Campeonato Paulista de Futebol Sub-17 de 2015

Campeonato Paulista de Futebol Sub-17 de 2015
Campeonato Paulista Sub-17 de 2015
Dados
Participantes 63
Organização Federação Paulista de Futebol
Anfitrião São Paulo
Período 11 de abril28 de novembro
Campeão São Paulo (19.º título)
Vice-campeão Santos
Maior goleada
(diferença)
Grêmio Prudente 11–0 Bandeirante
Estádio Caetano PerettiPresidente Prudente
27 de junho de 2015
◄◄ 2014 Soccerball.svg 2016 ►►

O Campeonato Paulista de Futebol Sub-17 de 2015 foi uma edição desta competição amadora organizada pela Federação Paulista de Futebol (FPF).

Disputada por 63 agremiações, a competição começou no dia 11 de abril e foi finalizada em 28 de novembro. O campeonato foi dividido em seis fases distintas, mesclando sistemas de pontos corridos e jogos eliminatórios. A decisão, por sua vez, foi protagonizada pelo clássico San-São. O São Paulo alcançou a decisão com uma campanha superior do que seu adversário e, consequentemente, adquiriu o direito de disputar o último jogo na condição de mandante e a vantagem de igualar o placar agregado. Os rivais protagonizaram dois empates, o que resultou no título do São Paulo.

Participantes e regulamentoEditar

Originalmente, esta edição foi disputada por 63 equipes. No entanto, o campeonato sofreu as baixas de Linense e Monte Azul, que desistiram.[1] A entidade organizadora adotou critérios de regionalização para a composição dos grupos.[1] Os participantes desta edição foram:[1]

O regulamento, por sua vez, dividiu as agremiações em oito grupos regionalizados — incialmente planejado com 63 participantes — enfrentando os adversários da própria chave em turno e returno. As fases seguintes continuaram com o sistema de pontos, com os participantes divididos em grupos com quatro integrantes cada. Em ambas, os dois melhores colocados das chaves classificaram.[1] Após a terceira fase, o sistema mudou para jogos eliminatórios de ida e volta. Os detentores das melhores campanhas gerais adquiriam a vantagem do mando de campo e do empate no placar agregado.[1]

ResumoEditar

O campeonato iniciou em 11 de abril.[2] Na fase inicial, os participantes foram divididos em oito grupos (sete com oito integrantes e um com sete), disputando confrontos de turno e returno. O término desta fase ocorreu em 6 de julho.[2] As trinta e duas equipes classificadas foram divididas em oito grupos com quatro integrantes na segunda fase, que decorreu de 1 de agosto a 5 de setembro. Os classificados foram: Grêmio Prudente e Audax (grupo 9), Mirassol e Ponte Preta (grupo 10), Botafogo e São Caetano (grupo 11), Palmeiras e São Bernardo (grupo 12), São Paulo e Penapolense (grupo 13), Red Bull Brasil e Guarani (grupo 14), Corinthians e Inter de Limeira (grupo 15) e, por fim, Santos e Novorizontino (grupo 16).[2][3] A terceira fase foi iniciada uma semana depois do término da anterior — mais especificamente no dia 12 de setembro — mantendo-se o mesmo formato, mas com um número menor de grupos.[2]

Mais tarde, o campeonato deixou o sistema de pontos para o eliminatório. As primeiras partidas das quartas de final foram realizadas no dia 24 de outubro. Na ocasião, Botafogo e Palmeiras foram os dois únicos vitoriosos, superando Grêmio Prudente e São Paulo, respectivamente.[4][5] Por outro lado, o Red Bull Brasil empatava com o Santos até que os jogadores se envolveram numa briga generalizada. O árbitro Clodoaldo Chaves expulsou quatro jogadores da equipe da baixada santista; as exclusões se somaram com a lesão de Alexandre, resultando no término antecipado da partida e a vitória do Red Bull Brasil por W.O.[6] Por fim, Audax empatou com o Corinthians.[7] Este último, por sua vez, triunfou na partida volta e se classificou.[8] Já o Botafogo foi o único que confirmou sua vantagem conquistada.[4] Em contrapartida, Santos e São Paulo reverteram a desvantagem.[9][10] Nas semifinais, Corinthians e Santos protagonizaram dois jogos pelo clássico "Alvinegro". O Santos eliminou o rival após uma vitória e um empate.[11][12] Do outro lado da chave, o São Paulo venceu as duas partidas contra o Botafogo.[12]

O primeiro jogo da decisão foi realizado em 21 de novembro, no estádio Urbano Caldeira, em Santos. Na ocasião, o São Paulo abriu uma vantagem no placar de 2–0. No entanto, o Santos reagiu e empatou a partida.[13] No segundo e decisivo embate, o Santos converteu um pênalti e abriu o placar já no término da partida; contudo, o São Paulo empatou nos acréscimos e ficou com o título — o clube paulistano alcançou a decisão com uma campanha superior do que seu adversário e, consequentemente, adquiriu o direito de disputar o último jogo na condição de mandante e a vantagem de igualar o placar agregado.[14]

ResultadosEditar

Equipes classificadas à segunda fase
Equipes eliminadas

Primeira faseEditar

Grupo 1Editar

Pos Equipe Pts J V E D GP GC SG
  Grêmio Prudente 34 12 11 1 0 45 7 +38
  Osvaldo Cruz 23 12 7 2 3 34 20 +14
  Penapolense¹ 16 12 5 3 4 25 16 +9
  Marília 15 12 4 3 5 18 24 –6
  Assisense² 12 12 3 4 5 12 17 –5
  Bandeirante 10 12 3 2 7 9 37 –28
  VOCEM 4 12 1 1 10 10 32 –22
  Linense³ 0 0 0 0 0 0 0 0
  • 1. ^ Assisense perdeu um ponto.
  • 2. ^ Penapolense perdeu dois pontos.
  • 3. ^ Linense desistiu de disputar o Campeonato.

Grupo 2Editar

Pos Equipe Pts J V E D GP GC SG
  Mirassol 34 14 11 1 2 27 20 +17
  Novorizontino 25 14 8 1 5 30 13 +17
  Tanabi 24 14 7 3 4 21 15 +6
  Comercial¹ 20 14 7 3 4 24 15 +9
  Olé Brasil 20 14 6 2 6 19 13 +6
  América-SP² 13 14 5 0 9 17 19 –2
  Monte Azul³ 11 14 3 2 9 11 25 –14
  Barretos 8 14 2 2 10 8 47 –39
  • 1. ^ Comercial perdeu quatro pontos.
  • 2. ^ América perdeu dois pontos.
  • 3. ^ Monte Azul desistiu de disputar o Campeonato após o início. Os demais jogos foram cancelados e aplicados W.O.

Grupo 3Editar

Pos Equipe Pts J V E D GP GC SG
  Botafogo-SP 22 12 7 1 4 24 15 +9
  Velo Clube 22 12 7 1 4 24 16 +8
  Inter de Limeira 21 12 6 3 3 24 10 +14
  Ferroviária 21 12 6 3 3 22 19 +3
  São Carlos 19 12 5 4 3 22 14 +8
  Lemense¹ 6 12 2 1 9 9 39 –30
 Palmeirinha 6 12 1 3 8 14 26 –12
  • 1. ^ Lemense perdeu um ponto.

Grupo 4Editar

Pos Equipe Pts J V E D GP GC SG
  Desportivo Brasil 31 14 10 1 3 39 11 +28
  Guarani 28 14 9 1 4 33 24 +9
  Primavera 23 14 7 2 5 25 13 +12
  XV de Piracicaba 22 14 6 4 4 21 20 +1
  Rio Branco-SP 19 14 6 1 7 27 28 –1
  União Barbarense 18 14 6 0 8 16 24 –8
  Ituano¹ 13 14 4 4 6 16 20 –4
  Independente-SP 4 14 1 1 12 11 48 –37
  • 1. ^ Ituano perdeu três pontos.

Grupo 5Editar

Pos Equipe Pts J V E D GP GC SG
  São Paulo 35 14 11 2 1 32 7 +25
  São Caetano 28 14 8 4 2 18 12 +6
  Audax 26 14 8 2 4 32 17 +15
  Portuguesa 23 14 7 2 5 19 13 +6
  Nacional-SP 16 14 5 1 8 22 24 –2
  Juventus-SP 14 14 4 2 8 15 20 –5
  Atlético Sorocaba 12 14 3 3 8 13 28 –12
  Taboão da Serra 5 14 1 2 11 5 38 –33

Grupo 6Editar

Pos Equipe Pts J V E D GP GC SG
  Red Bull Brasil 35 14 11 2 1 38 11 +27
  Palmeiras 32 14 10 2 2 47 13 +34
  Ponte Preta 28 14 9 1 4 36 18 +18
  Atibaia 20 14 6 2 6 22 33 –11
  Amparo 16 14 5 1 8 17 28 –11
  Paulista 13 14 3 4 7 17 28 –11
  Itapirense¹ 10 14 3 2 9 11 30 –19
  Flamengo de Guarulhos 5 14 1 2 11 9 36 –27
  • 1. ^ Itapirense perdeu um ponto.

Grupo 7Editar

Pos Equipe Pts J V E D GP GC SG
  Corinthians 38 14 12 2 0 51 11 +40
  ECUS 24 14 6 6 2 18 8 +10
  União Suzano 20 14 5 5 4 17 14 +3
  Taubaté 19 14 5 4 5 19 19 0
  Guaratinguetá 18 14 4 6 4 12 20 –8
  Guarulhos 17 14 5 2 7 16 20 –4
  São José dos Campos 11 14 3 2 9 10 31 –21
  São José-SP 3 14 0 3 11 6 32 –6

Grupo 8Editar

Pos Equipe Pts J V E D GP GC SG
  Santos 36 14 12 0 2 52 12 +40
  Diadema 26 14 8 2 4 21 18 +3
  São Bernardo FC 21 14 6 3 5 14 18 –4
  Jabaquara 16 14 5 1 8 19 26 –7
  Santo André 16 14 4 4 6 9 12 –3
  Água Santa 15 14 4 3 7 14 23 –9
  EC São Bernardo 15 14 3 6 5 12 25 –13
  Portuguesa Santista 12 14 3 3 8 19 26 –7

Segunda faseEditar

Equipes classificadas à terceira fase
Equipes eliminadas

Grupo 9Editar

Pos Equipe Pts J V E D GP GC SG
  Grêmio Prudente 13 6 4 1 1 19 7 +12
  Audax 13 6 4 1 1 13 5 +8
  ECUS 7 6 2 1 3 6 6 0
  Jabaquara 1 6 0 1 5 3 23 –20

Grupo 10Editar

Pos Equipe Pts J V E D GP GC SG
  Mirassol 14 6 4 0 2 10 4 +6
  Ponte Preta 10 5 3 1 1 10 4 +6
  Taubaté 4 6 1 1 4 5 11 –6
  Diadema 3 5 1 0 4 4 10 –6
  • O jogo entre Ponte Preta e Diadema foi suspenso e logo depois cancelado por não interferir matematicamente na classificação.

Grupo 11Editar

Pos Equipe Pts J V E D GP GC SG
  Botafogo-SP 16 6 5 1 0 18 7 +11
  São Caetano 8 6 2 2 2 6 6 0
  União Suzano 6 6 1 3 2 6 9 –3
  Atibaia 3 6 1 0 5 4 12 –8

Grupo 12Editar

Pos Equipe Pts J V E D GP GC SG
  Palmeiras 11 6 3 2 1 12 8 +4
  São Bernardo FC 10 6 3 1 2 12 11 +1
  Desportivo Brasil 8 6 2 2 2 12 10 +2
  Portuguesa 4 6 1 1 4 5 12 –7

Grupo 13Editar

Pos Equipe Pts J V E D GP GC SG
  São Paulo 15 6 5 0 1 22 5 +17
  Penapolense 9 6 3 0 3 7 10 –3
  Velo Clube 7 6 2 1 3 9 15 –6
  XV de Piracicaba 4 6 1 1 4 4 12 –8

Grupo 14Editar

Pos Equipe Pts J V E D GP GC SG
  Red Bull Brasil 14 6 4 2 0 19 7 +12
  Guarani 6 6 1 3 2 10 11 –1
  Ferroviária 5 6 1 2 3 10 15 –5
  Tanabi¹ 2 6 1 2 3 4 10 –6
  • 1. ^ Tanabi perdeu três pontos.

Grupo 15Editar

Pos Equipe Pts J V E D GP GC SG
  Corinthians 15 6 5 0 1 21 1 +20
  Inter de Limeira 13 6 4 1 2 9 5 +4
  Comercial 3 6 1 0 5 4 14 –10
  Osvaldo Cruz¹ 3 6 1 1 4 4 18 –14
  • 1. ^ Osvaldo Cruz perdeu um ponto.

Grupo 16Editar

Pos Equipe Pts J V E D GP GC SG
  Santos 11 6 3 2 1 11 4 +7
  Novorizontino 9 6 2 3 1 4 6 –2
  Marília 8 6 2 2 2 5 5 0
  Primavera 2 6 1 1 4 2 7 –6
  • 1. ^ Primavera perdeu dois pontos.

Terceira faseEditar

Equipes classificadas à fase final
Equipes eliminadas

Grupo 17Editar

Pos Equipe Pts J V E D GP GC SG
  Grêmio Prudente 12 6 4 0 2 7 11 –4
  Red Bull Brasil 10 6 3 1 2 12 5 +7
  Ponte Preta 7 6 2 1 3 9 10 –1
  Penapolense 6 6 2 0 4 6 8 –2

Grupo 18Editar

Pos Equipe Pts J V E D GP GC SG
  São Paulo 16 6 5 1 0 16 5 +11
  Audax 10 6 3 1 2 10 7 +3
  Mirassol 6 6 2 0 4 8 11 –3
  Guarani 3 6 1 0 5 5 16 –11

Grupo 19Editar

Pos Equipe Pts J V E D GP GC SG
  Santos 13 6 4 1 1 12 5 +7
  Botafogo-SP 12 6 4 0 2 8 8 0
  São Bernardo FC 5 6 1 2 3 6 8 –2
  Inter de Limeira 4 6 1 1 4 4 9 –5

Grupo 20Editar

Pos Equipe Pts J V E D GP GC SG
  Corinthians 14 6 4 2 0 15 6 +9
  Palmeiras 13 6 4 1 1 9 5 +4
  Novorizontino 4 6 1 1 4 4 8 –4
  São Caetano 3 6 1 0 5 6 15 –9

Fase finalEditar

Quartas de final Semifinais Final
 24 de outubro a 1 de novembro  7 a 14 de novembro  21 e 28 de novembro
                                     
   Botafogo-SP 1 1 2  
   Grêmio Prudente 0 0 0  
     Botafogo-SP 0 0 0  
     São Paulo 4 1 5  
   Palmeiras 2 0 2
   São Paulo 0 3 3  
     São Paulo (mc) 2 1 3
     Santos 2 1 3
   Red Bull Brasil 3 0 3  
   Santos (mc) 0 3 3  
     Santos 2 2 4
     Corinthians 2 1 3
   Audax 2 1 3
   Corinthians 2 2 4
  • Em itálico, os times que possuem o mando de campo no primeiro jogo do confronto; em negrito, os times classificados.

FinalEditar

21 de novembro Santos   2 – 2   São Paulo Estádio Urbano Caldeira, Santos
10:45 (UTC−2)
Alexandre   35'
Fernando   57'
Súmula Pedro Oliveira   12'
Paulo Henrique   33'
Árbitro: Roberto Pinelli
     
 
 
Santos
     
 
 
São Paulo
G 1 Renan Pastre
LD 4 Ynaiã
Z 2 João Fernando
Z 6 Fernando
LE 3 Rhuan
V 5 Guilherme Nunes
V 8 Daniel   65'
M 10 Giovane     81'
M 11 Bruno Soares
A 7 Alexandre   65'
A 9 André   10'  26'
Suplentes:
G 12 Gabriel Donizetti
V 15 Wellyngton
M 14 José Cleberton   81'
A 13 Guilherme Ruggieri
A 16 Tailson   65'
A 17 Nicolas Reis   65'
A 18 Vinícius
Treinador:
Aarão Alves
G 1 Dênis
LD 2 Matheus Viveiros   70'
Z 3 Igor Carvalho     79'
Z 4 Éder Militão
LE 6 Bruno Dip
V 5 Luiz Gustavo
V 7 Liziero   9'  26'
M 8 Matheus Frizzo   65'
M 11 Pedro Oliveira
A 9 Paulo Henrique   44'
A 10 Guilherme Bissoli   50'
Suplentes:
G 12 Lucas Gomes
LD 14 Caio   77'   70'
Z 13 Rodrigo
Z 15 Eduardo   65'
M 16 Augusto Galvan   50'
A 17 João Alberto
A 18 Danilo Gomes
Treinador:
Orlando Ribeiro

Árbitros assistentes
Luis Felipe Prado Silva
Patrick André Bardauil

Quarto Árbitro
Carlos Eduardo Gomes

Regras da partida

  • 80 minutos de tempo regulamentar
  • Em caso de igualdade, a melhor campanha se qualifica
  • Máximo de 3 substituições

28 de novembro São Paulo   1 – 1   Santos Marcelo Portugal Gouvêa, Cotia
10:45 (UTC−2)
João Alberto   80+1' Súmula Bruno Soares   77' (pen) Árbitro: Rodrigo Pires de Oliveira
     
 
 
São Paulo
     
 
 
Santos
G 1 Dênis   76'
LD 2 Matheus Viveiros
Z 3 Igor Carvalho     78'
Z 4 Éder Militão
LE 6 Bruno Dip
V 5 Luiz Gustavo
V 7 Eduardo   46'
M 8 Matheus Frizzo   78'
M 11 Pedro Oliveira   66'
A 9 Paulo Henrique   80+1'
A 10 Guilherme Bissoli
Suplentes:
G 12 Carlos Vinícius
LD 14 Caio
Z 13 Rodrigo   48'  80+2'   46'
Z 15 Augusto Galvan   80+3'   66'
M 17 William de Camargo
A 16 Danilo Gomes
A 18 João Alberto   80+1'   78'
Treinador:
Orlando Ribeiro
G 1 Renan Pastre
LD 4 Ynaiã
Z 3 José Cleberton   70'
Z 2 Fernando   50'
LE 6 Matheus Guedes   80+4'
V 5 Guilherme Nunes
V 8 Daniel   59'
M 10 Giovane     59'
M 9 Bruno Soares   48'
A 7 Alexandre
A 11 Marquinhos   32'
Suplentes:
G 12 Gabriel Donizetti
Z 13 João Fernando
V 15 Wellyngton
M 14 Carlos Felipe
A 16 Tailson   59'
A 17 Nicolas Reis   32'
A 18 Vinícius   59'
Treinador:
Aarão Alves

Árbitros assistentes
Leonardo Tadeu Pedro
Enderson Emanoel Turbiani da Silva

Quarto Árbitro
Alex Leite Palmira

Regras da partida

  • 80 minutos de tempo regulamentar
  • Em caso de igualdade, a melhor campanha se qualifica
  • Máximo de 3 substituições

Referências

  1. a b c d e «REGULAMENTO ESPECÍFICO DO CAMPEONATO PAULISTA DE FUTEBOL SUB 15 E SUB 17 - 2015» (PDF). Website oficial da Federação Paulista de Futebol. Consultado em 16 de novembro de 2020. Arquivado do original (PDF) em 28 de maio de 2016 
  2. a b c d «Tabela do Campeonato Paulista Sub-17». Website oficial da Federação Paulista de Futebol. Consultado em 16 de novembro de 2020. Arquivado do original em 4 de março de 2016 
  3. «Classificação do Campeonato Paulista Sub-17 - Segunda fase». Website oficial da Federação Paulista de Futebol. Consultado em 16 de novembro de 2020. Arquivado do original em 28 de maio de 2016 
  4. a b «Bota-SP volta a vencer G. Prudente e está na semifinal do Paulista sub-17». Presidente Prudente: GloboEsporte.com. 31 de outubro de 2015. Consultado em 16 de novembro de 2020. Cópia arquivada em 17 de novembro de 2020 
  5. «Palmeiras bate São Paulo em clássico sub-17 nas quartas de final do Paulista». GloboEsporte.com. 24 de outubro de 2015. Consultado em 16 de novembro de 2020. Cópia arquivada em 17 de novembro de 2020 
  6. «Após briga generalizada, FPF decreta W.O. e Santos se complica no sub-17». Santos: GloboEsporte.com. 26 de outubro de 2015. Consultado em 16 de novembro de 2020. Cópia arquivada em 17 de novembro de 2020 
  7. «Corinthians empata com Audax pelas quartas de final do Paulista sub-17». GloboEsporte.com. 24 de outubro de 2015. Consultado em 16 de novembro de 2020. Cópia arquivada em 17 de novembro de 2020 
  8. Luiz Carlos Junior (1 de novembro de 2015). «Osasco Audax perde para o Corinthians e se despede do Paulista Sub-17». Torcedores.com. Consultado em 16 de novembro de 2020. Cópia arquivada em 17 de novembro de 2020 
  9. «Santos reverte W.O. e faz clássico contra Corinthians pelo Paulista sub-17». GloboEsporte.com. 1 de novembro de 2015. Consultado em 16 de novembro de 2020. Cópia arquivada em 17 de novembro de 2020 
  10. Renata Lutfi (1 de novembro de 2015). «Sub-17 goleia Palmeiras e está na semifinal». Website oficial do São Paulo. Consultado em 16 de novembro de 2020. Cópia arquivada em 17 de novembro de 2020 
  11. Lucas Musetti (7 de novembro de 2015). «Santos e Corinthians ficam no empate pela semifinal do Paulista sub-17». Santos: GloboEsporte.com. Consultado em 16 de novembro de 2020. Cópia arquivada em 17 de novembro de 2020 
  12. a b «São Paulo e Santos vencem e irão disputar o título do Paulista sub-17». São Paulo: GloboEsporte.com. 14 de novembro de 2015. Consultado em 16 de novembro de 2020. Cópia arquivada em 17 de novembro de 2020 
  13. «Santos leva dois na Vila, mas empata com o São Paulo na decisão do Paulista sub-17». GloboEsporte.com. Consultado em 16 de novembro de 2020. Cópia arquivada em 17 de novembro de 2020 
  14. Natália de Oliveira; Emilio Botta (28 de novembro de 2015). «São Paulo reage rápido e conquista sub-17 ao empatar com o Santos». Cotia: GloboEsporte.com. Consultado em 16 de novembro de 2020. Cópia arquivada em 17 de novembro de 2020 

Ligações externasEditar