Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino de 2020 - Série A2


Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino de 2020 - Série A2
Brasileirão Feminino 2020 - Série A2
Brasil
Dados
Participantes 36
Organização CBF
Período 15 de março05 de junho
◄◄ 2019 Soccerball.svg 2021 ►►

O Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino - Série A2 será a quarta edição desta competição, cuja organização estará a cargo da Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Será disputada por 36 equipes, que se classificarão através dos campeonatos estaduais ou por outros torneios realizados por cada uma das federações estaduais, e também pelo Ranking da CBF masculino. Este último critério existe por causa da obrigatoriedade de que, a partir de 2019, todas as equipes da Série A no futebol masculino tenham uma equipe de futebol feminino profissional e de categoria de base, seja em estrutura própria ou por parceria.[1]

Formato e regulamentoEditar

Na primeira fase, as 36 equipes serão divididas em seis grupos com 6 equipes cada, onde disputarão todos contra todos em turno único. Os dois primeiros colocados de cada grupo mais os quatro melhores terceiros colocados se classificarão às oitavas-de-final. A partir desta, serão disputados jogos "mata-mata" em ida e volta até a final. As equipes classificadas para as semifinais serão promovidas à Série A1 de 2021.[2]

Critérios de desempateEditar

Em caso de empate de pontos entre dois clubes, os critérios de desempate serão aplicados na seguinte ordem:

  1. Número de vitórias
  2. Saldo de gols
  3. Gols marcados
  4. Número de cartões vermelhos
  5. Número de cartões amarelos
  6. Sorteio

ParticipantesEditar

Inicialmente, os participantes seriam os 27 campeões estaduais, os quatro rebaixados da Série A1 em 2019, e os cinco melhores do Ranking da CBF do futebol masculino, totalizando as 36 equipes.[3] No entanto, a CBF não homologou o Campeonato Roraimense de Futebol Feminino de 2019, por não haver o número mínimo de participantes. Assim, o campeão roraimense São Raimundo-RR não poderá participar, sendo esta vaga herdada pelo sexto melhor colocado no Ranking masculino, o Fortaleza[4]. Além disso, o Vitória das Tabocas, um dos rebaixados da Série A1 de 2019, desistiu de participar do campeonato, e conforme regulamento[2], esta vaga foi herdada pelo sétimo melhor colocado no ranking, o Atlético Goianiense.

Equipe Cidade Estado Como se classificou Estádio (mando) Capacidade[5] Títulos
Associação Acadêmica e Desportiva Vitória das Tabocas[VT]   Vitória de Santo Antão   PE 13º (Série A1) Carneirão 10 081 0 (não possui)
Foz Cataratas Futebol Clube   Foz do Iguaçu   PR 14º (Série A1) Estádio do ABC 5 000 0 (não possui)
São Francisco do Conde Esporte Clube   São Francisco do Conde   BA 15º (Série A1) Junqueira Ayres 3 000 0 (não possui)
Sport Club do Recife   Recife   PE 16º (Série A1) Ilha do Retiro 30 000 0 (não possui)
Atlético Acreano   Rio Branco   AC Campeão do Estadual 2019 Florestão 8 000 0 (não possui)
União Desportiva Alagoana   Maceió   AL Campeão do Estadual 2019 Rei Pelé 17 126 0 (não possui)
Oratório Recreativo Clube   Macapá   AP Campeão do Estadual 2019 Glicério Marques 5 630 0 (não possui)
Associação Esportiva 3B da Amazônia   Manaus   AM Campeão do Estadual 2019 Arena da Amazônia 44 000 0 (não possui)
Esporte Clube Bahia   Salvador   BA Campeão do Estadual 2019 Fonte Nova 47 907 0 (não possui)
Ceará Sporting Club   Fortaleza   CE Campeão do Estadual 2019 Presidente Vargas 20 262 0 (não possui)
Real Brasília Futebol Clube   Núcleo Bandeirante   DF Campeão do Estadual 2019 Metropolitana 3 000 0 (não possui)
Vila Nova Futebol Clube   Vila Velha   ES Campeão do Estadual 2019 Gil Bernardes 1 000 0 (não possui)
Goiás Esporte Clube   Goiânia   GO Campeão do Estadual 2019 Serrinha 6 300 0 (não possui)
Sociedade Esportiva Juventude Timonense   Timon   MA Campeão do Estadual 2019 Miguel Lima 1 600 0 (não possui)
Operário Futebol Clube Ltda.   Várzea Grande   MT Campeão do Estadual 2019 Arena Pantanal 44 000 0 (não possui)
Sociedade Esportiva e Recreativa Chapadão   Chapadão do Sul   MS Campeão do Estadual 2019 Toca do Pica-Pau 6 000 0 (não possui)
América Futebol Clube   Belo Horizonte   MG Vice-campeão[MG] do Estadual 2019 Independência 23 018 0 (não possui)
Escola Superior Madre Celeste (ESMAC)   Ananindeua   PA Campeão do Estadual 2019 Mangueirão 45 007 0 (não possui)
Auto Esporte Clube   João Pessoa   PB Campeão do Estadual 2019 Almeidão 19 000 0 (não possui)
Toledo Esporte Clube   Toledo   PR Vice-campeão[PR] do Estadual 2019 14 de Dezembro 12 500 0 (não possui)
Clube Náutico Capibaribe   Recife   PE 3º colocado[PE] do Estadual 2019 Aflitos 22 856 0 (não possui)
Sociedade Esportiva Tiradentes   Teresina   PI Campeão do Estadual 2019 Lindolfo Monteiro 5 144 0 (não possui)
Fluminense Football Club   Rio de Janeiro   RJ Vice-campeão[RJ] do Estadual 2019 Laranjeiras 2 000 0 (não possui)
Cruzeiro Futebol Clube   Macaíba   RN Campeão do Estadual 2019 Jorjão 4 000 0 (não possui)
Sociedade Esportiva Recreativa e Cultural Brasil   Farroupilha   RS 3º colocado[RS] do Estadual 2019 Castanheiras 4 500 0 (não possui)
Real Ariquemes Esporte Clube   Ariquemes   RO Campeão do Estadual 2019 Valerião 2 500 0 (não possui)
São Raimundo Esporte Clube[RR]   Boa Vista   RR Campeão do Estadual 2019 Ribeirão 1 107 0 (não possui)
Associação Atlética Napoli   Caçador   SC Vice-campeão[SC] do Estadual 2019 Carlos A. C. Neves 6 500 0 (não possui)
Clube Atlético Juventus   São Paulo   SP 8º colocado[SP] do Estadual 2019 Rua Javari 3 800 0 (não possui)
Grêmio Desportivo Cultural Santos Dumont   Aracaju   SE Campeão do Estadual 2019 João Hora de Oliveira 6,000 0 (não possui)
Sociedade Esportiva São Valério   São Valério   TO Campeão do Interestadual 2019 Nilton Santos 10 000 0 (não possui)
Club Athletico Paranaense   Curitiba   PR 6º colocado[RK1] no Ranking da CBF Masculino de 2019 Arena da Baixada 40 305 0 (não possui)
Clube Atlético Mineiro   Belo Horizonte   MG 7º colocado no Ranking da CBF Masculino de 2019 Independência 23 018 0 (não possui)
Associação Chapecoense de Futebol   Chapecó   SC 12º colocado[RK3] no Ranking da CBF Masculino de 2019 Arena Condá 15 765 0 (não possui)
Botafogo de Futebol e Regatas   Rio de Janeiro   RJ 14º colocado[RK4] no Ranking da CBF Masculino de 2019 Nilton Santos 34 171 0 (não possui)
Club de Regatas Vasco da Gama   Rio de Janeiro   RJ 15º colocado no Ranking da CBF Masculino de 2019 São Januário 21 880 0 (não possui)
Fortaleza Esporte Clube   Fortaleza   CE 23º colocado[RK6] no Ranking da CBF Masculino de 2019 Presidente Vargas 20 262 0 (não possui)
Atlético Clube Goianiense   Goiânia   GO 25º colocado[RK7] no Ranking da CBF Masculino de 2019 Antonio Accioly 12 500 0 (não possui)
Notas

Primeira FaseEditar

Grupo AEditar

Grupo BEditar

Grupo CEditar

Grupo DEditar

Grupo EEditar

Grupo FEditar

Terceiros ColocadosEditar

Classificação
Pos Times Pts J V E D GP GC SG Classificação ou Eliminação
1   0 0 0 0 0 0 0 0 Zona de classificação à Segunda Fase
2   0 0 0 0 0 0 0 0
3   0 0 0 0 0 0 0 0
4   0 0 0 0 0 0 0 0
5   0 0 0 0 0 0 0 0 Zona de eliminação
6   0 0 0 0 0 0 0 0

Fase finalEditar

SorteioEditar

Para a definição dos confrontos da fase final, um sorteio será realizado na sede da CBF. Para este sorteio, as 16 equipes classificadas serão divididas em dois blocos: o Bloco A, composto pelo primeiro colocado de cada grupo e pelos dois melhores segundos por índice técnico, e o Bloco B, composto pelos demais classificados. Um clube do Bloco A enfrentará necessariamente um clube do Bloco B, e o mando de campo da segunda partida partencerá às equipes do Bloco A. Das quartas-de-final em diante, o time com a melhor campanha na soma de todas as fases anteriores terá o mando de campo da segunda partida.

Bloco A Bloco B
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Tabela até a finalEditar

Em itálico, os times que possuem o mando de campo no primeiro jogo do confronto e em negrito os times classificados.

Oitavas de final Quartas de final Semifinais Final
       
                                                 
   
   
     
     
 
   
     
     
   
   
   
     
 
   
   
   
   
   
   
     
 
   
   
     
   
   
   
     
 
   

PremiaçãoEditar

Campeonato Brasileiro Feminino de 2020 - Série A2
 
a definir
Campeã
(?º título)

Ver tambémEditar

Referências

  1. Uol. «CBF e Conmebol obrigam clubes a ter times femininos». Consultado em 22 de novembro de 2018 
  2. a b CBF. «Regulamento Específico da Competição» (PDF). Consultado em 14 de fevereiro de 2020 
  3. CBF. «CBF publica calendário exclusivo do futebol feminino de 2020». Consultado em 26 de novembro de 2019 
  4. CBF. «CBF divulga clubes que disputarão Brasileiro Feminino A-2 2020». Consultado em 23 de janeiro de 2020 
  5. «CNEF Cadastro Nacional de Estádios de Futebol» (PDF). CBF. 18 de janeiro de 2016. Consultado em 4 dezembro de 2018 

Ligações externasEditar