Can You Ever Forgive Me?

Can You Ever Forgive Me? (bra: Poderia Me Perdoar?[3][4]; prt: Can You Ever Forgive Me? - Memórias de uma Falsificadora Literária[5][6]) é um filme americano de 2018, do gênero comédia dramático-biográfica, dirigido por Marielle Heller, com roteiro de Nicole Holofcener e Jeff Whitty baseado na autobiografia de Lee Israel.[6][5]

Can You Ever Forgive Me?
Cartaz promocional
No Brasil Poderia Me Perdoar?
Em Portugal Can You Ever Forgive Me? - Memórias de uma Falsificadora Literária
 Estados Unidos
2018 •  cor •  107 min 
Direção Marielle Heller
Produção Anne Carey
Amy Nauiokas
David Yarnell
Roteiro Nicole Holofcener
Jeff Whitty
Baseado em Can You Ever Forgive Me?,
de Lee Israel
Elenco Melissa McCarthy
Richard E. Grant
Gênero comédia dramático-biográfica
Música Nate Heller
Cinematografia Brandon Trost
Edição Anna McCabe
Companhia(s) produtora(s) TSG Entertainment
Archer Gray Productions
Distribuição Fox Searchlight Pictures
Lançamento  Estados Unidos 19 de outubro de 2018
Idioma inglês
Orçamento US$ 10 milhões[1]
Receita US$ 11,7 milhões[2]

O filme é estrelado por Melissa McCarthy no papel de Israel, escritora que, vendo-se em apuros financeiros, forja cartas de escritores e dramaturgos famosos, já mortos, e os vende como relíquias.[6]

Em Portugal o filme não chegou às telas do cinema, tendo estreado diretamente na televisão em setembro de 2019.[6]

SinopseEditar

Para enfrentar dificuldades financeiras, a jornalista Lee Israel começa a forjar cartas de celebridades mortas, vendendo-as como raridades. No início, o negócio vai bem, mas quando começam a desconfiar ela passa a negociar textos originais — roubados de bibliotecas.[3]

ElencoEditar

  • Melissa McCarthy ...... Lee Israel
  • Richard E. Grant ...... Jack Hock
  • Dolly Wells ...... Anna
  • Jane Curtin ...... Marjorie
  • Anna Deavere Smith ...... Elaine
  • Stephen Spinella ...... Paul
  • Ben Falcone ...... Alan Schmidt
  • Shae D'Lyn ...... Nell
  • Michael Cyril Creighton ...... Harry
  • Kevin Carolan ...... Tom Clancy
  • Marc Evan Jackson ...... Lloyd
  • Tim Cummings ...... Craig
  • Christian Navarro ...... Kurt
  • Joanna Adler ...... Arlene
  • Erik LaRay Harvey ...... agente Solonas
  • Gregory Korostishevsky ...... Andre
  • Brandon Scott Jones ...... Glen
  • Mary McCann ...... juiz

Produção e lançamentoEditar

Em abril de 2015, foi anunciado que Julianne Moore protagonizaria Israel, personagem do roteiro de Nicole Holofcener;[7] em julho de 2015, Moore saiu do projeto.[8] Em 14 de maio de 2015, o ator Chris O'Dowd entrou para o elenco.[9] Em maio de 2016, Melissa McCarthy foi confirmada como a protagonista do filme, que seria dirigido por Marielle Heller.[10] Em janeiro de 2017, Richard E. Grant, Jane Curtin, Dolly Wells, Anna Deavere Smith e Jennifer Westfeldt adentraram ao elenco. As gravações começaram em janeiro de 2017, na cidade de Nova Iorque, e terminaram em 2 de março de 2017.[11][12]

Can You Ever Forgive Me? foi lançado mundialmente no Festival de Cinema de Telluride, em 1 de setembro de 2018.[13][14] Além disso, foi exibido no Festival Internacional de Cinema de Toronto, em setembro de 2018.[15] Nos Estados Unidos, seu lançamento ocorreu em 19 de outubro de 2018.[16]

RecepçãoEditar

Crítica profissionalEditar

No Metacritic, o filme conta com uma nota de 87 de 100 pontos, baseada em 48 críticas que indicam aclamação universal.[17] No agregador de avaliações Rotten Tomatoes, o filme tem aprovação de 98% com base em 204 avaliações, e uma avaliação média de 8,2/10. Segundo o consenso do portal, "habilmente dirigido e atado com obscura sagacidade, Can You Ever Forgive Me? prova ser um mostruário para afetar profundamente o trabalho de Richard E. Grant e Melissa McCarthy."[18]

Peter Debrudge, da revista Variety, escreveu: "É preciso de uma atriz tão encantadora como Melissa McCarthy para tornar Lee Israel não apenas perdoável, mas francamente amável. [...] O filme dá a impressão de que a Fox Searchlight está tentando esconder, ou pelo menos subestimar, o lado homossexual dessa história: Lee era lésbica, enquanto Jack, abertamente homossexual, dificilmente consegue passar por um hidrante sem pedir seu número de telefone."[19] Simi Horwitz, da publicação Film Journal International, escreveu: "A performance de McCarthy foi impressionante e seus papeis anteriores não puderam antecipar o quão destemida e credível ela é ao interpretar Lee Israel."[20] Eric Kohn, do IndieWire, escreveu: "[O filme] é uma comédia melancólica de puro charme, onde Heller canaliza o ambiente urbano obscuro de Woody Allen; a performance de McCarthy eleva o material de todas as formas."[21]

BilheteriaEditar

Can You Ever Forgive Me? arrecadou US$ 150 000 após exibição em 5 cinemas na semana de abertura.[22] Na segunda semana de abertura, arrecadou US$ 380 000 após exibição em 25 cinemas.[23] Na terceira semana, as exibições foram expandidas para 180 cinemas, gerando uma arrecadação de US$ 1 080 000.[24] No quarto fim de semana, arrecadou US$ 1 500 000 após exibição em 391 cinemas.[25] No quinto fim de semana, arrecadou US$ 880 000 em 555 cinemas, formulando uma bilheteria total de US$ 5 000 000. Apesar da nomeações ao Globo de Ouro, o filme teve uma leve queda de 27% na bilheteria, gerando US$ 246 000 no fim de semana e formulando uma bilheteria total de US$ 7 100 000.[26]

Prêmios e indicaçõesEditar

Prêmio Categoria Recipiente Resultado
Oscar 2019 Melhor atriz Melissa McCarthy Indicado[27]
Melhor ator coadjuvante Richard E. Grant Indicado[27]
Melhor roteiro adaptado Nicole Holofcener, Jeff Whitty Indicado[27]
Globo de Ouro 2019 Melhor atriz - drama Melissa McCarthy Indicado[28]
Melhor ator coadjuvante Richard E. Grant Indicado[28]
BAFTA 2019 Melhor atriz Melissa McCarthy Indicado[29]
Melhor ator coadjuvante Richard E. Grant Indicado[29]
Melhor roteiro adaptado Nicole Holofcener, Jeff Whitty Indicado[29]

Referências

  1. McClintock, Pamela (8 de janeiro de 2019). «Making of 'Can You Ever Forgive Me?': How Melissa McCarthy Stepped In for Julianne Moore». The Hollywood Reporter. Consultado em 9 de janeiro de 2019 
  2. «Can You Ever Forgive Me? (2018) – Financial Information». The Numbers. Consultado em 16 de março de 2019 
  3. a b «Poderia Me Perdoar?». Brasil: AdoroCinema. Consultado em 28 de julho de 2020 
  4. «Poderia Me Perdoar?». Brasil: CinePlayers. Consultado em 28 de julho de 2020 
  5. a b Joel Pinto (7 de setembro de 2019). «Can You Ever Forgive Me - Memórias de Uma Falsificadora Literária estreia hoje na TV Portuguesa». Notícias e Tecnologia. Consultado em 28 de julho de 2020 
  6. a b c d Inês N. Lourenço (6 de setembro de 2019). «Lee Israel: a original história de uma falsificadora literária». Diário de Notícias. Consultado em 28 de julho de 2020 
  7. Child, Ben (10 de abril de 2015). «Steal Alice: Julianne Moore to play celebrity letter forger». The Guardian. Consultado em 30 de janeiro de 2017 
  8. McNary, Dave (15 de julho de 2015). «Julianne Moore Leaves 'Can You Ever Forgive Me?'». Variety. Consultado em 30 de janeiro de 2017 
  9. Kroll, Justin (14 de maio de 2015). «Chris O'Dowd to Co-Star With Julianne Moore in 'Can You Ever Forgive Me' (EXCLUSIVE)». Variety (em inglês). Consultado em 31 de janeiro de 2017 
  10. Thompson, Anne (17 de outubro de 2018). «'Can You Ever Forgive Me?': How Melissa McCarthy Replacing Julianne Moore Turned a Troubled Production into a Triumph». IndieWire. Consultado em 3 de novembro de 2018 
  11. N'Duka, Amanda (30 de janeiro de 2017). «Richard E. Grant & More Join Melissa McCarthy In 'Can You Ever Forgive Me'». Deadline Hollywood. Consultado em 30 de janeiro de 2017 
  12. «Can You Ever Forgive Me?» (PDF). Directors Guild of America. Consultado em 2 de março de 2017 
  13. Tapley, Kristopher (30 de agosto de 2018). «'First Man,' 'Front Runner' and 'Roma' Among 2018 Telluride Film Festival Selections». Variety. Consultado em 30 de agosto de 2018 
  14. «45th Telluride Film Festival (Program)» (PDF). Telluride Film Festival. 2018. pp. 13, 32. Consultado em 3 de novembro de 2018 
  15. Vlessing, Etan (24 de julho de 2018). «Toronto: Timothee Chalamet Starrer 'Beautiful Boy,' Dan Fogelman's 'Life Itself' Among Festival Lineup». The Hollywood Reporter. Consultado em 24 de julho de 2018 
  16. Merin, Jennifer (14 de outubro de 2018). «Movie of the Week October 19, 2018: Can You Ever Forgive Me». Alliance of Women Film Journalists. Consultado em 3 de novembro de 2018 
  17. «Can You Ever Forgive Me?». Metacritic. CBS Interactive. 2018. Consultado em 8 de dezembro de 2018 
  18. «Can You Ever Forgive Me». Rotten Tomatoes. Fandango. 2018. Consultado em 8 de dezembro de 2018 
  19. Debruge, Peter (2 de setembro de 2018). «Film Review: Melissa McCarthy in 'Can You Ever Forgive Me?'». Variety. Consultado em 3 de novembro de 2018 
  20. Horwitz, Simi (17 de outubro de 2018). «Film Review: Can You Ever Forgive Me?». Film Journal International. Consultado em 3 de novembro de 2018 
  21. Kohn, Eric (1 de setembro de 2018). «Can You Ever Forgive Me?' Review: Melissa McCarthy Gives Her Best Performance as a Forger Who Dreams of Fame — Telluride». IndieWire. Consultado em 3 de novembro de 2018 
  22. Brueggemann, Tom (21 de outubro de 2018). «Jonah Hill's 'Mid90s,' 'Can You Ever Forgive Me?,' and 'Wildlife' Start Strong». IndieWire. Consultado em 22 de novembro de 2018 
  23. Brooks, Brian (28 de outubro de 2018). «'Suspiria' Opens Big with Year's Best Average; 'Can You Ever Forgive Me?' Solid: Specialty Box Office». Deadline Hollywood. Consultado em 22 de novembro de 2018 
  24. Brooks, Brian (4 de novembro de 2018). «'Boy Erased' With Robust Bow; 'A Private War' Aims OK: Specialty Box Office». Deadline Hollywood. Penske Business Media. Consultado em 4 de novembro de 2018 
  25. Brooks, Brian (11 de novembro de 2018). «'El Angel' Blessed With OK Bow; 'Chef Flynn' Solid, 'Boy Erased' Expands: Specialty Box Office». Deadline Hollywood. Consultado em 22 de novembro de 2018 
  26. Brooks, Brian (18 de novembro de 2018). «'At Eternity's Gate' Paints Solid Start; 'Can You Ever Forgive Me' Crosses $5M: Specialty Box Office». Deadline Hollywood. Consultado em 22 de novembro de 2018 
  27. a b c «91.º Oscar - 2019». CinePlayers. Consultado em 28 de julho de 2020 
  28. a b «76.º Globo de Ouro - 2019». CinePlayers. Consultado em 28 de julho de 2020 
  29. a b c «BAFTA|Film in 2019». BAFTA Awards Database. Consultado em 28 de julho de 2020