Abrir menu principal

Brawn GP Formula One Team foi um construtor e equipe de Fórmula 1, criada no dia 6 de março de 2009, por meio de uma aquisição da Honda Racing F1 Team liderada por Ross Brawn (antigo chefe de equipe da Honda F1), depois que a Honda anunciou sua retirada da categoria no final de 2008.[1]

Reino Unido Brawn GP
Brawn GP logo.svg
Nome completo Brawn GP Formula One Team
Sede Brackley, Inglaterra
Fundador(es) Ross Brawn
Pessoal notável Ross Brawn
Nick Fry
Loïc Bigois
Jörg Zander
Nome anterior Honda Racing F1 Team
Nome posterior Mercedes GP Petronas Formula One Team
Pilotos
Pilotos de teste
Chassis
Motor Mercedes
Pneus Bridgestone
Combustível ExxonMobil
Histórico na Fórmula 1
Estreia GP da Austrália de 2009
Último GP GP de Abu Dhabi de 2009
Grandes Prêmios 17
Campeã de construtores 1 (2009)
Campeã de pilotos 1 (2009)
Vitórias 8
Pódios 15
Pole Position 5
Voltas rápidas 4
Pontos 172
Posição no último campeonato
(2009)
1º (172 pontos)
Jenson Button, no GP da Grã-Bretanha de 2009.

A Brawn GP foi a equipe de crescimento mais meteórico na história da Fórmula 1, sendo que na sua primeira e única temporada, alcançou o título de pilotos e o mundial de construtores. Teve como seus pilotos Jenson Button e Rubens Barrichello. Todo o seu sucesso foi creditado a Ross Brawn, que assim, se tornou um grande nome na categoria levando uma equipe falida como a Honda F1, a equipe com o melhor aproveitamento em corridas da história da categoria, superior a 75% dos pontos disputados.

Em 16 de novembro de 2009, foi confirmado que o fornecedor de motores da equipe, a Mercedes-Benz, em parceria com a Aabar Investments havia comprado uma participação de 75,1% na Brawn GP,[2] que foi renomeada para Mercedes GP para a temporada de 2010.[3]

HistóriaEditar

O início da Brawn GPEditar

 Ver artigo principal: Honda Racing F1 Team

Afetada pela crise econômica mundial, a Honda anunciou, no dia 5 de dezembro de 2008, sua retirada da Fórmula 1, deixando o espólio da equipe à venda.[4] No dia 6 de março de 2009, através de um sistema chamado management buyout, Ross Brawn adquiriu o que restou da equipe, fundando então a Brawn GP.[1][5]

A temporada de 2009Editar

A primeira corrida da equipe foi em Melbourne, no Grande Prêmio da Austrália, realizado no dia 29 de março de 2009. A estreia foi de muito sucesso: foi apenas a terceira vez na história que a Fórmula 1 viu uma equipe estreante levar seus dois pilotos aos dois lugares mais altos do pódio (o que não acontecia desde a Mercedes no Grande Prêmio da França de 1954[6]), além de terem feito dobradinha no grid de largada. O chefe e dono, Ross Brawn, demonstrou ter um carro competitivo no início da temporada, levando Button a conquistar seis vitórias em sete provas, o que rendeu os títulos de pilotos ao inglês e o de construtores para a equipe, junto com outras duas vitórias conquistadas por Barrichello na segunda metade da temporada de 2009 da Fórmula 1, quando a Brawn já não detinha o melhor carro, tendo sido sistematicamente superada pela Red Bull Racing.

Venda e formação da Mercedes GPEditar

 Ver artigo principal: Mercedes GP

Em 16 de novembro de 2009, foi confirmado que a fornecedora de motores da equipe, a montadora alemã Mercedes-Benz, em parceria com a Aabar Investments havia comprado uma participação de 75,1% na Brawn GP (Mercedes: 45,1%; Aabar: 30%),[2] que foi renomeada Mercedes GP para a temporada de 2010.[7][8]

PilotosEditar

A Brawn GP contava com a mesma dupla de pilotos que a Honda F1 vinha contando desde 2006: Rubens Barrichello e Jenson Button. Os pilotos de teste eram Alexander Wurz e Anthony Davidson. Wurz foi piloto de testes da Honda e foi mantido naquele ano. Já Davidson participou dos últimos GPs da Super Aguri, ao lado do japonês Takuma Sato.

O carroEditar

 
O Brawn BGP 001 de Rubens Barrichello, durante um teste no Circuito da Catalunha.

O modelo BGP 001 utilizado na temporada de 2009 foi montado a partir do chassi do Honda RA109, que seria usado pela equipe Honda na temporada. O carro fez com que Barrichello quebrasse o recorde do Circuito da Catalunha, durante os testes. Isso já foi o suficiente para que levantassem suspeitas que a equipe tinha o difusor utilizado de forma irregular no carro (essa mesma denuncia foi atribuída a Williams e Toyota), entretanto um delegado da FIA atestou que os difusores das três equipes estavam legais. Com a manifestação rejeitada pela FIA, as equipes decidiram apelar da decisão. A apelação foi examinada e recusada entre as corridas da Malásia e da China, pela Corte de Apelação da FIA (no dia 15 de abril de 2009).

Títulos mundiais de pilotosEditar

Campeonatos Pilotos Temporadas
1   Jenson Button 2009

Títulos mundiais de construtoresEditar

Campeonatos Pilotos Temporadas
1   Jenson Button 2009
  Rubens Barrichello 2009

Resultados da equipe na temporada de 2009Editar

Pos Piloto Carro AUS
 
MAL½
 
CHN
 
BHR
 
ESP
 
MON
 
TUR
 
GBR
 
GER
 
HUN
 
EUR
 
BEL
 
ITA
 
CIN
 
JPN
 
BRA
 
ABU
 
Pts Pts da Equipe
1   Button 22 1 1 3 1 1 1 1 6 5 7 7 Ret 2 5 8 5 3 95 172
3   Barrichello 23 2 5 4 5 2 2 Ret 3 6 10 1 7 1 6 7 8 4 77

Negrito = Pole position.

Itálico = Melhor volta da prova.

Ret = Não completou a prova.

½ = Foi dada a metade dos pontos. A corrida foi interrompida pelo mau tempo.

Referências

  1. a b «Nasceu a Brawn GP». Autosport.aeiou.pt 
  2. a b Benson, Andrew (16 de novembro de 2009). «Mercedes take ownership of Brawn». news.bbc.co.uk. Consultado em 21 de abril de 2018 
  3. «Brawn set to go around the Benz». AUSmotive.com. 16 de novembro de 2009. Consultado em 23 de setembro de 2019 
  4. «Honda se retira da Fórmula-1 e coloca equipe à venda». Clicrbs.com.br. Consultado em 21 de abril de 2018 
  5. «Nasce a Brawn GP». Grande Prêmio. 5 de março de 2009. Consultado em 20 de abril de 2018 
  6. «Brilliant Button wins on Brawn debut». eurosport.co.uk. 29 de março de 2009. Consultado em 21 de abril de 2018 
  7. «Mercedes compra Brawn GP e vende a sua parte da McLaren». UOL Esporte. Esporte.uol.com.br. Consultado em 21 de abril de 2018 
  8. «Mercedes-Benz compra a Brawn GP». Globo.com. Globoesporte.globo.com. Consultado em 21 de abril de 2018 

Ligações externasEditar

O Commons possui imagens e outros ficheiros sobre Brawn GP
  Este artigo sobre Automobilismo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.