Abrir menu principal
Brasão de Porto velho

Brasão de Porto Velho.

Erros de confecçãoEditar

O brasão de Porto Velho possui erros crassos, considerando-se as convenções da heráldica municipal (também denominada "civil") brasileira:

  • O brasão não apresenta uma "coroa-mural", peça utilizada pela maioria dos municípios brasileiros. Tal convenção é herança da heráldica portuguesa, presente na grande maioria dos brasões de municípios brasileiros. Como capital de estado, Porto Velho deveria possuir coroa de cor dourada, igual às dos brasões de Curitiba, Goiânia, Porto Alegre ou Teresina.
  • O escudo em formato circular também está errado. O correto é um escudo no formato denominado "redondo", ou português como o das cidades de São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba e da maioria dos municípios brasileiros.
  • A inscrição "PORTO VELHO" deve ser removida do escudo e transferida para o listel.
  • Datas inscritas no listel são sempre em exibidas em algarismos, não em extenso, como no Brasão de Teresina.
  • O escudo carece de tenentes, também denomindados suportes. Assim como o listel, a grande maioria dos municípios brasileiros contém tal ornamento. Eles estariam dispostos nas laterais do escudo, seguindo o mesmo padrão do brasão de Goiânia.

ReferênciasEditar

Ribeiro, Clovis, Brazões e Bandeiras do Brasil, São Paulo Editora, São Paulo, 1933, pp. 195–204.

Faria, Arcinóe Antônio Peixoto de. Enciclopédia Heráldica Municipalista, São Paulo, 1953,

Mattos, Armando de. Manual de Heráldica, 3ª edição. Porto, Livraria Fernando Machado, 1960.

  Este artigo sobre heráldica é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Brasões das capitais do Brasil
  Aracaju   Belém   Belo Horizonte   Boa Vista   Campo Grande   Cuiabá   Curitiba
  Florianópolis   Fortaleza   Goiânia   João Pessoa   Macapá   Maceió   Manaus
  Natal   Palmas   Porto Alegre   Porto Velho   Recife   Rio Branco   Rio de Janeiro
  Salvador   São Luís   São Paulo   Teresina   Vitória   Brasília