Abrir menu principal
Bonded by Blood
Álbum de estúdio de Exodus
Lançamento 25 de abril de 1985
Gravação julho, 1984 no Prairie Sun Studios
Gênero(s) Thrash Metal, Speed metal
Duração 40:49
Gravadora(s) Torrid/Combat Records
Produção Mark Whitaker
Cronologia de Exodus
Pleasures of the Flesh
(1987)
Capa alternativa
Críticas profissionais
Avaliações da crítica
Fonte Avaliação
Allmusic 4 de 5 estrelas. link
Sputnikmusic 4 de 5 estrelas. link
Symbol unlikely.svg Esta tabela precisa de ser acompanhada por texto em prosa. Consulte o guia.

Bonded by Blood é o álbum de estreia da banda norte-americana de thrash metal Exodus, lançado em 1985 e contou com a produção de Mark Whitaker.[1][2] É um dos maiores e mais influentes álbuns de thrash metal de todos os tempos.

O álbum estava pronto no inverno (meio do ano) de 1984, mas só foi lançado em 1985 por problemas do Exodus com a gravadora. É o único álbum de estúdio que Paul Baloff gravou em sua carreira.

FaixasEditar

N.º TítuloCompositor(es) Duração
1. "Bonded by Blood"  Baloff, Holt 3:43
2. "Exodus"  Baloff, Holt 4:05
3. "And Then There Were None"  Holt, Hunting 4:40
4. "A Lesson in Violence"  Holt, Hunolt 3:49
5. "Metal Command"  Baloff, Holt, Whitaker 4:13
6. "Piranha"  Baloff, Holt 3:45
7. "No Love"  Baloff, Holt 5:08
8. "Deliver Us to Evil"  Holt, Hunolt, Whitaker 7:07
9. "Strike of the Beast"  Baloff, Holt 3:57

Ambos os relançamentos da Combat Records (1989) e o da Century Media (1999) contém as seguintes faixas com Steve "Zetro" Souza nos vocais. Elas foram gravadas ao vivo em Londres, em 8 de Março de 1989.

Faixas bônus
N.º Título Duração
10. "And Then There Were None"   4:52
11. "A Lesson in Violence"   3:26

CréditosEditar

Banda
Participações
  • Andy "Airborne" Anderson - vocal de apoio
  • Lonnie Hunolt - vocal de apoio
  • T. Rage (R.I.P. 2010) - vocal de apoio
Produção
  • John Volaitis – engenheiro
  • Ken Adams – produtor executivo
  • Todd Gordon – produtor executivo
  • Mark Whitaker – produção, mixagem, engenharia
  • Richard A. Ferraro – autor da capa
  • Robin Yeager – mixagem
  • Donald J. Munz – capa, direção de arte
  • Gordon Lyons "The Triple Threat" – engenheiro

Referências

  1. Resenha allmusic.com
  2. Informações discogs.com