Abrir menu principal

Calendário solar é um calendário cuja marcação é baseada nos movimentos do Sol.

O calendário solar foi utilizado pela primeira vez pelos egípcios, há cerca de 6000 anos. Nesta contagem, o ano possuía 12 meses de 30 dias cada mês, que perfazia 360 dias. Entretanto, 5 dias a mais eram adicionais no final do ano para comemorar o aniversário de Osíris, Hórus, Ísis, Néftis e Seti, com isso o calendário totalizava 365 dias.[1]

Destaque-se que esta precisão do calendário solar egípcio há 6000 anos só foi possível graças à posição geográfica do país, de onde se pode observar Sirius, que é a mais brilhante estrela do céu.[1]

Como curiosidade, registre-se que os egípcios chegaram a notar que a duração exata do ano era de 365 dias e 1/4, mas não chegaram a corrigir o calendário, senão em 238 A.C.[1]

ReferênciasEditar

  1. a b c «Solar calendar» (em inglês). Encyclopaedia Britannica. Consultado em 15 de agosto de 2019