Borguinhões

A facção dos Bourguignons (ou Borgonheses) era o partido de João, Duque da Borgonha, dito João sem Medo (Jean sans Peur), oposto à facção dos Armagnacs, partidários de Luís, Duque d'Orleães.[1]

A guerra civil dos Armagnacs e Bourguignons teve início a 23 de novembro de 1407, quando o Duque d'Orleães foi assassinado, por ordem de João sem Medo. O conflito debilitou enormemente a França, já em luta contra a Inglaterra, na Guerra dos Cem Anos. A guerra entre Armagnacs e Bourguignons só terminará quase trinta anos depois, com a assinatura do Tratado de Arras (1435). João sem Medo também será assassinado, em 1419, pelos Armagnacs.

Referências

  1. Jacques d'Avout, La querelle des Armagnacs et des Bourguignons, Paris, Gallimard, coll. « La Suite des temps » (no 9), 1943, pág. 431
  Este artigo sobre História da França é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.