Bryna Kra

Bryna Kra
Nascimento 6 de outubro de 1966 (53 anos)
Boston
Cidadania Estados Unidos
Alma mater Universidade Harvard, Universidade Stanford
Ocupação matemática, professora universitária
Prêmios Prêmio Levi L. Conant, Membro da Sociedade Americana de Matemática, Membro da Academia Americana de Artes e Ciências
Empregador Universidade Northwestern, Universidade de Michigan, Universidade Estadual da Pensilvânia

Bryna R. Kra (Boston, 6 de outubro de 1966) é uma matemática estadunidense.

Bryna Kra é filha do matemático Irwin Kra.[1] Estudou na Universidade Harvard (bacharelado em 1988) com um doutorado em 1995 na Universidade Stanford, orientada por Yitzhak Katznelson, com a tese Commutative groups of diffeomorphisms of the circle.[2] Esteve depois na Universidade Hebraica de Jerusalém, na Universidade de Michigan, no Institut des Hautes Études Scientifiques (IHES) e na Universidade Estadual de Ohio, antes de ser professora assistente na Universidade Estadual da Pensilvânia. Em 2004 foi professora da Northwestern University.

Recebeu o Prêmio Levi L. Conant de 2010 pelo artigo The Green-Tao Theorem on arithmetic progressions in the primes: an ergodic point of view[3][4] sobre o teorema de Terence Tao e Ben Green sobre séries aritméticas em números primos. Foi palestrante convidada do Congresso Internacional de Matemáticos em Madrid (2006: From Combinatorics to ergodic theory and back again. Em 2016 foi eleita membro da Academia de Artes e Ciências dos Estados Unidos.[5] Para 2019 foi selecionada pela Association for Women in Mathematics como Noether Lecturer.

Referências

Ligações externasEditar