O carão (Aramus guarauna) é uma ave gruiforme, presente no estado da Flórida e do México à Bolívia e Argentina e Brasil. É o único representante da família Aramidae e do género Aramus. Embora seja o único encontrado hoje em dia, existem vários fosseis da espécie Aramidae distribuídos pela América.[1]

Como ler uma infocaixa de taxonomiaCarão
Limpkin1.jpg
Estado de conservação
Espécie pouco preocupante
Pouco preocupante (IUCN 3.1)
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Aves
Ordem: Gruiformes
Família: Aramidae
Género: Aramus
Espécie: A. guarauna
Nome binomial
Aramus guarauna
(Linnaeus, 1766)
Distribuição geográfica
Limpkin-03.jpg

CaracterísticasEditar

O carão mede até 70 cm de comprimento, possuindo o corpo pardo-escuro com garganta branca, bico com mandíbula amarela, cabeça e pescoço estriados de branco e pernas negras. Constrói o ninho no solo, onde põe cerca de seis ovos por época. Alimenta-se de pequenos animais aquáticos, principalmente caracóis. Habita zonas pantanosas.

SubespéciesEditar

São reconhecidas quatro subespécies:[2]

  • Aramus guarauna guarauna (Linnaeus, 1766) - ocorre na América do Sul, exceto na costa árida a oeste da Cordilheira dos Andes e no extremo sul do continente;
  • Aramus guarauna elucus (J. L. Peters, 1925) - ocorre nas ilhas de Hispaniola e Porto Rico;
  • Aramus guarauna dolosus (J. L. Peters, 1925) - ocorre no sudoeste do México até o Panamá;
  • Aramus guarauna pictus (F. A. A. Meyer, 1794) - ocorre na Flórida, Cuba e Jamaica.

ReferênciasEditar

  1. Blog, Zoo. «Zoologia: Carão (Aramus guarauna)». Zoologia. segunda–feira, 20 de janeiro de 2014. Consultado em 13 de setembro de 2018 
  2. «carão (Aramus guarauna) | WikiAves - A Enciclopédia das Aves do Brasil». www.wikiaves.com.br. Consultado em 14 de setembro de 2021 
  Este artigo sobre Aves, integrado ao Projeto Aves, é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.