Abrir menu principal

Campia

freguesia de Vouzela, Portugal
Portugal Portugal Campia 
  Freguesia  
Igreja Paroquial de Campia
Igreja Paroquial de Campia
Localização no concelho de Vouzela
Localização no concelho de Vouzela
Campia está localizado em: Portugal Continental
Campia
Localização de Campia em Portugal
Coordenadas 40° 40' 23" N 8° 13' 06" O
País Portugal Portugal
Concelho VZL.png Vouzela
Administração
- Tipo Junta de freguesia
- Presidente Carlos Manuel Tavares Duarte (PPD/PSD)
Área
- Total 37,06 km²
População (2011)
 - Total 1 558
    • Densidade 42 hab./km²

Campia é uma freguesia portuguesa do concelho de Vouzela, com 37,06 km² de área e 1 558 eleitores (2011). A sua densidade populacional é 41,6 hab/km².

É uma das doze das freguesias que constituem o concelho de Vouzela. Fica a cerca de 15 km da sede do concelho de Vouzela e é composta pelos seguintes lugares: Adside, Albitelhe (antes Alvitelhe), Cambarinho, Campia, Cercosa, Crasto, Fiais, Lousa, Malhadouro, Rebordinho, Seixa, Selores e Vales.

Índice

PopulaçãoEditar

População da freguesia de Campia [1]
1864 1878 1890 1900 1911 1920 1930 1940 1950 1960 1970 1981 1991 2001 2011
1 652 1 682 1 621 1 638 1 680 1 655 1 664 1 941 1 985 1 908 1 790 1 899 1 807 1 656 1 542

No ano de 1864 pertencia ao concelho de Oliveira de Frades, tendo passado a pertencer ao actual concelho por decreto de 2 de novembro de 1871

Património edificadoEditar

Na arquitectura civil várias casas senhoriais testemunham a existência de gente fidalga nestas terras. Nomeadamente no lugar de Rebordinho a Casa do Paço, que se encontra em completa degradação, como a maioria dos edifícios solarengos: pouco mais resta para além das paredes.

Para testemunhar a longevidade desta freguesia, ao lado da povoação do Crasto encontra-se um povoamento castrejo, o Castro do Cabeço do Couço, já classificado como imóvel de Interesse Público pelo IPPC.

A Igreja Paroquial de Campia, que existe desde tempos remotos, a determinada altura deve ter começado a ficar pequeno e inadequado, devido ao aumento da população e provavelmente também a maiores potencialidades económicas. Por estes motivos, vai então sofrer ampliações e transformações no decurso do século XVIII.

Entre 1750/57 foi edificada uma nova fachada e o corpo da igreja ampliado. Contudo a capela-mor só estaria completamente terminada em 1782 data em que foi passada licença para a sua bênção – altura em que a "capela-mor estava ladrilhada tinha tribuna e camarim pintados e dourados e tecto em abobada". Este belo templo de nave única, com capela mor rectangular, possui talha no retábulo mor, colaterais e púlpitos em estilo rococó. A fachada é barroca mas de cariz popular.

Para além da Igreja paroquial, encontram-se capelas espalhadas pelos diferentes lugares da freguesia e alminhas, que proliferam por todos os caminhos e encruzilhadas, de pedra talhada, encimadas por uma cruz, pedem: "A vós que ides passando, lembrai-vos de nós que estamos penando". São testemunhos de religiosidade popular que devem preservar.

Património naturalEditar

 
Praia Fluvial de Campia.
  • A Praia Fluvial de Campia situa-se na margem esquerda e direita do rio Alfusqueiro entre as povoações de Campia e Cercosa. Possui um açude que proporciona um belo espelho de água. Tem muitas sombras e um tapete de relva onde as pessoas da região desfrutam dos seus tempos livres. É um local propício a acampamentos de juventude e à realização de convívios de grupos. As suas águas límpidas proporcionam um bom banho. O rio, desde que munido da respectiva licença, proporciona a pesca da truta, do barbo, da boga e do bordalo. Com um pouco de sorte poderá ainda encontrar-se ao longo das suas margens, a jusante, a lontra. Possui um bar de apoio, casas de banho, chuveiros, mesas e um parque infantil e um dos seus acessos poderá ser feito através da A25.

Festas, feiras e romariasEditar

Desenvolvimento económicoEditar

A freguesia de Campia viveu durante muitos anos de uma agricultura de subsistência em que predominava a cultura do milho, do feijão, da batata, da vinha americana, de alguma criação de gado bovino e caprino e produção de leite.

Actualmente com estes sectores em crise, a mão-de-obra disponível deslocou-se para os sectores secundário e terciário.

Em Campia pode-se encontrar algumas unidades de criação de aves. A pecuária ainda é uma actividade económica com alguma importância e que esteve na origem da criação do Parque de Leilão de Gado, realizado na terceira terça-feira de cada mês, que serve à região de Lafões.

Existem ainda neste sector pomares de produção de fruta biológica, e grandes manchas florestais (carvalhos, pinheiro bravo e eucalipto).

Quanto ao sector secundário a freguesia possui cerca de cem empresas espalhadas por toda a freguesia, nomeadamente ao nível da produção têxtil, transformação de rochas ornamentais, pedreiras, artefactos de cimento, construção civil e obras públicas, metalurgia, serralharia civil, transportes de mercadorias, reciclagem de plástico, transformação de papel, exploração de madeiras, produção de papel artesanal e uma mini-hídrica no rio Alfusqueiro, entre Campia e Cercosa. Estas indústrias absorvem cerca de 60% da população activa. Para este desenvolvimento das indústrias teve um contributo decisivo a passagem da A25, que permitiu a instalação da Zona Industrial de Campia. Esta está equipada com uma ETAR.

No que diz respeito ao sector terciário, que ocupa 27% da população activa, destacam-se alguns estabelecimentos comerciais, tais como: mini-mercados, drogaria, loja de informática, salão de cabeleireira, papelaria, serviços de táxi, oficinas de mecânica, empresas de instalação de electricidade, canalizações e aquecimento, empresas de serviços florestais, viveiro de plantas florestais e ornamentais, empresa de reboques, empresa de limpezas domésticas e industriais e loja de abastecimentos agrícolas. Existem ainda alguns estabelecimentos de bebidas e restaurantes.

Serviços públicos e equipamentosEditar

A nível de serviços públicos, os habitantes da freguesia de Campia podem contar com um gabinete de contabilidade, a secção de bombeiros de Vouzela, um posto dos correios, uma extensão de saúde, uma farmácia, uma agência funerária, um gabinete de recolha de análises, um posto udométrico, um dentista e uma agência bancária com um posto de Multibanco.

No capítulo da acção social, contam com um lar de idosos edificado a pouco mais que 4 anos e uma creche.

Referências

  1. Instituto Nacional de Estatística (Recenseamentos Gerais da População) - https://www.ine.pt/xportal/xmain?xpid=INE&xpgid=ine_publicacoes

Ligações externasEditar