Caio Clódio Crispino

político

Caio (Vécio?) Clódio Crispino (em latim: Gaius (Vettius?) Clodius Crispinus) foi um senador romano eleito cônsul em 113 com Lúcio Publílio Celso[1][2]. O poeta Estácio dedicou um poema[3] a "Crispino, filho de Vécio Bolano", o que permitiu que os historiadores identificassem seu pai como sendo Marco Vécio Bolano, cônsul em 66. Marco Vécio Bolano, cônsul em 111, era seu irmão.

Caio Clódio Crispino
Cônsul do Império Romano
Consulado 113 d.C.


Ver tambémEditar

Cônsul do Império Romano
 
Precedido por:
'Trajano VI

com Tito Sêxtio Cornélio Africano
com Cneu Pinário Cornélio Severo (suf.)
com Lúcio Múmio Níger Quinto Valério Vegeto (suf.)
com Públio Estertínio Quarto (suf.)
com Tito Júlio Máximo Manliano Broco Serviliano (suf.)
com Caio Cláudio Severo (suf.)

Lúcio Publílio Celso II
113

com Caio Clódio Crispino
com Sérvio Cornélio Dolabela Metiliano Pompeu Marcelo (suf.)
com Lúcio Estertínio Nórico (suf.)
com Lúcio Fádio Rufino (suf.)
com Cneu Cornélio Úrbico (suf.)
com Tito Semprônio Rufo (suf.)
com Tito Setídio Firmo (suf.)

Sucedido por:
'Quinto Nínio Hasta

com Públio Manílio Vopisco Viciniliano
com Caio Clódio Numo (suf.)
com Lúcio Cesênio Sospes (suf.)
com Lúcio Hédio Rufo Loliano Ávito (suf.)
com Lúcio Méssio Rústico (suf.)


Referências

  1. Alison E. Cooley, The Cambridge Manual of Latin Epigraphy (Camrbidge: University Press, 2012), pp. 467ss
  2. CIL VI, 221, Roma (Itália; CIL XI, 3614 = CIL XI, 4347, Cerveteri (Itália); CIL XIV, 4089-06; AE 1974, 256, Pozzuoli (Itália); AE 1993, 473 = AE 1994, 426e = AE 1996, 424b = AE 2007, 359 = AE 2007, 359, Miseno (Itália); AE 2009, 1805
  3. Estácio, Silvae II

BibliografiaEditar

  • PIR¹ C 914 et V 325
  • E. Sattmann, « M. Vettius Bolanus 26 », RE, vol. VIII, A-2, Stuttgart, 1958, col. 1858.
  • Der Neue Pauly, vol. XII-2, Stuttgart, 1999, col. 149.