Abrir menu principal
Como ler uma infocaixa de taxonomiaBrunelliaceae
Brunellia comocladifolia 1.JPG
Classificação científica
Reino: Plantae
Clado: Angiospermas
Clado: Eudicots
Clado: Core eudicots
Clado: Rosídeas
Clado: Eurosídeas I
Ordem: Oxalidales
Família: Brunelliaceae
Género: Brunellia
Espécies
Cerca de 60
Wikispecies
O Wikispecies tem informações sobre: Brunelliaceae

Brunelliaceae é uma familia do grande grupo de plantas com flores, denominada Angiospermas. Essa família está em inserida na ordem Oxalidales e somente um gênero é conhecido, Brunellia. Sua distribuição geográfica estende-se da América Central e no leste da América do Sul. As regiões habitadas pelas espécimes abrange desde montanhas à florestas pluviais, ocorrendo geralmente entre 600 à 3.800 m de altitude.

Índice

MorfologiaEditar

As Brunelliaceae caracterizam-se por serem árvores com ramos cobertos por um indumento ferrugíneo (semelhante a casca de cupuaçu), possuem estípulas (interpeciolares ou não).


FolhasEditar

As folhas são opostas ou três por nó que são simples ou compostas. Podem ser pecioladas, estipuladas, unifolioladas ou multifolioladas. Lâmina de folha verde-oliva e muitas vezes brilhantes adaxialmente, freqüentemente coriáceas, amplamente oblongas, ovadas ou amplamente elípticas[1]. Na parte abaxial da folha há uma camada de estruturas semelhantes a pelos(tricoma) que pode ser glandular ou não.

Inflorescências e floresEditar

O conjunto de flores (inflorescência) é cimoso em dicásios axiais. Flores sem perianto(sem pétalas ou corola), actinomorfas e geralmente unissexuais. O número de sépalas varia de 4-8, androceu diplostêmone (estames com número em dobro de sépalas), gineceu apocárpico e o ovário ínfero com 1 ou 2 óvulos por carpelo; o número de carpelos é igual ao número de sépalas e a placentação é marginal.

Frutos e sementesEditar

  • Os folículos possuem forma de estrela ou não recobertos com estruturas semelhantes a pelos (tricomas), em que cada um carrega de uma a três sementes[2], as quais apresentam coloração marrom ou vermelha e apresentam um certo brilho e geralmente com arilo; o tegumento externo da semente (testa) das sementes possui uma cama esclerenquimatosa subepidérmica e o tégmen, tegumento interno, possui uma cama paliçádica.O endosperma possui aspecto farinhoso e o endocarpo separa-se do resto do fruto.

Distribuição no BrasilEditar

No Brasil uma única espécie (Brunellia neblinensis) está distribuída no estado do Amazonas, norte do Brasil.

Relações filogenéticasEditar

Brunelliaceae está unido a Cephalotaceae, formando um grupo irmão de Cunoniaceae e Elaeocarpaceae.

Diversidade taxonômicaEditar

O único gênero descrito, Brunellia, possui 82 espécies, sendo que 60 espécies são aceitas.[3] Segundo Orozco Pardo (2002) as espécies são inferidas por dados morfológicos.[4]

ClassificaçãoEditar

Brunelliaceae é uma família de plantas angiospermas eudicotiledôneas. É uma das sete familias da ordem Oxalidales, inserida no grupo das fabídeas que, por sua vez, estão inseridas no grande clado das Rosídeas.

ReferênciasEditar

Filardi, F.L.R.; Leitman, P.M. Brunelliaceae in Flora do Brasil 2020 em construção. Jardim Botânico do Rio de Janeiro. Disponível em: <http://floradobrasil.jbrj.gov.br/reflora/floradobrasil/FB34542>. Acesso em: 24 Jan. 2017

Stevens, P. F. (2001 onwards). Angiosperm Phylogeny Website. Version 12, July 2012 [and more or less continuously updated since]." Disponível em: http://www.mobot.org/MOBOT/research/APweb/. Acesso em 24 de Janeiro de 2017.

Orozco, C.I. (2009). Neotropical Brunelliaceae. In: Milliken, W., Klitgård, B. & Baracat, A. (2009 onwards), Neotropikey - Interactive key and information resources for flowering plants of the Neotropics. Disponível em <http://www.kew.org/science/tropamerica/neotropikey/families/Brunelliaceae.htm>. Acesso em 30 de Janeiro de 2017.


Ver tambémEditar

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre rosídeas, integrado no Projeto Plantas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
  1. «Neotropical Brunelliaceae - Neotropikey from Kew». www.kew.org. Consultado em 1 de fevereiro de 2017 
  2. «Detalha Taxon Publico». floradobrasil.jbrj.gov.br. Consultado em 1 de fevereiro de 2017 
  3. «Brunelliaceae — The Plant List». www.theplantlist.org (em inglês). Consultado em 31 de janeiro de 2017 
  4. «Oxalidales». www.mobot.org. Consultado em 31 de janeiro de 2017