Campeonato Brasileiro de Seleções Estaduais de 1923

O Campeonato Brasileiro de Seleções Estaduais de 1923 foi a segunda edição deste torneio entre federações estaduais do Brasil, sendo o primeiro considerado oficial organizado pela Confederação Brasileira de Desportos (CBD).

Campeonato Brasileiro de Seleções 1923
II Campeonato Brasileiro de Seleções
Dados
Participantes 9
Período 23 de setembro – 28 de outubro
Gol(o)s 28
Partidas 8
Média 3,5 gol(o)s por partida
Campeão São Paulo São Paulo
Vice-campeão Município do Rio de Janeiro Distrito Federal
Melhor marcador Tatu (São Paulo) e Junqueira (Distrito Federal): 3 gols
◄◄ Brasileiro de Seleções 1922 Soccerball.svg Brasileiro de Seleções 1924 ►►

ParticipantesEditar

Equipe Participação
  Bahia
  Distrito Federal
  Minas Gerais
  Pará
  Paraná
  Pernambuco
  Rio de Janeiro
  Rio Grande do Sul
  São Paulo

TabelaEditar

Fase classificatóriaEditar

Zona NorteEditar

23 de setembro de 1923 Pernambuco   0 – 2   Pará Campo da Avenida Malaquias, Recife, PE

Vadico  
Sant'Anna  
Árbitro: Antonio Carneiro de Campos
  • Pernambuco: Valença; Bebé e Alarcon; Bibi, Benedito e Sá; Pitota, Péricles, Zé Tasso, Jaju e Aluisio.
  • Pará: Joãozinho; Xavier e Abreu; Macambira, Vivi e Formigão; Moraes, Sant'Anna, Leôncio, Vadico e Guimarães.


30 de setembro de 1923 Bahia   1 – 0   Pará Campo da Graça, Salvador, BA

Sandoval   Árbitro: Antonio Carneiro de Campos
  • Bahia: Zinho; Durval e Pedro; Mica, Popó e Saes; Scott, Astério, Vivi, Manteiga e Sandoval.
  • Pará: Joãozinho; Xavier e Abreu; Macambira, Vivi e Formigão; Moraes, Sant'Anna, Leôncio, Vadico e Manoelzinho.


Zona SulEditar

23 de setembro de 1923 São Paulo   4 – 1   Rio Grande do Sul Estádio Parque Antarctica, São Paulo, SP

Formiga   
Netinho  
Barthô  
Genny   Árbitro: Antônio Augusto de Almeida


7 de outubro de 1923 São Paulo   5 – 1   Paraná Chácara da Floresta, São Paulo, SP

Friedenreich   
Netinho  
Barthô  
Neco  
Faéco   Árbitro: Eduardo Pinto da Fonseca
  • São Paulo: Primo; Clodô e Barthô; Bertolini, Amílcar e Ciasca; Peres, Neco, Friedenreich, Tatu e Netinho.
  • Paraná: Hermógenes; Rosa e Borba; Luiz, Faccini e Ninho; Máximo, Faéco, Artur, Joaquim e Cunha.


Zona CentroEditar

23 de setembro de 1923 Rio de Janeiro   2 – 1   Minas Gerais Estádio das Laranjeiras, Rio de Janeiro, RJ

Rolla  
Manoelzinho  
Osvaldo   Árbitro: J. Ramos de Freitas
  • Rio de Janeiro: David; Congo e Soda; Vicente, Malvino e Serafim; Newton, Antoninho, Manoelzinho, Rolla e Amaro.
  • Minas Gerais: Otto; Tonico e Souza; Porphírio, Ivo e Celso; Saint-Clair, Bolívar, Sátiro, Osvaldo e Gaúcho.


7 de outubro de 1923 Distrito Federal   4 – 1   Rio de Janeiro Estádio das Laranjeiras, Rio de Janeiro, RJ

Junqueira    
Coelho  
Rolla   Árbitro: Antonio Felicíssimo
  • Distrito Federal: Nelson; Alemão e Palomone; Nesi, Osvaldo e Dino; Pascoal, Coelho, Nilo, Junqueira e Moderato.
  • Rio de Janeiro: David; Congo e Soda; Hugo, Malvino e Serafim; Newton, Manoelzinho, Bibino, Rolla e Amaro.


Fase finalEditar

21 de outubro de 1923 Distrito Federal   2 – 0   Bahia Estádio das Laranjeiras, Rio de Janeiro, RJ

Fortes  
Nilo  
Árbitro: Antonio Carneiro de Campos
  • Distrito Federal: Nelson; Alemão e Palomone; Nesi, Seabra e Fortes; Zezé, Coelho, Nilo, Junqueira e Moderato.
  • Bahia: Zinho; Durval e Pedro; Mica, Popó e Ariri; Armínio, Astério, Firmino, Manteiga e Lacerda.


28 de outubro de 1923 Distrito Federal   0 – 4   São Paulo Estádio das Laranjeiras, Rio de Janeiro, RJ

Tatu    
Feitiço  
Árbitro: Afonso de Castro
  • Distrito Federal: Nelson; Alemão e Palomone; Nesi, Seabra e Fortes; Zezé, Coelho, Nonô, Nilo e Moderato.
  • São Paulo: Primo; Clodoaldo e Barthô; Sergio, Amílcar e Arturzinho; Neco, Heitor, Friedenreich, Tatu e Feitiço.

ConfrontosEditar

  Semifinais Final
                 
   Paraná 1  
   São Paulo 5  
       São Paulo 4
     Distrito Federal 0
   Distrito Federal 2
   Bahia 0  

PremiaçãoEditar

Campeonato Brasileiro de Seleções de 1923
 
SÃO PAULO
Bicampeão
(2º título)

Ligações externasEditar