Abrir menu principal

Caio Norbano Flaco (cônsul em 15)

Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja Caio Norbano Flaco (desambiguação).
Caio Norbano Flaco
Cônsul do Império Romano
Consulado 15 d.C.

Caio Norbano Flaco (em latim: Gaius Norbanus Flaccus) foi um senador romano eleito cônsul em 15 com Druso Júlio César, filho do imperador Tibério. Flaco era neto de Caio Norbano Flaco, cônsul em 38 a.C., e filho de Caio Norbano Flaco, cônsul em 24 a.C., e membro de uma família muito leal ao imperador Augusto. Seu irmão, Lúcio Norbano Flaco, também chegou ao consulado em 19.

Índice

CarreiraEditar

Seu primeiro cargo conhecido foi de pretor urbano em 11[1], posto ao qual deve ter se seguido o comando de uma legião ou o governo de uma província pretorial, mas nenhum outro posto prévio ao consulado em 15 se conhece[2][3]. Sua eleição Druso é um indicativo do alto grau de confiança que Flaco gozava junto ao imperador. Flaco foi substituído em 30 de junho pelo cônsul sufecto Marco Júnio Silano e os dois se encarregaram de inaugurar estátuas em homenagem ao divino Augusto no Circo Flamínio e na Casa de Augusto no monte Palatino[4]. Sua carreira culminou com sua nomeação como procônsul da Ásia em 24.

Sabe-se também que Flaco foi membro do colégio dos quindecênviros dos fatos sagrados[5].

Árvore genealógicaEditar

Ver tambémEditar

Referências

  1. AE 1987, 163 = AE 1991, 306 = AE 1991, 307 Roma (Itália)
  2. Tácito, Anais I, 55, 1
  3. CIL IV, 3340 ,001; CIL IV, 1495 e CIL IV, 1496 = CIL VI, 32270 e CIL VI, 32271 = CIL VI, 37141 = CIL VI, 37144 = InscrIt. 13,11, 27 = AE 1903, 21; CIL VI, 37836 = AE 1907, 144.
  4. CIL VI, 40348 = CIL VI, 31199 = AE 1983, 515
  5. AE 1992 381, L'Aquila (Itália)

BibliografiaEditar

  • Edmund Groag, "Norbanus 10)", RE, vol. XVII,1, Stuttgart, 1936, cols. 934-935. (em alemão)
  • Der Neue Pauly, Stuttgart, 1999, VIII, col. 1001. (em alemão)