Abrir menu principal

Campeonato Mundial de Atletismo de 2007

11° Campeonato Mundial de Atletismo
2007年世界陸上競技選手権大会

Osaka 2007
Osaka logo.jpg
Dados
Países participantes 200
Entidade responsável IAAF
Sede Japão Osaka, Japão
Primeira edição Helsinque 1983
Atletas 1973
Eventos 47
Duração 24 de agosto a 2 de setembro de 2007
Abertura oficial Imperador Akihito
Estádio principal Estádio Nagai
Site oficial IAAF – Osaka 2007
◄◄ Helsinque 2005 {{{evento}}} Berlim 2009 ►►

Campeonato Mundial de Atletismo de 2007 foi a edição bienal do esporte realizada em Osaka, no Japão, entre 24 de agosto e 2 de setembro de 2007, sob organização da Associação Internacional de Federações de Atletismo e da Associação Japonesa de Federações de Atletismo.[1] Pela primeira vez o número de nações participantes chegou a 200, a maior de todas as edições, com a participação de 1973 atletas. Foi a segunda vez que o Japão sediou o campeonato, dezesseis anos depois de Tóquio 1991. As competições foram disputadas no Estádio Nagai.

Depois de sua candidatura mal sucedida de sediar os Jogos Olímpicos de 2008, outorgados a Pequim durante a convenção do Comitê Olímpico Internacional em 2001, em Moscou,[2] Osaka interessou-se por sediar o Campeonato Mundial de Atletismo de 2007. Um mês antes do anúncio oficial da escolha, as demais cidades postulantes, Budapeste e Berlim, retiraram sua candidatura, fazendo de Osaka a única concorrente, sendo anunciada como próxima sede em dezembro de 2002.[3]

Disputado sob forte calor e umidade, com as temperaturas matinais acima de 30°C, o que causou a desistência de dúzias de atletas nas provas da maratona e da marcha atlética,[4] esta edição não viu a quebra de nenhum recorde mundial e apenas dois novos recordes do campeonato foram estabelecidos. O Japão, país anfitrião, ganhou apenas uma medalha de bronze, no último dia, na maratona feminina. O fracasso da delegação japonesa na competição foi uma das causas da baixa assistência no estádio, junto com o calor e o preço dos ingressos; com um total de 47 mil lugares, o estádio tinha um terço de suas cadeiras vazias na noite da final dos 100 metros rasos, considerada a mais popular prova do atletismo. Os países lusófonos ganharam apenas duas medalhas e na mesma prova, o salto triplo masculino: Nélson Évora de Portugal ficou com o ouro e Jadel Gregório do Brasil com a prata.[5]

A IAAF continuou a aumentar sua batalha contra o doping no atletismo e pela primeira mais de 1000 testes foram realizados.[6] Antes do torneio, o ex-campeão olímpico e mundial norte-americano Edwin Moses havia demonstrado de público seu receio de que o doping se tornasse comum no atletismo e que todo atleta medalhista acabaria sendo descoberto como consumidor de substâncias proibidas.[7] De todos os testes feitos, apenas um, de um barreirista francês, acusou altos níveis de testosterona, e sendo o teste de antes do campeonato e durante um período de treinamento, a Associação declarou o evento "livre de drogas".[8]

LocalEditar

As competições foram realizadas no estádio Nagai, assim como a largada e a chegada da maratona e da marcha atlética. Com capacidade para 47 mil espectadores sentados, ele foi inaugurado em 1964 – e modernizado para o campeonato em 2007 – e seu primeiro evento foi um jogo de futebol dos Jogos Olímpicos de Tóquio 1964.[9] Utilizado através dos anos para vários meetings de atletismo, durante muitos anos foi ponto de partida e chegada da Maratona Feminina de Osaka, disputada anualmente e uma das mais tradicionais do circuito internacional.

 
Visão interna do estádio.

RecordesEditar

Dois novos recordes do campeonato foram estabelecidos nesta edição.

Recorde
Modalidade
Atleta
País
Marca
Anterior
 
200 m
Tyson Gay
 
19.76
19.79 – Gotemburgo 1995
 
3000 m c/ obstáculos
Yekaterina Volkova
 
9:06.57
9:18.24 – Helsinque 2005

Quadro de medalhasEditar

Posição País Ouro Prata Bronze Total
1   Estados Unidos 14 5 7 26
2   Quênia 5 3 5 13
3   Rússia 4 7 3 14
4   Etiópia 3 1 4
5   Alemanha 2 3 2 7
6   República Tcheca 2 1 3
7   Austrália 2 2
8   Jamaica 1 6 3 10
9   Bahamas 1 2 3
  Cuba 1 2 3
11   Grã-Bretanha 1 1 4 6
12   China 1 1 2 4
13   Bahrein 1 1 2
14   Bielorrússia 1 1
  Croácia 1 1
  Equador 1 1
  Estônia 1 1
  Finlândia 1 1
  Nova Zelândia 1 1
  Panamá 1 1
  Portugal 1 1
  Suécia 1 1
23   Itália 2 1 3
24   Canadá 2 2
  França 2 2
  Ucrânia 2 2
27   Espanha 1 2 3
28   Eslovênia 1 1 2
29   Brasil 1 1
  Marrocos 1 1
  Noruega 1 1
  Qatar 1 1
  República Dominicana 1 1
34   Polônia 3 3
35   Países Baixos 2 2
36   Bélgica 1 1
  Bulgária 1 1
  Cazaquistão 1 1
  Chipre 1 1
  Eslováquia 1 1
  Japão 1 1
  Romênia 1 1
  Sri Lanka 1 1
  Suíça 1 1
  Tunísia 1 1
  Uganda 1 1

MedalhistasEditar

 
A chegada dos 1500 m. O americano Bernard Lagat foi o primeiro a vencer os 1500 m e os 5000 m numa mesma edição de Campeonato Mundial.
 
Fiscais e paramédicos retiram atleta desmaiado após a marcha de 50 km. O forte calor causou grandes baixas entre os atletas.
 
O português Nélson Évora comemora o ouro no salto triplo.
 
O 4x100 m da Jamaica comemora a prata no pódio, antes do início do domínio completo de Usain Bolt e dos jamaicanos nas provas de velocidade, a partir do ano seguinte nos Jogos de Pequim 2008.
 
O O pódio dos 5000 metros femininos com a campeã Meseret Defar ao centro.
 
A etíope Tirunesh Dibaba, bicampeã mundial dos 10000 metros em Osaka.
 
Allyson Felix após vencer os 200 m rasos.
 
Yelena Isinbayeva celebra o bicampeonato mundial no salto com vara.

MasculinoEditar

Evento Ouro Prata Bronze
100 m
detalhes
Tyson Gay
  Estados Unidos
9.85 Derrick Atkins
  Bahamas
9.91 Asafa Powell
  Jamaica
9.96
200 m
detalhes
Tyson Gay
  Estados Unidos
19.76   Usain Bolt
  Jamaica
19.91 Wallace Spearmon
  Estados Unidos
20.05
400 m
detalhes
Jeremy Wariner
  Estados Unidos
43.45 LaShawn Merritt
  Estados Unidos
43.96 Angelo Taylor
  Estados Unidos
44.32
800 m
detalhes
Alfred Kirwa Yego
  Quênia
1:47.09 Gary Reed
  Canadá
1:47.10 Yuriy Borzakovskiy
  Rússia
1:47.39
1500 m
detalhes
Bernard Lagat
  Estados Unidos
3:34.77 Rashid Ramzi
  Bahrein
3:35.00 Shedrack Kibet Korir
  Quênia
3:35.04
5000 m
detalhes
Bernard Lagat
  Estados Unidos
13:45.87 Eliud Kipchoge
  Quênia
13:46.00 Moses Kipsiro
  Uganda
13:46.75
10000 m
detalhes
Kenenisa Bekele
  Etiópia
27:05.90 Sileshi Sihine
  Etiópia
27:09.03 Martin Mathathi
  Quênia
27:12.17
Maratona
detalhes
Luke Kibet
  Quênia
2:15.59 Mubarak Hassan Shami
  Qatar
2:17.18 Viktor Röthlin
  Suíça
2:17.25
110 m c/ barreiras
detalhes
Liu Xiang
  China
12.95 Terrence Trammell
  Estados Unidos
12.99 David Payne
  Estados Unidos
13.02
400 m c/ barreiras
detalhes
Kerron Clement
  Estados Unidos
47.61 Félix Sánchez
  República Dominicana
48.01 Marek Plawgo
  Polônia
48.12
3000 m c/ obstáculos
detalhes
Brimin Kipruto
  Quênia
8:13.82 Ezekiel Kemboi
  Quênia
8:16.94 Richard Kipkemboi
  Quênia
8:17.59
Marcha 20 km
detalhes
Jefferson Pérez
  Equador
1:22.20 Paquillo Fernández
  Espanha
1:22:40 Hatem Ghoula
  Tunísia
1:22:40
Marcha 50 km
detalhes
Nathan Deakes
  Austrália
3:43.53 Yohann Diniz
  França
3:44.22 Alex Schwazer
  Itália
3:44.38
4x100 m
detalhes
  Estados Unidos
Darvis Patton
Wallace Spearmon
Tyson Gay
Leroy Dixon
37.78   Jamaica
Marvin Anderson
Usain Bolt
Nesta Carter
Asafa Powell
37.89   Grã-Bretanha
Christian Malcolm
Craig Pickering
Marlon Devonish
Mark Lewis-Francis
37.90
4x400 m
detalhes
  Estados Unidos
LaShawn Merritt
Angelo Taylor
Darold Williamson
Jeremy Wariner
2:55.56   Bahamas
Avard Moncur
Micheal Mathieu
Andrae Williams
Chris Brown
2:59.18   Polônia
Marek Plawgo
Daniel Dąbrowski
Marcin Marciniszyn
Kacper Kozłowski
3:00:05
Salto com vara
detalhes
Brad Walker
  Estados Unidos
5,86 m Romain Mesnil
  França
5,86 m Danny Ecker
  França
5,81 m
Salto em distância
detalhes
Irving Saladino
  Panamá
8,57 m Andrew Howe
  Itália
8,47 m Dwight Phillips
  Finlândia
8,30 m
Salto triplo
detalhes
Nelson Évora
  Portugal
17,74 m Jadel Gregório
  Brasil
17,59 m Walter Davis
  Estados Unidos
17,33 m
Salto em altura
detalhes
Donald Thomas
  Bahamas
2,35 m Yaroslav Rybakov
  Rússia
2,35 m Kyriakos Ioannou
  Chipre
2,35 m
Arremesso de peso
detalhes
Reese Hoffa
  Estados Unidos
22,04 m Adam Nelson
  Estados Unidos
21,61 m Andrei Mikhnevich
  Bielorrússia
21,27 m
Lançamento de disco
detalhes
Gerd Kanter
  Estônia
68,94 m Robert Harting
  Alemanha
66,68 m Rutger Smith
  Países Baixos
66,42 m
Lançamento de martelo
detalhes
Ivan Tsikhan
  Bielorrússia
83,63 m Primož Kozmus
  Eslovênia
82,29 m Libor Charfreitag
  Eslováquia
81,60 m
Lançamento de dardo
detalhes
Tero Pitkämäki
  Finlândia
90,33 m Andreas Thorkildsen
  Noruega
88,61 m Breaux Greer
  Estados Unidos
86,21 m
Decatlo
detalhes
Roman Šebrle
  República Tcheca
8676 pts Maurice Smith
  Jamaica
8644 pts Dmitriy Karpov
  Cazaquistão
8586 pts

FemininoEditar

Evento Ouro Prata Bronze
100 m
detalhes
Veronica Campbell
  Jamaica
11.01 Lauryn Williams
  Estados Unidos
11.01 Carmelita Jeter
  Estados Unidos
11.02
200 m
detalhes
Allyson Felix
  Estados Unidos
21.81 Veronica Campbell
  Jamaica
22.34 Susanthika Jayasinghe
  Sri Lanka
22.63
400 m
detalhes
Christine Ohuruogu
  Grã-Bretanha
49.61 Nicola Sanders
  Grã-Bretanha
49.65 Novlene Williams
  Jamaica
49.66
800 m
detalhes
Janeth Busienei
  Quênia
1:56.04 Hasna Benhassi
  Marrocos
1:56.99 Mayte Martínez
  Espanha
1:57.62
1500 m
detalhes
Maryam Yusuf Jamal
  Bahrein
3:58.75 Iryna Lishchynska
  Ucrânia
4:00.69 Daniela Yordanova
  Bulgária
4:00.82
5000 m
detalhes
Meseret Defar
  Etiópia
14:57.91 Vivian Cheruiyot
  Quênia
14:58.50 Priscah Cherono
  Quênia
14:59.21
10000 m
detalhes
Tirunesh Dibaba
  Etiópia
31:55.4 Elvan Abeylegesse
  Turquia
31:59.4 Kara Goucher
  Estados Unidos
32:02.0
Maratona
detalhes
Catherine Ndereba
  Quênia
2:30.37 Zhou Chunxiu
  China
2:30.45 Reiko Tosa
  Japão
2:30.55
100 m c/ barreiras
detalhes
Michelle Perry
  Estados Unidos
12.95 Perdita Felicien
  Canadá
12.99 Delloreen Ennis-London
  Jamaica
13.02
400 m c/ barreiras
detalhes
Jana Rawlinson
  Austrália
53.31 Yuliya Pechenkina
  Rússia
53.50 Anna Jesień
  Polônia
53.92
3000 m c/ obstáculos
detalhes
Yekaterina Volkova
  Rússia
9:06.57   Tatyana Petrova
  Rússia
9:09.19 Eunice Jepkorir
  Quênia
9:20.09
Marcha 20 km
detalhes
Olga Kaniskina
  Rússia
1:30.09 Tatyana Shemyakina
  Rússia
1:30.42 María Vasco
  Espanha
1:30.47
4x100 m
detalhes
  Estados Unidos
Lauryn Williams
Allyson Felix
Mikele Barber
Torri Edwards
41.98   Jamaica
Sheri-Ann Brooks
Kerron Stewart
Simone Facey
Veronica Campbell
42.01   Bélgica
Olivia Borlée
Hanna Mariën
Élodie Ouédraogo
Kim Gevaert
42.75
4x400 m
detalhes
  Estados Unidos
DeeDee Trotter
Allyson Felix
Mary Wineberg
Sanya Richards
3:18.55   Jamaica
Shericka Williams
Shereefa Lloyd
Davita Prendagast
Novlene Williams
3:19.73   Grã-Bretanha
Christine Ohuruogu
Marilyn Okoro
Lee McConnell
Nicola Sanders
3:20.04
Salto com vara
detalhes
Yelena Isinbayeva
  Rússia
4,80 m Kateřina Baďurová
  República Tcheca
4,75 m Svetlana Feofanova
  Rússia
4,75 m
Salto em distância
detalhes
Tatyana Lebedeva
  Rússia
7,03 m Lyudmila Kolchanova
  Rússia
6,92 m Tatyana Kotova
  Rússia
6,90 m
Salto triplo
detalhes
Yargeris Savigne
  Cuba
15,28 m Tatyana Lebedeva
  Rússia
15,07 m Marija Šestak
  Eslovênia
14,72 m
Salto em altura 1
detalhes
Blanka Vlašic
  Croácia
2,05 m Anna Chicherova
  Rússia
Antonietta Di Martino
  Itália
2,03 m
Arremesso de peso 2
detalhes
Valerie Vili
  Nova Zelândia
20,54 m Nadine Kleinert
  Alemanha
19,77 m Li Ling
  China
19,38 m
Lançamento de disco
detalhes
Franka Dietzsch
  Alemanha
66,61 m Yarelis Barrios
  Cuba
63,90 m Nicoleta Grasu
  Romênia
63,40 m
Lançamento de martelo
detalhes
Betty Heidler
  Alemanha
74,76 m Yipsi Moreno
  Cuba
74,74 m Zhang Wenxiu
  China
74,39 m
Lançamento de dardo
detalhes
Barbora Špotáková
  República Tcheca
67,07 m Christina Obergföll
  Alemanha
66,46 m Steffi Nerius
  Alemanha
64,42 m
Heptatlo
detalhes
Carolina Klüft
  Suécia
7032 pts Lyudmila Blonska
  Ucrânia
6832 pts Kelly Sotherton
  Grã-Bretanha
8586 pts

1 - A russa Chicherova e a italiana Di Martino empataram na altura máxima saltada e também no número de tentativas para saltar as distâncias inferiores. As duas ganharam a prata e nenhum bronze foi outorgado. Na época não havia desempate e só 3 medalhas eram outorgadas.
2 - Originalmente a bielorrusa Nadzeya Ostapchuk ficou com a medalha de prata com 20,48 m. Em 2012, testes posteriores de suas amostras a desqualificaram, retiraram suas medalhas e a baniram do esporte.[10]

Referências

  1. Osaka 2007
  2. Michaele Turnage. «China to host 2008 Olympic Games». Daily Bruin. Consultado em 12 outubro 2019 
  3. «Osaka to host Worlds». BBC Sport. 15 de novembro de 2002. Consultado em 4 setembro 2007 
  4. Wade, Stephen (25 de agosto de 2007). «Steamy heat in Japan not a factor for athletes at World Championships, organizers say». Associated Press. Consultado em 4 setembro 2007 
  5. «Jadel Gregório é surpreendido por português e leva prata no Mundial». UOL Esporte. Consultado em 12 outubro 2019 
  6. «Drug testing to increase at Osaka». BBC Sport. 3 de agosto de 2007. Consultado em 4 de setembro de 2007 
  7. «Moses warns of more drugs trouble». BBC Sport. 23 de agosto de 2007. Consultado em 4 de setembro de 2007 
  8. «Athletics 'is winning drugs war'». BBC Sport. 21 de setembro de 2007. Consultado em 25 setembro 2007. Cópia arquivada em 16 outubro 2007 
  9. «Yanmar Stadium Nagai». nagaipark.com. Consultado em 12 outubro 2019 
  10. «REVISION OF RESULTS FOLLOWING SANCTIONS OF TSIKHAN AND OSTAPCHUK». IAAF. Consultado em 13 outubro 2019 

Ligações externasEditar

 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Campeonato Mundial de Atletismo de 2007