Abrir menu principal

Campeonato Paulista de Futebol de 2001

Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde dezembro de 2012). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Campeonato Pulista de Futebol de 2001
Campeonato Paulista de Futebol Profissional da Série A-1 de 2001
Dados
Participantes 16
Período 20 de janeiro – 27 de maio
Gol(o)s 459
Partidas 126
Média 3,64 gol(o)s por partida
Campeão Corinthians (24º título)
Vice-campeão Botafogo
Melhor marcador Washington
◄◄ São Paulo 2000 Soccerball.svg 2002 São Paulo ►►

O Campeonato Paulista de Futebol de 2001 foi a 100.ª edição da principal divisão do futebol paulista. Teve o Corinthians como campeão e o Botafogo de Ribeirão Preto como o vice-campeão. Washington, da Ponte Preta, foi o artilheiro da competição, com 16 gols marcados.

Índice

Fórmula de disputaEditar

A primeira fase do Paulistão 2001 foi disputada por dezesseis clubes em apenas um grupo, jogando todos contra todos em turno único. Classificaram-se para a fase semifinal os quatro primeiros colocados. Nas semifinais, o Corinthians eliminou o Santos, enquanto o Botafogo de Ribeirão Preto avançou sobre a Ponte Preta. O Corinthians foi o campeão, com o Botafogo de Ribeirão Preto sendo o vice. O Corinthians venceu a primeira partida das finais, em Ribeirão Preto, por 3 a 0 e sagrou-se campeão com o empate por 0 a 0 no segundo jogo, no Morumbi, com público de mais de oitenta mil pessoas.

Empates eram seguidos por disputas de pênaltis, em que cada clube tinha direito a três cobranças, com cobranças alternadas se seguindo, em caso de novo empate, até ele ser quebrado.[1] Se o empate durante os noventa minutos tivesse sido com gols, o time vencedor da disputa por pênaltis receberia um ponto extra, além do conquistado em campo.[1] Entretanto, se não tivesse havido gols durante a partida, apenas o vencedor da disputa por pênaltis levaria um ponto, e o perdedor não levaria nenhum.[1]

A FPF também inovou ao utilizar em alguns jogos dois árbitros em campo, inclusive na decisão do campeonato. Mas a ideia não vingou e não foi mais usada posteriormente.

ParticipantesEditar

Primeira faseEditar

Paulistão 2001 - Primeira fase
Time PG J V VP E D GP GC SG %
EG ES G S
1 Ponte Preta 31 15 9 1 0 3 1 2 26 16 10 68,8
2 Santos 29 15 9 1 0 1 0 5 37 24 13 64,4
3 Corinthians 26 15 8 0 0 2 0 5 39 27 12 57,7
4 Botafogo 26 15 5 5 0 6 0 4 23 25 -2 57,7
5 São Caetano 25 15 6 3 0 4 0 5 29 22 7 55,5
6 Rio Branco 25 15 5 4 0 6 0 4 32 25 7 55,5
7 Palmeiras 24 15 7 1 0 2 1 5 28 25 3 53,3
8 São Paulo 24 15 6 3 0 3 0 6 32 26 6 53,3
9 Portuguesa 21 15 6 1 0 2 0 7 28 34 -6 46,6
10 União São João 20 15 6 0 0 2 0 7 34 34 0 44,4
11 Portuguesa Santista 20 15 6 0 0 2 1 6 25 39 -14 44,4
12 Internacional 18 15 4 1 1 4 1 6 26 21 5 40,0
13 Matonense 17 15 5 0 1 1 1 8 25 31 -6 37,7
14 União Barbarense 16 15 3 1 1 4 1 7 21 36 -15 35,5
15 Guarani 15 15 4 0 1 2 1 7 16 25 -9 33,3
16 Mogi Mirim 15 15 3 3 0 5 0 6 21 32 -9 33,3
PG — Pontos ganhos; J — Jogos; V - Vitórias; VP - Vitória nos pênaltis; EG - Após empate com gols;
ES - Após empate sem gols; E - Empates; G - Com gols; S - Sem gols; D - Derrotas; GP — Gols pró;
GC — Gols contra; SG — Saldo de gols; % - Aproveitamento de pontos
Zona de classificação à Semifinal
Zona de rebaixamento à Série A2 de 2002

SemifinaisEditar

6 de maio de 2001 Botafogo 2–1 Ponte Preta

6 de maio de 2001 Corinthians 1–1 Santos

13 de maio de 2001 Ponte Preta 3–3 Botafogo

13 de maio de 2001 Santos 1–2 Corinthians

Decisão do títuloEditar

20 de maio de 2001 Botafogo 0–3 Corinthians

27 de maio de 2001 Corinthians 0–0 Botafogo

Campeão Paulista de 2001
 
CORINTHIANS
(24º título)

Classificação geralEditar

Pos. Times PG J V E D GP GC SG Classificação ou rebaixamento
1   Corinthians 34 19 10 4 5 45 29 +16 Classificado a Copa do Campeões 2001
2   Botafogo-SP 31 19 6 8 5 28 32 -2
3   Ponte Preta 32 17 9 5 3 30 21 +9
4   Santos 30 17 9 2 6 39 31 +8
5   São Caetano 25 15 6 4 5 29 22 +7
6   Rio Branco 25 15 5 6 4 32 25 +7
7   Palmeiras 24 15 7 3 5 28 25 +3
8   São Paulo 24 15 6 3 6 32 26 +6
9   Portuguesa 21 15 6 2 7 28 34 -6
10   União São João 20 15 6 2 7 34 33 +1
11   Portuguesa Santista 20 15 6 3 6 25 39 -14
12   Inter de Limeira 18 15 4 5 6 25 20 +5
13   Matonense 17 15 5 2 8 25 31 -6
14   União Barbarense 16 15 3 5 7 21 36 -15
15   Guarani 15 15 4 4 7 14 24 -10
16   Mogi Mirim 15 15 3 6 6 23 30 -7

Ver tambémEditar

  Este artigo sobre futebol brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
  1. a b c «A matemática dos pênaltis». São Paulo: S.A. O Estado de S. Paulo. O Estado de S. Paulo (39 176): E1. 20 de janeiro de 2001. ISSN 1516-2931. Consultado em 9 de fevereiro de 2016.