Camazotz

O Camazotz é um mito sobre um deus-morcego. Camazotz significa "morcego da morte" na Língua quiché.[1] Na Mesoamérica o morcego era associada com a noite, a morte e o sacrifício.[2]

EtimologiaEditar

Camazotz é formado pelas palavras quiché kame, significando "morte", e sotz', singificando "morcego".[3]

MitologiaEditar

No Popol Vuh, os Camazots são os monstros parecidos com morcego encontrados pelo herois gêmeos Hunahpu e Xbalanque durante seus ensaios no submundo de Xibalba. Os gêmeos entraram no submundo para se vingar da morte de seu pai, primeiro foram atacados por morcegos e então por um homem-morcego, o Camazotz.[4][5]

Referências

  1. Karl Taube. Aztec and Maya Myths. University of Texas Press; 1993. ISBN 978-0-292-78130-6. p. 59.
  2. Miller & Taube 1993, 2003, p.44.
  3. Christenson.
  4. Miller & Taube 1993, 2003, p.44. Thompson 1966, p.181. Read & Gonzalez 2000, p.133.
  5. Stuart A. Kallen. Vampire History and Lore. Capstone; 2011. ISBN 978-1-60152-209-2. p. 21.