Bradley Beal

basquetebolista estadunidense

}} Bradley Emmanuel Beal (St. Louis, 28 de junho de 1993) é um jogador de basquetebol profissional que atualmente joga pelo Washington Wizards da NBA.[1]

Bradley Beal
Bradley Beal 2020.jpg
Informações pessoais
Nome completo Bradley Emmanuel Beal
Data de nasc. 28 de junho de 1993 (28 anos)
Local de nasc. St. Louis, Missouri, Estados Unidos
Altura 6 ft 3 in (1.91 m)
Peso 207 lb (94 kg)
Informações no clube
Clube atual Washington Wizards
Número 3
Posição Ala-armador
Clubes de juventude
2011–2012 Universidade da Flórida
Clubes profissionais
Ano Clubes Partidas (pontos)
2012–presente Washington Wizards 585 (13.216)
Seleção nacional
2009–presente Estados Unidos
Medalhas
Jogos Olímpicos
Ouro Tokyo 2020 Basquete Masculino


* Partidas e pontos pelo clube profissional
contam apenas os jogos da liga nacional e
e estão atualizados até 24 de fevereiro de 2021.

Ele jogou basquete universitário pela Universidade da Flórida antes de ser selecionado pelo Washington Wizards como a terceira escolha geral do Draft da NBA de 2012.

Carreira no ensino médioEditar

Beal estudou na Chaminade College Preparatory School em St. Louis, Missouri. Ele competiu pelos EUA no Campeonato Mundial Sub-17 de 2010, vencendo o título com uma média de 18 pontos. Beal também foi para a Equipe do Torneio e ganhou o Prêmio de MVP.

Durante seu último ano do ensino médio, ele teve médias de 32,5 pontos, 5,7 rebotes e 2,8 assistências.

No final da sua última temporada, ele foi nomeado o Mr. Show-Me Basketball de 2011, que o reconheceu como o melhor jogador de basquete do ensino médio no estado do Missouri. Ele também foi nomeado o Jogador Nacional do Ano de 2011.

Recrutamento
Nome Cidade Natal Escola Altura Peso Data
Bradley Beal

SG

Creve Coeur, Missouri Chaminade College Prep 6 ft 4 in (1.93 m) 195 lb (88 kg) 30 de Novembro de 2009
Recrutamento: Rivals:   Scout:   247sports:  
  • Nota: Em muitos casos, Scout, Rivals, 247Sports e ESPN podem entrar em conflito em suas listas de altura e peso, nestes casos, a média foi obtida.
  • Fonte:[2][3][4]

Carreira universitáriaEditar

Em 30 de novembro de 2009, Beal se comprometeu com a Universidade da Flórida. Beal aceitou uma bolsa de estudos atlética para frequentar a universidade, onde jogou sob o comando do técnico Billy Donovan durante a temporada de 2011-12.

Em seu primeiro jogo na Flórida, Beal foi titular e anotou 14 pontos. Beal foi nomeado o Calouro da Semana da SEC em 28 de novembro de 2011. Durante a semana de 21/11 a 28/11, ele teve médias de 18,5 pontos, sete rebotes, duas assistências e 1,5 roubos em duas vitórias sobre Wright State e Jacksonville.

Beal ganharia mais cinco prêmios de Calouro da Semana da SEC, ele também foi nomeado para a Equipe de Novatos e para a Primeira-Equipe da SEC. Beal terminou a temporada com média de 14,8 pontos. Ele também ajudou sua equipe a avançar para a Elite Oito durante o Torneio da NCAA antes de ser eliminado por Louisville.

Carreira profissionalEditar

Washington Wizards (2012–Presente)Editar

Temporada de 2012–13Editar

Em 13 de abril de 2012, Beal declarou-se para o Draft da NBA, esquecendo seus últimos três anos de elegibilidade universitária. Em 28 de junho de 2012, Beal foi selecionado pelo Washington Wizards com a terceira escolha geral no Draft da NBA de 2012.[5]

 
Beal em um jogo contra o New York Knicks em 2013

Beal foi nomeado o Novato do Mês da Conferência Leste em dezembro de 2012 e janeiro de 2013. Em 4 de janeiro de 2013, em um jogo contra o Brooklyn Nets, Beal marcou 24 pontos e acertou uma cesta de três pontos para mandar o jogo para a prorrogação dupla; os Wizards perderam o jogo. Em 17 de janeiro, ele marcou seis cestas de três pontos feitos em uma derrota para o Sacramento Kings. Ele foi selecionado para o Rising Stars no All-Star Weekend de 2013.

Em 3 de abril de 2013, foi anunciado que Beal perderia o restante da temporada de 2012-13 com uma lesão na perna direita. No final da temporada, depois de jogar 56 jogos, ele foi nomeado para a Equipe de Novatos da NBA e terminou em terceiro na votação para o Prêmio de Novato do Ano.[6]

Temporada de 2013–14Editar

Em 10 de novembro de 2013, Beal marcou 34 pontos em uma derrota na prorrogação para o Oklahoma City Thunder. Mais tarde, ele marcou 37 pontos em uma derrota para o Memphis Grizzlies.

Beal terminou como vice-campeão no torneio de três pontos no All-Star Weekend de 2014, perdendo para Marco Belinelli. Na época, Beal era o competidor mais jovem da história do evento.[7]

Em 29 de abril de 2014, Beal e os Wizards derrotaram os Bulls na primeira rodada dos playoffs, levando a equipe para a segunda rodada, um feito que a franquia não alcançava desde 2005.

Temporada de 2014–15Editar

 
Beal em um jogo contra o New Orleans Pelicans em 2014

Em 11 de outubro de 2014, Beal foi submetido a uma ressonância magnética que revelou uma fratura em um osso do pulso esquerdo, exigindo posteriormente uma cirurgia. Mais tarde, ele foi descartado por seis a oito semanas. Depois de perder os nove primeiros jogos da temporada com a lesão, ele fez sua estreia na temporada em 19 de novembro contra o Dallas Mavericks. Em pouco menos de 26 minutos, ele registrou 21 pontos, 3 rebotes, 3 assistências e 1 roubo, na derrota por 102-105.

Em 5 de fevereiro, Beal machucou o dedão do pé direito e mais tarde foi afastado indefinidamente após testes subsequentes revelarem uma leve reação de estresse em sua fíbula direita.[8] Ele perdeu oito jogos com a lesão e voltou à ação em 28 de fevereiro contra o Detroit Pistons, marcando oito pontos em 32 minutos de uma vitória por 99-95.[9]

No Jogo 1 das semifinais dos playoffs contra o Atlanta Hawks, Beal marcou 28 pontos e ajudou a sua equipe a vencer por 104-98. No Jogo 4 da série, Beal marcou 34 pontos na derrota que empatou a série em 2-2. Os Wizards perderam a série para os Hawks em seis jogos.

Temporada de 2015-16Editar

Em 4 de novembro de 2015, Beal marcou 25 pontos e fez uma cesta de três pontos faltando 0,3 segundos para levar os Wizards a uma vitória por 102-99 sobre o San Antonio Spurs.

Beal teve uma temporada atormentada por lesões, já que perdeu três jogos em meados de novembro com uma lesão no ombro, e 16 jogos entre 11 de dezembro e 11 de janeiro com uma lesão na perna direita.[10] No início de março, ele perdeu três jogos com uma pélvis torcido.[11] Ele jogou em 55 jogos na temporada, e fez 35 jogos como titular, mas registrou média de 17,4 pontos, a maior de sua carreira.[12]

Temporada de 2016-17Editar

 
Beal em um jogo contra o Cleveland Cavaliers em 2017

Em 26 de julho de 2016, Beal re-assinou com os Wizards.[13] Em 19 de novembro de 2016, ele marcou 34 pontos na derrota por 114-111 para o Miami Heat.[14] Dois dias depois, ele teve 30 ou mais pontos em jogos consecutivos pela primeira vez em seus cinco anos de carreira, registrando 42 pontos na vitória por 106-101 sobre o Phoenix Suns.[15]

Em 27 de novembro, ele foi multado em US$ 15.000 por agarrar na garganta de Evan Fournier durante o jogo contra o Orlando Magic.[16]

Em 14 de dezembro, ele registrou 20 pontos e 9 assistências na vitória por 109-106 sobre o Charlotte Hornets.[17] Com dois pontos feitos em 16 de dezembro contra o Detroit Pistons,[18] Beal alcançou 501 pontos na carreira e se tornou o terceiro jogador dos Wizards a fazer 500, juntando-se a Gilbert Arenas e Antawn Jamison. Em 18 de dezembro, ele marcou 41 pontos na vitória por 117-110 sobre o Los Angeles Clippers.[19] Em 6 de fevereiro de 2017, ele teve outro jogo de 41 pontos em uma derrota por 140-135 na prorrogação para o Cleveland Cavaliers.[20]

Em 24 de fevereiro de 2017, ele marcou 40 pontos em uma derrota por 120-112 para o Philadelphia 76ers, registrando seu quarto jogo de 40 pontos na temporada.[21] Em 29 de março de 2017, ele marcou 27 pontos na derrota por 133-124 para o Los Angeles Clippers. Durante o jogo, Beal superou Gilbert Arenas para o recorde de mais cestas de três pontos na franquia. Beal juntou-se a Kevin Durant e Vince Carter como os únicos três jogadores na história da NBA com 23 anos ou menos a ter uma média de pelo menos 23 pontos e ter 40% de acerto na faixa de três pontos.[22]

Em 12 de maio de 2017, Beal ajudou os Wizards a evitar a eliminação e forçar um Jogo 7 na segunda rodada dos playoffs contra o Boston Celtics com um jogo de 33 pontos em uma vitória de 92-91.[23] No Jogo 7, três dias depois, Beal liderou os Wizards com 38 pontos, incluindo 24 no segundo tempo, mas ele não conseguiu levá-los à vitória.[24]

Temporada de 2017-18Editar

Em 1 de novembro de 2017, Beal marcou 40 pontos na derrota por 122-116 para o Phoenix Suns.[25] Em 20 de novembro de 2017, na vitória por 99-88 sobre o Milwaukee Bucks, Beal marcou 23 pontos e se tornou o jogador mais jovem da história da NBA a chegar aos 700 pontos.[26] Em 5 de dezembro de 2017, ele marcou 51 pontos na vitória por 106-92 sobre o Portland Trail Blazers.[27]

Em 31 de dezembro de 2017, Beal marcou 17 de seus 39 pontos no quarto quarto para levar Washington a uma vitória por 114-110 sobre o Chicago Bulls. Ele também teve nove rebotes e nove assistências.[28] Beal foi posteriormente nomeado Jogador da Semana da Conferência Leste para jogos jogados de 25 de dezembro a 31 de dezembro.[29]

Em 23 de janeiro de 2018, Beal foi nomeado para o All-Star Game da NBA pela primeira vez.[30] Dois dias depois, ele marcou 41 pontos na derrota por 121-112 para o Oklahoma City Thunder.[31] Em 4 de março de 2018, ele registrou 22 pontos e 11 assistências na derrota por 98-95 para o Indiana Pacers.[32] Em 14 de março de 2018, ele marcou 34 pontos na vitória por 125-124 sobre o Boston Celtics.[33]

No Jogo 3 da primeira rodada dos playoffs contra o Toronto Raptors, Beal marcou 21 de seus 28 pontos no primeiro tempo, enquanto os Wizards venceram por 122-103.[34] No Jogo 4, Beal marcou 31 pontos em uma vitória por 106-98, ajudando os Wizards a empatar a série em 2-2.[35] Os Wizards perderam a série em seis jogos, apesar dos 32 pontos de Beal em uma derrota por 102-92 no Jogo 6.[36]

Temporada de 2018-19Editar

Em 20 de outubro de 2018, Beal marcou 32 pontos na derrota por 117-113 para o Toronto Raptors. Ele quebrou o recorde da franquia de mais cesta de 3 pontos superando Gilbert Arenas.[37] Em 14 de novembro, ele marcou 20 pontos na vitória por 119-95 sobre o Cleveland Cavaliers. Beal atingiu seu 900º ponto na carreira no primeiro quarto, tornando-se o jogador mais jovem da história da NBA a chegar aos 900.[38][39]

Em 5 de dezembro, ele marcou 36 pontos na vitória por 131-117 sobre o Atlanta Hawks.[40] Ele foi posteriormente nomeado Jogador da Semana da Conferência Leste para jogos disputados de 3 de dezembro até 9 de dezembro.[41] Em 22 de dezembro, ele registrou seu primeiro triplo-duplo da carreira com 40 pontos, 15 assistências e 11 rebotes na vitória por 149-146 na prorrogação sobre o Phoenix Suns.[42]

Em 13 de janeiro, ele teve seu segundo triplo-duplo da temporada com 43 pontos, 15 assistências e 10 rebotes em uma derrota por 140-138 para os Raptors. Ele se juntou a Oscar Robertson como o único jogador na história da NBA com vários jogos de 40 pontos, 15 assistências e 10 rebotes em uma temporada.[43] Em 22 de fevereiro, ele marcou 46 pontos na derrota por 123-110 para o Charlotte Hornets.[44]

Beal terminou fevereiro com média de 30,9 pontos.[45] Em 15 de março, ele marcou 40 pontos na derrota por 116-110 para os Hornets.[46] Ele fez 40 pontos pelo segundo jogo consecutivo um dia depois na vitória por 135-128 sobre o Memphis Grizzlies.[47] Ele foi posteriormente nomeado Jogador da Semana da Conferência Leste para jogos disputados de 11 de março até 17 de março.[48] Em abril de 2019, ele se tornou o primeiro jogador na história da franquia com 2.000 pontos, 400 rebotes e 400 assistências em uma temporada.[49] Ele também se tornou o primeiro jogador na história da franquia a ter uma média de pelo menos 25 pontos, cinco rebotes e cinco assistências, enquanto jogou em todos os 82 jogos pela segunda temporada consecutiva.[50]

Temporada de 2019-20Editar

Em 17 de outubro de 2019, Beal assinou uma prorrogação de contrato de dois anos no valor máximo de US$ 72 milhões para permanecer com os Wizards.[51]

Em 30 de outubro de 2019, Beal registrou 46 pontos e 8 assistências na derrota por 159-158 para o Houston Rockets.[52] Em novembro, Beal marcou 44 pontos em dois jogos consecutivos, uma derrota para o Boston Celtics e uma vitória sobre o Minnesota Timberwolves.[53]

Em 23 de fevereiro de 2020, Beal marcou 53 pontos na derrota por 126-117 para o Chicago Bulls.[54] Durante o jogo, Beal passou Jeff Malone para o segundo lugar na lista de maiores pontuadores da história dos Wizards.[55] No dia seguinte, ele marcou 55 pontos na derrota por 140-137 na prorrogação para o Milwaukee Bucks. Beal se tornou o primeiro jogador a marcar 50 pontos em noites consecutivas desde Kobe Bryant em 2007.[56] Em 28 de fevereiro, Beal registrou 42 pontos e 10 assistências na derrota por 119-129 para o Utah Jazz. No total, Beal teve uma média impressionante de 36,2 pontos no mês de fevereiro.[57]

Em 10 de março, Beal registrou 39 pontos e 7 assistências na vitória por 122-115 contra o New York Knicks, seu último jogo antes da suspensão abrupta da temporada de 2019-20.[58] No momento da suspensão, Beal havia jogado em 57 jogos e tinha médias de 30,5 pontos e 6,1 assistências.

Em 7 de julho de 2020, os Wizards anunciaram que Beal não participaria da Bolha da NBA devido a uma lesão no ombro.[59]

Temporada de 2020-21Editar

Em 6 de janeiro de 2021, Beal fez 60 pontos na derrota por 141-136 para o Philadelphia 76ers, empatando o recorde da franquia de Gilbert Arenas de mais pontos marcados em um jogo.[60][61] Em 18 de fevereiro de 2021, Beal foi selecionado para jogar em seu terceiro All-Star Game como titular.[62]

Depois de começar a temporada com um recorde de 17-32, Beal ajudou a liderar os Wizards em uma corrida de 17-6 para terminar a temporada, e garantiu a oitava vaga nos playoffs. Ao lado de Russell Westbrook, Beal liderou os Wizards para uma vitória por 142-115 sobre o Indiana Pacers no torneio play-in para conquistar a última vaga nos playoffs, marcando a primeira aparição da equipe nos playoffs desde 2018.[63]

Carreira na seleçãoEditar

Beal se comprometeu a jogar na Seleção Americana de Basquetebol nos Jogos Olímpicos de Verão de 2020, adiada para 2021 por causa da Pandemia de COVID-19.[64] Depois de jogar em três jogos amistosos, ele foi descartado para as Olímpiadas depois de testar positivo para o coronavírus.[65]

EstatísticasEditar

LEGENDA
 PJ  Partidas jogadas  PT  Partidas como titular  MPJ  Minutos por jogo  AP  Arremessos de quadra (%)
 3P  Arremessos de 3 pontos (%)  LL  Lances-livre (%)  RT  Rebotes por jogo  AS  Assistências por jogo
 BR  Roubos de bola por jogo  TO  Tocos por jogo  PPJ  Pontos por jogo  Negrito  Melhor da carreira
Líder da liga

NBAEditar

Temporada RegularEditar

Ano Equipe PJ PT MPJ AP 3P LL RT AS BR TO PPJ
2012-13 Washington 56 46 31.2 .410 .386 .786 3.8 2.4 .9 .5 13.9
2013-14 Washington 73 73 34.7 .419 .402 .788 3.7 3.3 1.0 .2 17.1
2014–15 Washington 63 59 33.4 .427 .409 .783 3.8 3.1 1.2 .3 15.3
2015–16 Washington 55 35 31.1 .449 .387 .767 3.4 2.9 1.0 .2 17.4
2016–17 Washington 77 77 34.9 .482 .404 .825 3.1 3.5 1.1 .3 23.1
2017–18 Washington 82 82 36.3 .460 .375 .793 4.4 4.5 1.2 .4 22.6
2018–19 Washington 82 82 36.9 .475 .351 .808 5.0 5.5 1.5 .7 25.6
2019–20 Washington 57 57 36.0 .455 .353 .842 4.2 6.1 1.2 .4 30.5
2020–21 Washington 60 60 35.8 .485 .349 .889 4.7 4.4 1.2 .4 31.3
Carreira 605 571 34.4 .451 .379 .808 4.0 3.9 1.1 .3 21.8
All-Star 3 1 21.7 .496 .433 .000 1.0 2.3 1.0 .0 17.0

PlayoffsEditar

Ano Equipe PJ PT MPJ AP 3P LL RT AS BR TO PPJ
2014 Washington 11 11 41.6 .424 .415 .796 5.0 4.5 1.6 .6 19.2
2015 Washington 10 10 41.8 .405 .365 .831 5.5 4.6 1.6 .7 23.4
2017 Washington 13 13 38.8 .471 .287 .820 3.3 2.7 1.6 .6 24.8
2018 Washington 6 6 36.0 .454 .467 .870 3.3 2.8 1.2 .3 23.2
2021 Washington 5 5 39.0 .455 .219 .861 6.2 4.2 .8 .6 30.0
Carreira 45 45 39.4 .441 .350 .835 4.6 3.7 1.3 .5 24.1

UniversitárioEditar

Ano Equipe PJ PT MPJ AP 3P LL RT AS BR TO PPJ
2011–12 Flórida 37 37 34.2 .445 .339 .769 6.7 2.2 1.4 0.8 14.8

Vida pessoalEditar

 
Beal com seu filho Deuce em 2019

Beal é filho de Bobby e Besta Beal, e tem quatro irmãos: Brandon, Bruce, Byron e Bryon. Todos os quatro jogaram ou estão jogando futebol universitário: Brandon jogou como tight end em Northern Illinois, Bruce jogou na linha ofensiva em Alabama State, e Bryon e Byron jogaram na linha ofensiva e defensiva, respectivamente, na Lindenwood University.[66][67]

O rapper Nelly, que é amiga da família, costumava levar Beal à escola. Ele era próximo de Jayson Tatum na adolescência, tornando-se um amigo próximo e mentor dele.[68]

Beal e sua esposa Kamiah Adams têm dois filhos juntos. Em agosto de 2020, Beal vendeu sua mansão de 12.000 metros por US$ 3,5 milhões para o co-fundador da &pizza, o empresário Steve Salis.[69]

Referências

  1. «Bradley Beal | Washington Wizards | NBA.com». www.nba.com. Consultado em 8 de agosto de 2021 
  2. «Brad Beal, 2011 Shooting guard - Rivals.com». n.rivals.com. Consultado em 9 de agosto de 2021 
  3. «Bradley Beal - Basketball Recruiting - Player Profiles - ESPN». ESPN.com. Consultado em 9 de agosto de 2021 
  4. «Bradley Beal, Chaminade , Shooting Guard». 247Sports (em inglês). Consultado em 9 de agosto de 2021 
  5. «2012 NBA Draft». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  6. «Portland's Lillard named 2012-13 Kia NBA Rookie of the Year | NBA.com». web.archive.org. 18 de janeiro de 2018. Consultado em 10 de agosto de 2021 
  7. «Suns' Devin Booker – by far – youngest player in NBA 3-point contest history». ProBasketballTalk | NBC Sports (em inglês). 5 de fevereiro de 2016. Consultado em 10 de agosto de 2021 
  8. «Bradley Beal to resume basketball activities Saturday». Washington Post (em inglês). ISSN 0190-8286. Consultado em 10 de agosto de 2021 
  9. «Pistons at Wizards - February 28, 2015 - Game Preview, Play by Play, Scores and Recap on NBA.com». web.archive.org. 4 de agosto de 2017. Consultado em 10 de agosto de 2021 
  10. «Wizards to be without Beal for at least 2 weeks». ESPN.com (em inglês). 12 de dezembro de 2015. Consultado em 10 de agosto de 2021 
  11. «Detroit Pistons vs Washington Wizards - March 14, 2016 - Game Preview, Play by Play, Scores and Recap on NBA.com». web.archive.org. 21 de dezembro de 2016. Consultado em 10 de agosto de 2021 
  12. «Bradley Beal 2015-16 Game Log». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  13. «Wizards Re-Sign Bradley Beal | Wizards Today». web.archive.org. 13 de agosto de 2016. Consultado em 10 de agosto de 2021 
  14. «Heat vs. Wizards - Game Recap - November 19, 2016 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  15. «Suns vs. Wizards - Game Recap - November 21, 2016 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  16. «Bradley Beal fined $15,000 for grabbing throat of Magic's Evan Fournier». Washington Post (em inglês). ISSN 0190-8286. Consultado em 10 de agosto de 2021 
  17. «Hornets vs. Wizards - Game Recap - December 14, 2016 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  18. «Pistons vs. Wizards - Game Recap - December 16, 2016 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  19. «Clippers vs. Wizards - Game Recap - December 18, 2016 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  20. «Cavaliers vs. Wizards - Game Recap - February 6, 2017 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  21. «Wizards vs. 76ers - Game Recap - February 24, 2017 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  22. «Bradley Beal's 2016-17 Season in Review | Washington Wizards Blog». web.archive.org. 25 de setembro de 2017. Consultado em 10 de agosto de 2021 
  23. «Celtics vs. Wizards - Game Recap - May 12, 2017 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  24. «Wizards vs. Celtics - Game Recap - May 15, 2017 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  25. «Suns vs. Wizards - Game Recap - November 1, 2017 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  26. «Wizards vs. Bucks - Game Recap - November 20, 2017 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  27. «Wizards vs. Trail Blazers - Game Recap - December 5, 2017 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  28. «Bulls vs. Wizards - Game Recap - December 31, 2017 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  29. «Bradley Beal named Eastern Conference Player of the Week». Washington Wizards (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  30. «Wizards' Bradley Beal headed to his first NBA All-Star Game, John Wall makes fifth straight». Washington Post (em inglês). ISSN 0190-8286. Consultado em 10 de agosto de 2021 
  31. «Wizards vs. Thunder - Game Recap - January 25, 2018 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  32. «Pacers vs. Wizards - Game Recap - March 4, 2018 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  33. «Wizards vs. Celtics - Game Recap - March 14, 2018 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  34. «Raptors vs. Wizards - Game Recap - April 20, 2018 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  35. «Raptors vs. Wizards - Game Recap - April 22, 2018 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  36. «Raptors vs. Wizards - Game Recap - April 27, 2018 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  37. «Raptors vs. Wizards - Game Recap - October 20, 2018 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  38. «Cavaliers vs. Wizards - Game Recap - November 14, 2018 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  39. «Wizards use hot start to bury Cavs, 119-95». Washington Wizards (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  40. «Wizards vs. Hawks - Game Recap - December 5, 2018 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  41. «Beal named Eastern Conference Player of the Week». Washington Wizards (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  42. «Suns vs. Wizards - Game Recap - December 22, 2018 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  43. «Raptors vs. Wizards - Game Recap - January 13, 2019 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  44. «Wizards vs. Hornets - Game Recap - February 22, 2019 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  45. «Wizards vs. Nets - Game Recap - February 27, 2019 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  46. «Hornets vs. Wizards - Game Recap - March 15, 2019 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  47. «Grizzlies vs. Wizards - Game Recap - March 16, 2019 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  48. «Beal named Eastern Conference Player of the Week». Washington Wizards (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  49. «Bulls vs. Wizards - Game Recap - April 3, 2019 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  50. «Celtics vs. Wizards - Game Recap - April 9, 2019 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  51. Gartland, Dan. «Report: Beal Agrees to Max Extension With Wizards». Sports Illustrated (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  52. «Rockets vs. Wizards - Game Summary - October 30, 2019 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  53. «Bradley Beal's 40-point games have been insanely efficient». RSN (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  54. «Wizards vs. Bulls - Game Summary - February 23, 2020 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  55. «Bradley Beal moves into second on Wizards' all-time scoring list». sports.yahoo.com (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  56. Polacek, Scott. «Bradley Beal 1st Player Since Kobe Bryant with 50 Points on Consecutive Nights». Bleacher Report (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  57. «An empty 40: Wizards fall to Jazz despite another big game from Bradley Beal». Washington Post (em inglês). ISSN 0190-8286. Consultado em 10 de agosto de 2021 
  58. «NBA suspends season due to coronavirus». ESPN.com (em inglês). 12 de março de 2020. Consultado em 10 de agosto de 2021 
  59. «Wizards announce Beal will not participate in 2019-20 NBA restart due to shoulder injury». Washington Wizards (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  60. Corvo, Michael (7 de janeiro de 2021). «Bradley Beal Scores Only 3 Points In Final Quarter, Finishes Just Shy Of Stephen Curry's 62 Points». ClutchPoints (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  61. «Bradley Beals ties franchise record with 60 points, Wizards still lose». sports.yahoo.com (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  62. «2021 NBA All-Star Game starters revealed». www.nba.com (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  63. Press, Associated. «Wizards Blow Past Pacers for East's No. 8 Seed». Sports Illustrated (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  64. Salvador, Joseph. «KD, Tatum Among NBA Stars Reportedly Playing in Olympics». Sports Illustrated (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2021 
  65. «Beal out of Tokyo Games; U.S.-Australia canceled». ESPN.com (em inglês). 15 de julho de 2021. Consultado em 10 de agosto de 2021 
  66. Lee, Michael (29 de outubro de 2012). «For Wizards' Bradley Beal, it's all in the family». Washington Post (em inglês). ISSN 0190-8286. Consultado em 10 de agosto de 2021 
  67. «O'Neil: Siblings bring out the best in Florida's Beal». ESPN.com (em inglês). 18 de janeiro de 2012. Consultado em 10 de agosto de 2021 
  68. «Inside Jayson Tatum's evolution: The Bradley Beal connection and working the right way». Celtics Wire (em inglês). 26 de dezembro de 2017. Consultado em 10 de agosto de 2021 
  69. www.bizjournals.com https://www.bizjournals.com/washington/news/2020/08/21/bradley-beal-sells-mclean-mansion-to-steve-salis.html. Consultado em 10 de agosto de 2021  Em falta ou vazio |título= (ajuda)