Abrir menu principal

Wikipédia β

Campeonato Paulista de Futebol de 1981

O Campeonato Paulista de Futebol de 1981[1] foi a 80.ª edição do [[torneio, promovida pela Federação Paulista de Futebol, e teve o São Paulo[2] como campeão, a Ponte Preta com o vice e Jorge Mendonça do Guarani como o artilheiro do campeonato marcando 38 gols.

Campeonato Paulista de Futebol de 1981
Campeonato Paulista da Primeira Divisão de Futebol Profissional de 1981
Dados
Participantes 20
Período 25 de fevereiro – 29 de novembro
Gol(o)s 1190
Partidas 537
Média 2,22 gol(o)s por partida
Campeão São Paulo (13º título)
Vice-campeão Ponte Preta
Melhor marcador Jorge Mendonça (Guarani) -
38 gols
◄◄ São Paulo 1980 Soccerball.svg 1982 São Paulo ►►

A disputa teve um total de 537 jogos e foram marcados 1190 gols, o que resultou em uma média de 2,22 gols por jogo.[3]

Índice

RegulamentoEditar

O campeonato foi dividido em dois turnos, cujos campeões se enfrentariam em uma final (a não ser que um mesmo time vencesse os dois turnos; neste caso, ele seria declarado campeão sem a necessidade da final). Cada turno foi composto de um "torneio seletivo", o turno propriamente dito, um octogonal e uma final. Os seis primeiros colocados na soma de pontos apenas dos turnos garantiriam vagas para o Campeonato Brasileiro de 1982, juntando-se ao Guarani, campeão da Taça de Prata de 1981, equivalente à segunda divisão.[4]

Primeiro turnoEditar

Fase de classificaçãoEditar

Grupo Ouro
Pos. Time PG J V E D GP GC SG
1 São Bento 15 10 7 1 2 19 15 4
2 Marília 13 10 5 3 2 19 16 3
3 Juventus 9 10 3 3 4 16 19 -3
4 São José 9 10 3 3 4 15 12 -3
5 XV de Jaú 9 10 3 3 4 15 17 -2
6 Taubaté 5 10 1 3 6 14 19 -5
Grupo Vermelho
Pos. Time PG J V E D GP GC SG
1 Comercial 13 10 5 3 2 16 8 8
2 América 12 10 4 4 2 10 9 1
3 Ferroviária 11 10 5 1 4 15 12 3
4 Botafogo 10 10 3 4 3 11 11 0
5 Francana 9 10 2 5 3 10 10 0
6 Noroeste 5 10 2 1 7 9 21 -12

Finais da fase de classificaçãoEditar

5/4/1981 Marília 1–0 Comercial

5/4/1981 América 1–0 São Bento

12/4/1981 Comercial 2–0 Marília

12/4/1981 São Bento 1–1 América

Fase regularEditar

Pos Time PG J V E D GP GC SG
1 Ponte Preta 29 19 11 7 1 29 13 16
2 Guarani 25 19 9 7 3 36 23 13
3 Inter de Limeira 24 19 10 4 5 31 21 10
4 Botafogo 22 19 9 4 6 16 15 1
5 Portuguesa 22 19 8 6 5 19 16 3
6 Santos 21 19 9 3 7 26 20 6
6 Corinthians 21 19 7 7 5 28 20 8
6 XV de Jaú 21 19 7 7 5 20 16 4
9 Juventus 20 19 7 6 6 17 11 6
9 São José 20 19 6 8 5 21 22 -1
11 São Paulo 19 19 7 5 7 20 14 6
11 América 19 19 5 9 5 11 14 -3
11 Palmeiras 19 19 4 11 4 22 20 2
14 Taubaté 18 19 6 6 7 26 26 0
15 Comercial 17 19 5 7 7 15 26 -11
16 Francana 14 19 4 6 9 20 31 -11
17 Ferroviária 13 19 3 7 9 15 25 -10
18 Marília 12 19 4 4 11 16 28 -12
18 Noroeste 12 19 4 4 11 10 22 -12
20 São Bento 12 19 2 8 9 12 27 -15

Fase finalEditar

Grupo Vermelho
Pos. Time PG J V E D GP GC SG
1 Ponte Preta 9 6 3 3 0 9 2 7
2 América 7 6 2 3 1 4 3 1
3 Botafogo 5 6 1 3 2 2 4 -2
4 Santos 3 6 1 1 4 4 10 -6
Grupo Preto
Pos. Time PG J V E D GP GC SG
1 Guarani 10 6 4 2 0 10 2 8
2 Comercial 6 6 2 2 2 6 7 -1
3 Portuguesa 5 6 2 1 3 6 8 -2
4 Inter de Limeira 3 6 0 3 3 4 9 -5

Final do primeiro turnoEditar

1/8/1981 Guarani 1–1 Ponte Preta

5/8/1981 Ponte Preta 3–2 Guarani

Segundo turnoEditar

Fase de classificaçãoEditar

Grupo Verde
Pos. Time PG J V E D GP GC SG
1 Palmeiras 8 6 2 4 0 6 2 4
2 São Bento 7 6 3 1 2 5 4 1
3 Ferroviária 5 6 0 5 1 5 7 -2
4 XV de Jaú 4 6 0 4 2 3 6 -3
Grupo Ouro
Pos. Time PG J V E D GP GC SG
1 São Paulo 8 6 4 0 2 12 5 7
2 Noroeste 6 6 2 2 2 6 8 -2
3 Taubaté 5 6 2 1 3 5 9 -4
3 Francana 5 6 2 1 3 5 9 -4
Grupo Vermelho
Pos. Time PG J V E D GP GC SG
1 Corinthians 9 6 3 3 0 10 6 4
2 Juventus 7 6 2 3 1 8 5 3
3 São José 4 6 0 4 2 3 6 -3
3 Marília 4 6 0 4 2 5 9 -4

Finais da fase de classificaçãoEditar

Grupo Verde
Pos. Time PG J V E D GP GC SG
1 São Paulo 3 2 1 1 0 2 1 1
2 Palmeiras 2 2 1 0 1 1 1 0
3 Corinthians 1 2 0 1 1 1 2 -1

Fase regularEditar

Pos Time PG J V E D GP GC SG
1 São Paulo 25 19 11 3 5 36 18 18
2 Guarani 24 19 9 6 4 34 23 11
3 São José 22 19 8 6 5 19 18 1
3 Ponte Preta 22 19 7 8 4 31 20 11
3 XV de Jaú 22 19 7 8 4 24 17 7
3 Santos 22 19 7 8 4 21 15 6
7 Palmeiras 20 19 6 8 5 20 24 -4
8 Corinthians 19 19 6 7 6 23 23 0
8 Ferroviária 19 19 6 7 6 22 26 -4
8 Marília 19 19 5 9 5 24 26 -2
11 Comercial 18 19 7 4 8 20 31 -11
11 Portuguesa 18 19 5 8 6 16 17 -1
11 Juventus 18 19 4 10 5 26 21 5
11 Inter de Limeira 18 19 4 10 5 12 15 -3
11 São Bento 18 19 4 10 5 14 19 -5
16 Francana 17 19 4 9 6 18 22 -4
17 Botafogo 16 19 5 6 8 15 21 -6
18 Taubaté 15 19 4 7 8 21 25 -4
19 Noroeste 14 19 4 6 9 14 20 -6
19 América 14 19 3 8 8 12 21 -9

Fase finalEditar

Grupo Branco
Pos. Time PG J V E D GP GC SG
1 São Paulo 8 6 3 2 1 6 3 3
1 Guarani 8 6 2 4 0 9 5 4
3 Corinthians 7 6 2 3 1 5 4 1
4 XV de Jaú 1 6 0 1 5 3 11 -8
Grupo Preto
Pos. Time PG J V E D GP GC SG
1 São José 7 6 2 3 1 5 3 2
1 Palmeiras 7 6 2 3 1 5 4 1
3 Ponte Preta 5 6 1 3 2 2 4 -2
3 Santos 5 6 1 3 2 7 8 -1

Final do segundo turnoEditar

18/11/1981 São José 1–0 São Paulo

22/11/1981 São Paulo 3–2 São José

Disputa do títuloEditar

Em um campeonato com regulamento de disputa extremamente longo e confuso, cheio de fases de classificação, acabaram surgindo aberrações, como Ponte Preta e Guarani terminando com mais pontos que o campeão São Paulo.

Na fase regular do primeiro turno, houve um domínio dos times do interior, com exceção da Portuguesa e do Santos, que se classificaram para a fase final. Na final do turno, Guarani e Ponte Preta tiveram os dois maiores Dérbis Campineiros (até 2012, quando se encontraram novamente pela semifinal do Paulistão e o Bugre venceu), em importância, da história, com a Ponte levando a melhor, vencendo o turno e se classificando para a final.

Concomitantemente, os times não classificados disputaram as demais fases do segundo turno. São Paulo, Corinthians e Palmeiras acabaram fazendo o triangular final da fase classificatória do segundo turno. O São Paulo derrotou o Palmeiras e empatou com o Corinthians. O Palmeiras venceu então o Corinthians, garantindo o segundo lugar e a vaga junto ao São Paulo, campeão do triangular, na fase final do turno.

Já na fase final do segundo turno, o São Paulo foi campeão de seu grupo semifinal, eliminando o Corinthians, o Guarani e o XV de Jaú, enquanto no outro grupo o São José eliminou Palmeiras, Santos e Ponte Preta. O São José ganhou a primeira final por 1 a 0, mas o São Paulo ganhou a finalíssima por 3 a 2 e, tendo melhor campanha e a vantagem de dois resultados iguais, ganhou o returno e o direito de disputar a final do campeonato contra a Ponte Preta.

Na primeira final, houve empate em 1 a 1. Quatro dias depois, no Morumbi, o São Paulo fez 2 a 0 e sagrou-se bicampeão paulista. [5]

FinaisEditar


1º jogo - 25 de novembro de 1981[6] Ponte Preta 1 – 1 São Paulo Estádio do Morumbi, São Paulo

Toninho Oliveira   25' (1ºT) Serginho   21' (2ºT) Público: 38 163
Árbitro: Dulcídio Wanderley Boschillia

Ponte Preta: Carlos; Toninho Oliveira (Humberto), Juninho Fonseca, Nenê e Odirlei; Zé Mário, Marco Aurélio e Dicá; Serginho (Édson), Chicão e Osvaldo. Técnico: Jair Picerni

São Paulo: Waldir Peres; Getúlio, Nei, Dario Pereyra e Marinho Chagas; Almir, Everton e Renato Pé Murcho; Valtinho (Heriberto), Serginho Chulapa e Mário Sérgio. Técnico: Formiga


2º jogo - 29 de novembro de 1981[7] São Paulo 2 – 0 Ponte Preta Estádio do Morumbi, São Paulo

Renato   37' (1ºT)
Serginho   41' (2ºT)
Público: 63 841
Árbitro: Dulcídio Wanderley Boschillia

São Paulo: Waldir Peres, Getúlio, Gassem (Nei), Dario Pereyra, Marinho Chagas, Almir, Heriberto e Renato Pé Murcho; Paulo César (Tatu), Serginho Chulapa e Mário Sérgio. Técnico: Formiga

Ponte Preta: Carlos, Toninho Oliveira, Juninho Fonseca, Nenê e Odirlei; Zé Mario, Marco Aurélio e Dicá; Édson (Abel), Chicão (Humberto) e Osvaldo. Técnico: Jair Picerni

Classificação finalEditar

Grupo A
Pos. Time PG J V E D GP GC SG PTu
1 São Paulo 57 48 23 11 12 68 39 29 44
2 Ponte Preta 69 54 23 23 8 72 42 30 51
3 Guarani 68 52 24 19 7 89 53 36 49
4 Santos 51 50 18 15 17 58 53 5 43
5 XV de Jaú 44 44 14 16 14 47 44 3 43
6 Internacional 45 44 14 17 13 43 36 7 42
7 São José 51 46 17 17 12 48 46 2 42
8 Corinthians 47 44 15 17 12 56 47 9 40
9 Portuguesa 45 44 15 15 14 41 41 0 40
10 Palmeiras 46 44 12 22 10 47 48 -1 39
11 Botafogo 43 44 15 13 16 33 40 -7 38
12 Juventus 38 38 10 18 10 43 32 11 38
13 Comercial 35 38 12 11 15 35 57 -22 35
14 Taubaté 33 38 10 13 15 47 51 -4 33
15 América 33 38 8 17 13 23 35 -12 33
16 Ferroviária 31 38 9 14 15 37 51 -14 31
17 Marília 31 38 9 13 16 40 54 -14 31
18 Francana 31 38 8 15 15 38 53 -15 31
19 São Bento 30 38 6 18 14 26 46 -20 30
20 Noroeste 26 38 7 12 19 24 42 -18 26

A não ser pelo campeão e o vice, a classificação levou em conta apenas as pontuações dos turnos. Nos totais acima, foram descartadas as estatísticas dos torneios seletivos dos turnos, mas mantidas as dos respectivos octogonais. O São Bento disputaria e venceria a repescagem contra o vice-campeão da Segunda Divisão. O Noroeste foi rebaixado.


Campeão Paulista de 1981
 
SÃO PAULO
(13º título)

Referências

  1. «São Paulo Championship 1981». www.rsssfbrasil.com. Consultado em 3 de fevereiro de 2016 
  2. Marcelo Leme de Arruda (18 de julho de 2003). «São Paulo Championship 1981». The Rec.Sport.Soccer Statistics Foundation. Consultado em 20 de março de 2013 
  3. http://futpedia.globo.com/campeonato/campeonato-paulista/1981
  4. «Acaba o 2.º turno, continuam as dúvidas». Folha de S. Paulo (19 192). São Paulo: Empresa Folha da Manhã S/A. 19 de outubro de 1981. 13 páginas. ISSN 1414-5723. Consultado em 3 de abril de 2016 
  5. TricolorMania A história do Campeonato Paulista de 1981
  6. TABELÃO - SÃO PAULO; Campeonato Estadual; Decisão - 1º jogo - 25 de novembro de 1981: revista Placar nº603, página 78 - 4 de Dezembro de 1981
  7. TABELÃO - SÃO PAULO; Campeonato Estadual; Decisão - 2º jogo - 29 de novembro de 1981: revista Placar nº603, página 78 - 4 de Dezembro de 1981