Abrir menu principal

Campeonato Sul-Americano de Voleibol Masculino Sub-23

Campeonato Sul-Americano de Voleibol Masculino Sub-23
Voleibol Volleyball (indoor) pictogram.svg
Sede América do Sul
Organizador CSV
Edições
Primeira edição 2014
Edição atual 2016
Campeões
Primeiro campeão Bandeira do Brasil Brasil
Atual campeão Bandeira do Brasil Brasil (2º título)
Maior campeão Bandeira do Brasil Brasil (2 títulos)

O Campeonato Sul-Americano de Voleibol Masculino Sub-23 é um torneio de seleções de voleibol da América do Sul organizado pela Confederação Sul-Americana de Voleibol. Sua primeira edição ocorreu em 2014 no Brasil e teve como campeão a potência do esporte no continente, o Brasil.

HistóriaEditar

Após a criação da categoria sub-23 pela FIVB, as confederações continentais tiveram de encontrar um meio de poderem classificar suas seleções ao mundial da categoria sem utilizar o ranking das seleções adultas. A CSV junto com a NORCECA em 2012 realizaram em conjunto a primeira Copa Pan-Americana de Voleibol Masculino Sub-23 em 2013, onde colocaram em disputa duas vagas para cada confederação em jogo. A CSV, buscando um maior desenvolvimento da categoria no continente sul-americano, criou a categoria sub-22 a fim de dar um vaga ao campeão ao mundial sub-23, enquanto que a outra vaga ainda seria disputada pela Copa Pan-Americana Sub-23.

Assim, em 2014 realizou-se o primeiro torneio da categoria, em Saquarema, Brasil, com a participação das seleções da Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Paraguai e Uruguai. Com uma campanha perfeita, os brasileiros consagraram-se campeões, seguidos pelos argentinos, com a prata, e os chilenos, com o bronze. O ponteiro brasileiro Douglas Souza foi declarado MVP da competição.[1]

Para a segunda edição do torneio, em 2016, a CSV modificou o nome da categoria para Sub-23 para se adequar ao padrão da FIVB. Novamente com a participação de seis seleções, desta vez com Equador e Peru substituindo Paraguai e Uruguai, a competição se deu na cidade colombiana de Cartagena. As seleções do Brasil e da Argentina obtiveram novamente ouro e prata, respectivamente, enquanto os colombianos lutaram pelo bronze, vencendo os chilenos; na disputa pelo quinto lugar os peruanos venceram os equatorianos. O Oposto brasileiro Caio Alexandre foi declarado MVP da competição.[2][3][4]

ResultadosEditar

CAMPEONATO SUL-AMERICANO DE VOLEIBOL MASCULINO SUB-22
Ano Sede Ouro Prata Bronze 4º lugar
2014[1]
Detalhes
 
Saquarema
 
Brasil
 
Argentina
 
Chile
 
Colômbia
CAMPEONATO SUL-AMERICANO DE VOLEIBOL MASCULINO SUB-23
Ano Sede Ouro Prata Bronze 4º lugar
2016[2]
Detalhes
 
Cartagena
 
Brasil
 
Argentina
 
Colômbia
 
Chile

Quadro geralEditar

 Ordem  País       Total
1   Brasil 2 0 0 2
2   Argentina 0 2 0 2
3   Chile 0 0 1 1
  Colômbia 0 0 1 1

MVP por ediçãoEditar

Referências

Ligações externasEditar