Camerino Antíscio Veto

Camerino Antíscio Veto (em latim: Camerinus Antistius Vetus) foi um senador romano nomeado cônsul sufecto no começo de março de 46 com Marco Júnio Silano Torquato. Era neto de Caio Antíscio Veto, cônsul em 6 a.C., e filho de Caio Antíscio Veto, cônsul em 23. Além disso era sobrinho de Lúcio Antíscio Veto, cônsul em 26, e irmão de Caio Antíscio Veto, cônsul em 50, e de Lúcio Antíscio Veto, cônsul em 55[1].

Camerino Antíscio Veto
Cônsul do Império Romano
Consulado 46 d.C.

Em 43 foi pretor urbano.

Antigamente era identificado como sendo a mesma pessoa que o seu irmão Caio, cônsul em 50[1].

Árvore genealógicaEditar

Ver tambémEditar

Cônsul do Império Romano
 
Precedido por:
'Marco Vinício II

com Tito Estacílio Tauro Corvino
com Tibério Pláucio Silvano Eliano (suf.)
com Aulo Antônio Rufo (suf.)
com Marco Pompeu Silvano Estabério Flaviano I (suf.)

Décimo Valério Asiático II
46

com Marco Júnio Silano Torquato
com Camerino Antíscio Veto (suf.)
com Quinto Sulpício Camerino Pético (suf.)
com Décimo Lélio Balbo (suf.)
com Caio Terêncio Túlio Gêmino (suf.)

Sucedido por:
'Cláudio IV

com Lúcio Vitélio III
com Caio Calpetano Râncio Sedato (suf.)
com Marco Hordeônio Flaco (suf.)
com Cneu Hosídio Geta (suf.)
com Tito Flávio Sabino (suf.)
com Lúcio Vagélio (suf.)
com Caio Volasena Severo (suf.)


Referências

  1. a b G. Camodeca: I consoli del 43 e gli Antistii Veteres d'età claudia dalla riedizione delle Tabulae Herculanenses. In: Zeitschrift für Papyrologie und Epigraphik 140, 2002, p. 227–236, especialmente 234–236.