Campeonato Paraibano de Futebol de 1975

O Campeonato Paraibano de Futebol de 1975 foi a 65ª edição (reconhecida) deste campeonato. Sua organização e direção ficou por conta da Federação Paraibana de Futebol (FPF). Contou com a participação de 11 times.[1] Edilson, do Atlético de Sousa, foi o artilheiro da competição, com 13 gols.

Campeonato Paraibano de Futebol de 1975
Paraibano 1975
Paraíba
Dados
Participantes 11
Período 23 de março – 17 de agosto
Gol(o)s 293
Partidas 216
Média 1,36 gol(o)s por partida
Campeão Botafogo-PB (16º título)
Treze (5º título)
Melhor marcador Edilson (Atlético de Sousa) − 13 gols
Melhor ataque (fase inicial) Botafogo-PB − 38 gols
Melhor defesa (fase inicial) Treze − 9 gols
Maior goleada
(diferença)
Nacional de Patos 7 − 0 Santa Cruz
Patos

27 de julho de 1975, 14ª rodada do segundo turno
◄◄ Paraíba Paraibano 1974 Paraibano 1976 Paraíba ►►

Este campeonato foi marcado por um impasse quanto ao campeão, já que a Federação Paraibana de Futebol, organizadora do evento, considera campeões paraibanos o Botafogo-PB (campeão do 1º turno) e Treze (campeão do 2º turno). Isto se deve ao fato de o Campinense ter acionado a justiça, paralisando o campeonato antes do seu fim. Alegava o Campinense, que em um jogo contra a equipe do Nacional de Patos, este escalou um jogador irregular em jogo válido pelo 2º Turno do Campeonato Paraibano, jogo esse vencido pelo Nacional de Patos pelo placar de 3 a 1. O Campinense ganhou a causa na justiça (ganhou os pontos da partida contra o Nacional) e se autoproclamou campeão no lugar do Treze. Mas a Federação Paraibana de Futebol jamais reconheceu a legitimidade da decisão judicial e até hoje, em seu site oficial, coloca o Treze como um dos campeões estaduais de 1975.[2]

Em 2012, uma decisão do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) deu ganho de causa ao Campinense, e o clube declarou que iria encaminhar o documento para a Federação Paraibana de Futebol para que a entidade homologasse o título paraibano de 1975.[3] Porém, até hoje o clube não conseguiu o reconhecimento do título pela FPF.[4]

Participantes editar

O campeonato estadual de 1975 contou com 11 participantes, foram eles:

Clube Cidade Nota
América Futebol Clube Esperança
Atlético Clube Sousa
Auto Esporte João Pessoa
Botafogo João Pessoa Campeão do 1º turno e paraibano dividido, segundo a FPF.
Campinense Campina Grande
Guarabira Guarabira
Nacional de Patos Patos
Nacional de Cabedelo Cabedelo
Santa Cruz de Santa Rita Santa Rita
Santos-PB João Pessoa
Treze Campina Grande Campeão do 2º turno e paraibano dividido, segundo a FPF.

Vencedor(es) editar

Referências

  1. Campeões. Disponível em www.federacaoparaibana.com.br/campeoes.html. Acesso em Março de 2012.
  2. «Torcida e Federação divergem sobre o número de títulos do Campinense». Globo Esporte/PB. 13 de maio de 2012. Consultado em 17 de maio de 2012 
  3. «Decisão do STJD garante Paraibano de 1975 para o Campinense Clube». Portal Globo Esporte/PB. 29 de julho de 2012. Consultado em 2 de abril de 2017 
  4. «Campeonato Paraibano tem histórico de polêmicas e casos sem solução». Portal Globo Esporte/PB. 11 de janeiro de 2014. Consultado em 2 de abril de 2017 
  Este artigo sobre futebol é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.