de Ubanda e Candomblé». Estado de Minas. Consultado em 13 de dezembro de 2019 
  9. McCoy, Terrence. «'Soldiers of Jesus': Armed neo-Pentecostals torment Brazil's religious minorities». Washington Post (em inglês). Consultado em 13 de dezembro de 2019 
  Este artigo sobre criminosos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.