Abrir menu principal

Campeonato Argentino de Futebol de 2012–13

Campeonato Argentino de Futebol de 2012–13
Flag of Argentina.svg
Dados
Participantes 20
Período 3 de agosto de 201230 de junho de 2013
Gol(o)s 416
Partidas 188
Média 2,21 gol(o)s por partida
Campeão Torneio Inicial: Vélez Sársfield (9º título)
Torneio Final: Newell's Old Boys (6º título)
Primeira Divisão: Vélez Sársfield (10º título)
Vice-campeão Torneio Inicial: Newell's Old Boys
Torneio Final: River Plate
Primeira Divisão: Newell's Old Boys
Campeão do interior atualizado em 14 de dezembro.
Melhor marcador 13 gols:
Maior goleada
(diferença)
River Plate 5–0 Godoy Cruz
MonumentalBuenos Aires
7 de outubro, décima rodada do Torneo Inicial
◄◄ Argentina 2011–12 Soccerball.svg 2013–14 Argentina ►►

O Campeonato Argentino de Futebol de 2012–13 foi a octogésima terceira temporada da era profissional da Primeira Divisão do futebol argentino.[1] Esta edição teve grandes modificações em relação a campeonatos anteriores, desde o sistema de disputa até os critérios de descenso.

A grande diferença em relação aos torneios anteriores foi que inicialmente havia sido previsto um sistema de final entre os campeões dos dois turnos, sendo assim haveria apenas um campeão por temporada. Com dois torneios o Torneio Inicial e o Torneio Final, semelhantes ao Apertura e Clausura, porém, os ganhadores se enfrentaria em jogo único com o título da Primeira Divisão indo para aquele que vencesse esta disputa. Entretanto, em 24 de outubro de 2012, com o Torneio Inicial já em disputa, uma resolução do Comitê Executivo da Asociación del Fútbol Argentino determinou que os vencedores dos torneios Inicial de 2012 e Final de 2013 fossem considerados campeões dos mesmos, concedendo assim, pela segunda vez na história, três títulos da Primeira Divisão na mesma temporada. O Torneio Inicial consagrou campeão o Vélez Sársfield; e o Torneio Final, o Newell's Old Boys. O Vélez Sársfield se sagrou supercampeão da temporada ao vencer o Newell's Old Boys no jogo da final.

Ao término do Torneio Inicial se estabeleceram os clubes classificados para Copa Libertadores da América de 2013, que acompanhou o campeão do Torneio Clausura de 2012[2], e ao término do campeonato se estabeleceu os classificados para Copa Sul-Americana de 2013. À medida que o ganhador do Torneio Final de 2013 se classificou para a Libertadores de 2014, junto ao ganhador do Inicial de 2013, o que tenha obtido mais pontos na tabela somatória do ano de 2013, o campeão da Copa Argentina de 2013 e o melhor clube argentino na Copa Sul-Americana de 2013. Também foi apresentando um novo sistema de descenso para a Primera B Nacional. Os clubes rebaixados foram os três últimos do sistema de Promédio de Pontos, sem a disputa da Promoção.

No dia 30 de julho de 2012, foi realizada uma reunião na qual Cristina Kirchner e Grondona estiveram presentes onde foram declaradas novas regras e medidas adotadas pelo governo argentino para combater a violência no futebol, no qual os hinchas/torcedores/adeptos dos clubes seria controlados através de um sistema de impressão digital, já usado em países europeus como a Inglaterra, além disso foi determinado que o Torneio Inicial receberia o nome de "Eva Perón".[3]

Índice

Promovidos e RebaixadosEditar

Pos Equipes promovidas
River Plate
Quilmes
Prom Equipes rebaixadas na temporada 2011/12
19º Banfield
20º Olimpo

ParticipantesEditar

Nome[4] Cidade Região Estádio Capacidade Treinador
All Boys Buenos Aires   Cidade de Buenos Aires Islas Malvinas 21.500   José Romero
Argentinos Juniors Buenos Aires   Cidade de Buenos Aires Diego Armando Maradona 24.800   Leonardo Astrada
Arsenal de Sarandí Avellaneda   Província de Buenos Aires El Viaducto 16.200   Gustavo Alfaro
Atlético de Rafaela Rafaela   Província de Santa Fé Estádio Nuevo Monumental 17.000   Rubén Forestello
Belgrano Córdoba   Província de Córdoba Mario Alberto Kempes 57.000   Ricardo Zielinski
Boca Juniors Buenos Aires   Cidade de Buenos Aires La Bombonera 57.503   Julio César Falcioni
Colón Santa Fé   Província de Santa Fé Cementerio de Elefantes 38.000   Roberto Sensini
Estudiantes La Plata   Província de Buenos Aires Tierra de Campeones 53.000   Diego Cagna
Godoy Cruz Godoy Cruz   Província de Mendoza Malvinas Argentinas 40.268   Omar Asad
Independiente Avellaneda   Província de Buenos Aires Libertadores de América 41.637   Christian Díaz
Lanús Lanús   Província de Buenos Aires Ciudad de Lanús 46.619   Guillermo Barros Schelotto
Newell's Old Boys Rosário   Província de Santa Fé El Coloso del Parque 35.095   Gerardo Martino
Quilmes Quilmes   Província de Buenos Aires Estádio Centenário 30.200   Omar De Felippe
Racing Avellaneda   Província de Buenos Aires El Cilindro 51.389   Luis Zubeldía
River Plate Buenos Aires   Cidade de Buenos Aires Estádio Monumental de Nuñez 64.000   Matías Almeyda
San Lorenzo Buenos Aires   Cidade de Buenos Aires El Nuevo Gasómetro 44.955   Ricardo Caruso Lombardi
San Martín San Juan   Província de San Juan Estádio del Bicentenario 22.500   Facundo Sava
Tigre San Fernando   Província de Buenos Aires Monumental Victoria 26.282   Rodolfo Arruabarrena
Unión Santa Fé   Província de Santa Fé 15 de Abril 23.300   Frank Kudelka
Vélez Sársfield Buenos Aires   Cidade de Buenos Aires El Fortín de Liniers 49.590   Ricardo Gareca

Sistema de disputaEditar

Cada torneio foi disputado em apenas um turno, pelo sistema de todos contra todos.

A tabela final de posições se estabeleceu pelo acúmulo de pontos, e para o caso de empate na primeira posição, entre duas ou mais equipes, seria necessário uma partida de desempate.[5]

Torneio InicialEditar

 Ver artigo principal: Torneio Inicial de 2012 (Argentina)

ClassificaçãoEditar

Atualizado em 21 de abril.

Torneo Inicial
Time Pts J V E D GP GC SG
1 Vélez Sarsfield 41 19 13 2 4 31 12 +19
2 Newell's Old Boys 36 19 9 9 1 23 11 +12
3 Belgrano 36 19 10 6 3 22 13 +9
4 Lanús 33 19 10 4 5 23 10 +13
5 Racing 33 19 9 6 4 26 12 +14
6 Boca Juniors 33 19 9 6 4 25 20 +5
7 Arsenal de Sarandí 31 19 9 4 6 19 22 -3
8 River Plate 29 19 7 8 4 28 16 +12
9 Estudiantes 28 19 8 4 7 19 16 +3
10 Colón 26 19 6 8 5 26 24 +2
11 San Lorenzo 26 19 6 8 5 20 20 0
12 All Boys 21 19 5 6 8 19 27 -8
13 Atlético de Rafaela 20 19 5 5 9 20 28 -8
14 Godoy Cruz 20 19 5 5 9 13 24 -11
15 Quilmes 18 19 3 10 6 16 23 -7
16 Argentinos Juniors 19 19 4 7 8 19 29 -10
17 San Martín 17 19 4 5 10 21 27 -7
18 Independiente 17 18 3 8 8 16 24 -8
19 Tigre 13 17 1 10 8 16 27 -11
20 Unión 7 19 0 7 12 16 33 -17
Pts – Pontos ganhos; J – Jogos; V - Vitórias; E - Empates; D - Derrotas;
GP – Gols pró; GC – Gols contra; SG – Saldo de gols
Campeão e classificado à fase de grupos da Libertadores de 2013.

Desempenho por rodadaEditar

  1ªR 2ªR 3ªR 4ªR 5ªR 6ªR 7ªR 8ªR 9ªR 10ªR 11ªR 12ªR 13ªR 14ªR 15ªR 16ªR 17ªR 18ªR 19ªR
All Boys 13º 14º 15º 11º 15º 16º 16º 15º 16º 15º 12º 11º 12º 12º 11º 12º 12º 12º
Argentinos Juniors 19º 20º 17º 14º 10º 12º 11º 12º 17º 17º 16º 17º 13º 13º 14º 15º 16º
Arsenal de Sarandí 10º 11º 14º 13º 11º 14º 14º 14º 11º 10º
Atlético de Rafaela 14° 15° 16º 16º 16º 15° 12° 11° 14° 10° 12° 13° 15° 15° 13° 13° 13º
Belgrano 10º 12º 10º
Boca Juniors 19° 11°
Colón 10° 11° 10° 10° 10° 10° 10°
Estudiantes 11° 11° 14° 14° 11°
Godoy Cruz 10° 14° 15° 14° 14º
Independiente 12° 15° 16° 17° 18° 19° 19° 18° 18° 17° 16° 16° 17° 18° 18° 18° 18° 18° 18º
Lanús 17° 17° 13° 13° 15° 13° 14° 10° 12° 10°
Newell's Old Boys 12°
Quilmes 10° 13° 13° 14° 12° 13° 13° 11° 14° 16° 17° 16° 15º
Racing
River Plate 14° 10° 12° 14° 10°
San Lorenzo 12° 12° 13° 11° 13° 15° 16° 18° 18° 18° 18° 16° 16° 12° 11° 11° 11°
San Martín 14° 16° 20° 20° 20° 18° 18° 17° 17° 15° 13° 15° 15° 15° 17° 17° 16° 17° 17º
Tigre 14° 19° 19° 18° 17° 17° 17° 19° 19° 19° 19° 19° 19° 19° 19° 19° 19° 19° 19º
Unión 17° 17° 18° 19° 19° 20° 20° 20° 20° 20° 20° 20° 20° 20° 20° 20° 20° 20° 20°
Vélez Sarsfield 11°
Líder e classificado à segunda fase da Libertadores de 2013

ArtilhariaEditar

Gols[6] Jogador Time
11   Ignacio Scocco Newell's Old Boys
  Facundo Ferreyra Vélez Sarsfield
10   Emmanuel Gigliotti Colón
7   Martín Cauteruccio Quilmes
  Denis Stracqualursi San Lorenzo
  Lucas Pratto Vélez Sarsfield

Torneio FinalEditar

 Ver artigo principal: Torneio Final de 2013 (Argentina)

ClassificaçãoEditar

Torneo Final
Time Pts J V E D GP GC SG
1 Newell's Old Boys 38 19 12 2 5 40 21 19
2 River Plate 35 19 10 5 4 28 22 6
3 Lanús 33 19 8 9 2 26 14 12
4 San Lorenzo 32 19 8 8 3 26 16 10
5 Quilmes 31 19 8 7 4 28 22 6
6 Racing 29 19 8 5 6 24 17 7
7 Arsenal de Sarandí 29 19 8 5 6 25 22 3
8 Godoy Cruz 29 19 7 8 4 23 16 7
9 San Martín 26 19 7 5 7 31 28 3
10 Atlético de Rafaela 23 19 5 8 6 21 23 -2
11 Belgrano 23 19 4 11 4 14 13 1
12 Independiente 22 19 5 7 7 16 17 -1
13 Tigre 21 19 6 3 10 22 30 -8
14 All Boys 20 19 5 5 9 15 24 -9
15 Colón 20 19 5 5 9 20 30 -10
16 Vélez Sarsfield 20 19 4 8 7 18 20 -2
17 Estudiantes 20 19 4 8 7 15 19 -4
18 Argentinos Juniors 18 19 4 6 9 13 21 -8
19 Boca Juniors 18 19 3 9 7 13 29 -16
20 Unión 17 19 3 8 8 17 31 -14
Pts – Pontos ganhos; J – Jogos; V - Vitórias; E - Empates; D - Derrotas;
GP – Gols pró; GC – Gols contra; SG – Saldo de gols
Classificado à fase de grupos da Libertadores de 2014.

Desempenho por rodadaEditar

  1ªR 2ªR 3ªR 4ªR 5ªR 6ªR 7ªR 8ªR 9ªR 10ªR 11ªR 12ªR 13ªR 14ªR 15ªR 16ªR 17ªR 18ªR 19ªR
All Boys 5 1 2 5 12 2 7 3 4 3 2 2 2 4 1 1 2 3 \4
Argentinos Juniors 3 2 1 4 2 3 11 13 111 11 1 8 2 1 11 1 2 1 2
Arsenal de Sarandí
Atlético de Rafaela
Belgrano
Boca Juniors
Colón
Estudiantes
Godoy Cruz
Independiente
Lanús
Newell's Old Boys
Quilmes
Racing
River Plate
San Lorenzo
San Martín
Tigre
Unión
Vélez Sarsfield
Líder e classificado à segunda fase da Libertadores de 2014

ConfrontosEditar

 Ver artigo principal: Resultados do Torneio Inicial
 Ver artigo principal: Resultados do Torneio Final
  ALL AGJ ARS ATR BEL BOC COL EST GOD IND LAN NOB QUI RAC RIV SLO SMA TIG UNI VEL
All Boys 0–1 0–1 1–0 1–1 2–1 1–1 0–0 2–2 3–1 0–2
Argentinos Juniors 1–1 2–1 2–1 0–1 1–3 0–2 1–2 1–1 0–0 3–3
Arsenal de Sarandí 2–2 0–2 1–0 2–0 3–0 1–0 0–4 1–0 1–5
Atlético de Rafaela 2–1 5–3 0–0 1–3 2–0 1–2 1–1 0–0 3–0 0–3
Belgrano 0–0 3–1 1–0 1–0 0–2 0–0 1–0 0–0 1–0 1–0
Boca Juniors 3–1 2–1 0–0 2–1 2–1 0–0 3–1 3–1 1–1 2–0
Colón 3–1 2–2 0–0 1–1 1–0 1–2 0–1 1–1 2–0
Estudiantes 0–1 2–1 3–1 1–2 2–0 2–1 0–2 2–0 0–0
Godoy Cruz 1–1 2–0 1–0 2–1 1–1 0–0 0–1 0–0 1–0
Independiente 1–1 0–2 2–0 1–2 2–2 0–2 1–1 2–2 I-12[b] 0–0
Lanús 1–0 2–0 0–0 2–0 0–1 1–1 0–0 2–1 4–1 2–0
Newell's Old Boys 1–2 2–1 3–0 1–0 0–0 0–0 1–0 2–0 1–0
Quilmes 0–1 1–2 1–1 3–0 2–2 0–0 1–0 I-19[b] 2–1 0–1
Racing 3–1 0–0 1–1 0–1 2–0 0–0 4–0 4–0 3–1
River Plate 0–0 1–2 2–2 5–0 1–0 3–3 0–1 0–0 2–0
San Lorenzo 4–0 0–0 1–0 2–1 0–2 2–1 2–2 2–1 1–2
San Martín 2–1 4–0 1–2 1–1 0–1 0–0 4–0 0–2 2–2 0–3
Tigre 0–1 2–2 1–2 2–0 0–0 1–1 2–3 1–1 0–1
Unión 0–0 1–2 2–2 0–1 1–2 2–2 1–1 2–2 1–2 1–1
Vélez Sársfield 3–0 2–1 0–1 2–4 2–1 0–2 1–0 2–0 2–0

^ Jogo adiado.

Tabela agregada de 2012Editar

Esta tabela é utilizada como classificatória para a Copa Libertadores de 2013.

A Argentina teve cinco equipes classificadas para a Copa Libertadores de 2013. Os quatro classificados para a segunda fase foram:

Uma quinta vaga foi ocupada pela equipe de melhor desempenho na Copa Sul-Americana de 2012. Esta se classificou para a primeira fase.[7]


Pos Equipe Cl12 In12 Pts J V E D GP GC SG
Vélez Sarsfield (**) 33 41 74 38 22 8 8 57 27 30
Arsenal de Sarandí (*) 38 31 69 38 20 9 9 49 37 12
Newell's Old Boys 32 36 68 38 18 14 6 49 30 19
Boca Juniors 33 33 66 38 18 12 8 55 40 15
Lanús 26 34 60 38 17 9 12 42 28 14
Belgrano 24 36 60 38 16 12 10 39 33 6
Colón 29 26 55 38 13 16 9 50 42 8
Estudiantes 27 25 55 38 15 10 13 42 40 2
All Boys 33 21 54 38 14 12 12 40 40 0
10º Racing Club 19 33 52 38 14 10 14 45 39 6
11º San Lorenzo 25 26 51 38 12 15 11 42 43 -1
12º Tigre (***) 36 11 47 36 11 14 11 44 41 3
13º Argentinos Juniors 27 19 46 38 11 13 14 36 44 -8
14º Atlético de Rafaela 24 20 44 38 11 11 16 46 52 -6
15º San Martín 22 17 39 38 10 9 19 42 56 -14
16º Independiente 20 16 36 37 8 12 17 37 51 -14
17º Godoy Cruz 14 18 34 38 7 13 18 24 49 -25
18º Unión 25 7 32 38 5 17 16 37 53 -16
19º River Plate - 29 29 19 7 8 4 28 16 12
20º Quilmes - 18 18 18 3 9 6 16 23 -7

(*) Classificado como campeão do Torneio Clausura de 2012.
(**) Classificado como vencedor do Torneio Inicial de 2012.
(***) Classificado como equipe de melhor desempenho na Copa Sul-Americana de 2012.

Classificado à segunda fase da Libertadores de 2013.
Classificado à primeira fase da Libertadores de 2013.

Tabela de rebaixamentoEditar

Aos clubes que subiram (River, Quilmes) não se computa as temporadas anteriores na Primeira Divisão.

Pos
Equipe Pts
2010–11
Pts
2011–12
Pts
2012–13
Pts
Total
Total de
partidas
Média
Rebaixamento
1 Vélez Sársfield 82 64 41 187 95 1.968
2 Boca Juniors 53 76 33 162 95 1.705
3 Belgrano 55 36 91 57 1.596
4 Lanús 63 55 33 151 95 1.589
5 Arsenal de Sarandí 57 62 31 150 95 1.579
6 Estudiantes 69 50 28 147 95 1.547
7 River Plate 29 29 19 1.526
8 Racing 52 50 33 135 95 1.421
9 Colón 47 60 26 133 95 1.4
10 All Boys 51 54 21 126 95 1.326
11 Tigre 50 63 11 124 95 1.305
12 Godoy Cruz 63 38 20 121 95 1.274
13 Newell's Old Boys 42 48 36 126 95 1.326
14 Argentinos Juniors 54 49 15 118 95 1.242
15 Atlético de Rafaela 50 20 70 57 1.228
16 San Lorenzo 47 44 25 116 95 1.221
17 Independiente 43 47 16 106 95

1.116

18 San Martín 48 17 65 57 1.14 Rebaixamento para a Primera B Nacional
19 Unión 50 7 57 57 1
20 Quilmes 18 18 19 0.947

SuperfinalEditar

A Superfinal de 2012-13 foi disputada em 29 de junho de 2013 entre o Vélez Sarsfield, vencedor do Torneio Inicial de 2012 e o Newell's Old Boys, vencedor do Torneio Final de 2013. A partida final foi disputada em campo neutro, no Estádio Malvinas Argentinas, em Mendoza.[8]

Partida 1
Equipe 1 Resultado Equipe 2 Estádio Data
Vélez Sarsfield 1 - 0 Newell's Old Boys Malvinas Argentinas 29 de junho de 2013

Ver tambémEditar

Referências

  1. AFA: Nueva modificación del Campeonato de Primera División 2012/2013
  2. AFA: Modificación del Campeonato de Primera División 2012/2013
  3. «Se firmó un Convenio para la prevención de la violencia en los estadios de fútbol» (em espanhol). AFA. 30 de julho de 2012. Consultado em 23 de novembro de 2016 
  4. «Así quedaron integradas las distintas categorías del Fútbol Argentino» (em espanhol). AFA. 10 de julho de 2012. Consultado em 23 de novembro de 2016 
  5. «Reglamento del Campeonato de Primera División 2012-2013» (em espanhol). AFA. 4 de julho de 2012. Consultado em 23 de novembro de 2016 
  6. «Tabla de goleadores deltorneo inicial 2012» (em espanhol). Yahoo. Consultado em 23 de novembro de 2016 
  7. «Nuevos Torneos» (em espanhol). AFA. 8 de maio de 2012. Consultado em 23 de novembro de 2016 
  8. «Mendoza, el lugar elegido para jugar la primera Superfinal del fútbol» (em espanhol). Playfutbol. 13 de outubro de 2012. Consultado em 23 de novembro de 2016 

Ligações externasEditar